1. Spirit Fanfics >
  2. Fodidamente apaixonado >
  3. Eu vou te ajudar

História Fodidamente apaixonado - Capítulo 85


Escrita por:


Notas do Autor


Oioiii meninaaaaaas.

Bora lá?

Boaaa leituraaaa ❤️❤️❤️

Capítulo 85 - Eu vou te ajudar


Fanfic / Fanfiction Fodidamente apaixonado - Capítulo 85 - Eu vou te ajudar

Eu vou te ajudar

 

Povs altor

 

- Mais tirando a conclusão, esse sequestro foi muito bem planejado, não dá pra ser alguém de fora. Foi alguém daqui. - Lucy diz olhando para Tim. 

 

- A gente vai ter que interrogar os envolvidos e olhar todas as fitas deste dia. - Bella afima.

 

- É, daria se o Avicii não tivesse matado todo mundo. - Kyrre revira os olhos e diz. 

 

- Tem que ser. - Bella coloca a mão no rosto em negação. 

 

- O jeito vai ser esperar o Tiesto chegar pra hackearmos as câmeras e vermos todas as fitas. Tenho certeza de que tem umas coisas bem mal esclarecidas aqui. - Titi diz. 

 

- Mais vocês desconfiam de alguma coisa ou de alguém? - Lucy pergunta novamente. 

 

- Christopher? - Bella supõe.

 

- Não, esse aí já tá morto faz tempo, eu mesmo matei. - Tim diz sorrindo. 

 

Flashback on

 

- Olha se não é o fodão... - Tim diz enquanto passava a faca na grade da cela. - Acho que o jogo virou, não é? 

 

- Desgraçado. - O mesmo diz com uma cara de ódio. 

 

- Você disse que ía me matar? - Tim abre a porta da cela e caminha até o ruivo em passos lentos já que o mesmo estáva acorrentado na parede. 

 

- Acaba logo com isso, porra. - Christopher responde sem paciência. 

 

- Não, eu vou matar você leeeentamente. - O loiro passa a faca no rosto do ruivo sem cortar. - Esperei pra por isso a minha vida toda. 

 

- O que você vao fazer comigo? - Christopher mostra medo nos olhos e Tim percebe. 

 

- Você já vai saber. - Tim guarda a faca em seu bolso e retira um soco inglês do casaco. - Você me estressou todos esses anos, roubou a minha carga de armas, tentou bombardear a Suécia e mais um monte de parada irritante... Mais o seu erro não foi esse, o seu erro foi escostar a sua mão imunda na minha Maya. 

 

O mesmo acerta um soco na cara do ruivo e seu narris quebra na hora. 

 

- Hahahahahaha, tá apaixonado é? - Christopher ri da situação. - Sabe... O Skrillex me disse a mesma coisa. O que será que aquela vadia tem que deixa você e ele loucos? 

 

Tim se irrita mais e dá outro soco na cara do mesmo. 

 

- Ela não é vadia. - Tim diz muito bravo. 

 

- Tem razão, ela é tão linda... Até imagino como deve ser foder aquela gostosinha. - Christopher fala tirando Tim completamente do sério. 

 

O mesmo acerta vários socos na cara do ruivo que ele mais odiava em sua vida. Só parou quando viu que o mesmo estáva completamente apagado. O sangue pingava da cara dele no chão. Tim estáva com raiva... Muita raiva. Saiu batendo os pés pra fora do local, queria matar Christopher acordado. Por isso que foi atrás de um galão de gasolina. Quando achou, voltou para a cela e olhou o ruivo desacordo e com o rosto multilado. 

 

- Acorda filho da puta. - O mesmo joga um pouco de galosina na cara de Christopher e ele acorda gritando por que queimava. 

 

- MEU ROSTO ESTÁ ARDENDO! - Christopher grita. 

 

- Tá doendo é? - Tim diz retirando a faca do bolso de novo. - Vai Christopher, imagina agora. 

 

O mesmo começou a fazer varios cortes pelo corpo do mesmo. Christopher gritava e esperneava de dor, mais Tim não parava nunca. 

