1. Spirit Fanfics >
  2. Flowers - Jikook >
  3. Flowers .01

História Flowers - Jikook - Capítulo 1


Escrita por: e night_


Notas do Autor


Olá leitores, tudo bem?
Essa fanfic foi feita com muito carinho, espero muito que gostem.
Os capítulos serão postados toda semana. Não serão muitos, 15 no máximo.

Capítulo 1 - Flowers .01


Fanfic / Fanfiction Flowers - Jikook - Capítulo 1 - Flowers .01

Wonderland, Busan. 

19_02_1754

03h27 


Park Jimin costumava sair de casa à luz da lua, tinha medo de si mesmo, não queria que as pessoas se sentissem intimidadas, preferia se esconder à ter que expor sua aparência e ser julgado, pelo menos, era oque pensava. 


Park, era portador de madeixas loiras, sua pele de uma coloração levemente rosada, seu corpo curvineo e magro, seus labios carnudos e avermelhados, seus olhos castanhos e pequenos, suas bochechas grandes e macias e seu nariz pequeno e delicado.


Algumas senhoras da Vila lhe traziam alimentos e deixavam em frente à casa, elas não tinham medo, sabiam que lá existia um belo rapaz, por terem conhecido sua mãe e receberem o pedido de cuidar do mesmo por ela, preparavam tortas, bolos e os deixavam legumes frescos.

Jimin, ficava muito agradecido por isso, porém tinha certeza que caso alguma delas o visse, fugiria e ele certamente morreria por falta de alimentação. Então optava por se esconder.


Park se encontrava nos fundos de sua casa, regando suas preciosas flores cuidadosamente, elas são certamente a coisa mais importante de sua vida. Fazem parte de si. 


Enquanto regava cada uma delas, notou algo que lhe assustou muito, havia indícios de que doze de suas lindas flores haviam sido arrancadas. Park, sentiu um nó se formar em sua garganta e logo se debruçou em lágrimas, alguém havia tirado a vida de suas preciosas flores, uma pessoa fria e sem coração, ao seu ver. Organizou suas coisas para voltar a dentro de sua casa e secou suas lágrimas, concordou consigo mesmo que replantaria as mesmas flores na noite seguinte. 


Olhou ao redor pela última vez, antes de entrar em sua pequena casa. Lá, deixou todos os utensílios que havia utilizado em um pequeno armário e foi em direção ao seu quarto, trocou suas vestes, por uma camisa velha e larga e se apressou para deitou em sua cama, caindo no sono rapidamente logo em seguida. 


▪︎Quebra de sequência ▪︎


Park acordou pouco mais de 7h00 da manhã, alongou seu corpo e foi em direção a janela, observando cautelosamente o movimento nas ruas, ao perceber que estavam vazias, abriu a porta devagar e pegou seu café da manhã, que se encontrava em uma cesta juntamente com um bilhete, e entrou para dentro rapidamente. 

Foi até a cozinha deixando a cesta encima da mesma e pegou o bilhete, o lendo em seguida.


Park Jimin,
Bom dia, espero que goste de tortas de morango, fiz duas para você.
Boa refeição.

Ass. Sra Chung

Sorriu, e o deixou em um canto qualquer. Abrindo a cesta em seguida e sentindo o doce aroma das tortas, tirando uma por uma e colocando-as em cima da mesa, foi até o armário e retirou um prato e uma faca para corta-la, e assim fez, retirou um generoso pedaço e assim se deliciou com seu doce predileto.


Após se alimentar, deixou os objetos sujos dentro de um balde com água, e os lavou, colocando-os para secar. Em seguida foi em direção a um cômodo afastado, onde guardava seus instrumentos para pintura, sentou -se em um pequeno banco e preparou seus utensílios para pintar, cada traço e cor representados na tela tinham um significado para Park, seus desenhos sempre foram abstratos, nunca tinham uma forma exata, porém todos tinham um significado obscuro e complexo. 


Passou a tarde toda no cômodo, pintando, nem reparou no tempo, que passou voando, já estava escurecendo, os moradores estavam se preparando para entrar em suas casas, pois havia um boato de que Park era uma criatura que saía pela noite para se alimentar das inocentes criancinhas. Pobre Park, era julgado sem ao menos poder se defender... 


Enquanto isso, um jovem ainda estava lá fora, roubando as belas e delicadas flores de Park, novamente. 


Notas Finais


Espero que tenham gostado.
Desculpe por qualquer erro...
Obrigado por ler :)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...