 

- EU TE ODEIO! - Tim gritou fervendo de ódio. 

 

Depois de ter feito varios cortes profundos no corpo do Christopher, Tim parou e olhou a situação do mesmo. 

 

- Você vai pagar por tudo isso que você fez e falou, maldito. - Foram as últimas palavras de Tim antes de pegar o galão de gasolina e jogar tudo em Christopher. 

 

- NÃO, PARA! - O mesmo implorou depois que percebeu o que Tim ía fazer. - Eu suplico, pelo amor de Deus, não me mata. 

 

- Vai se foder seu filho da puta. - Tim retira uma caixa de fosforo de sua calça e acende um. - Te encontro no inferno. 

 

Então Tim jogou o fósforo em Christopher e ele começou a pegar fogo. O mesmo então pega o óculos escuro que estava em sua blusa e coloca no rosto. Depois se senta na cadeira virada para o mesmo que estava peganado fogo e se senta nela. Sentiu falta de um cigarro e pegou um de seu bolso. Para completar, acendeu o mesmo no fogo de Christopher e voltou a assistir o "Show". 

 

Flashback Off

 

- Por que você não me chamou? - Kyrre diz bravo. 

 

- Sei lá, talvez porque você estava ocupado de mais engavidando a prima da sua mulher. - Tim diz tirando onda. 

 

- É sério? - Bella pergunta. 

 

- Não foi assim que as coisas aconteceram. - Kyrre tenta se explicar.

 

- Você não muda, não é? - Bella diz rindo. - Ai meu Deus. 

 

- Mais tem que ter alguma pista lá no hospital? - Lucy diz não convencida. - Quem exatamente o chefe matou? 

 

- O médico que cuidava da Mayer, as Infermeiras e os seguranças. - Kyrre responde a pergunta.

 

- Então aínda tem uma. - Titi diz sorrindo. 

 

- Você tá falando de quem? Da recepcionista? - Lucy diz entendendo.

 

- Claro, ela viu o sequestrador.- Bella também junta as peças. 

 

- Chefe, eu nunca pensei que ía dizer isso... Mais obrigada por não ter matado geral. - Lucy diz dando risada e todos correspondem. Até Tim. 

 

***

 

- Oi Mayzinha. - Sonny diz sorrindo para May que estava deitada na maca.  

 

Os dois estávam no Afeganistão, no estado de Cabul. Sonny levou May para lá, pois sabia que Tim não ía encontrá-los. Aquele era o local em que Tim tinha mandado Sonny para servir. Naquele local, Sonny era mais que respeitado por todos, e estariam muito mais que seguros. May não tinha acordado, estava internada na casa onde Sonny morava. Não ía arriscar deixá-la em um hospital para acontecer a mesma coisa que aconteceu com ela na Suécia. 

 

Sonny estáva feliz, finalmente May estava alí. Johanne tinha ajudado, se não fosse por ela, Sonny não tinha chegado nem pra fora do Hospital. 

 

Sonny estava sentado do lado de May, ela estáva tão bonita aquele dia. 

 

- Aquele desgraçado vai pagar por ter feito isso com você... - O mesmo diz passando a mão no rosto da mesma. - Quando você acordar, vamos finalmente viver a nossa vida, vamos nos casar, ter filhos e envelhecermos um do lado do outro. Eu vou cuidar de você, Maya. 

 

***

 

- Você tem que escolher o melhor vestido, Angel. - Angélica dizia revirando o armario da mesma. 

 

- Pra que? - End diz não entendendo. 

 

- Você vai sair com o Alok, Angel. - A mesma faz uma careta. 

 

- Eu não sei pra quê me emperiquitar toda, é só um jantar. - A mesma dá ombros. 

 

- Angel, você é casada com um homem PODRE de rico, vai sair com o Dj maia famosos do Brasil e não vai arrasar? - Angélica diz não entendendo. - Você tem que ficar linda, cara. Tá, você já é, mais tem que ficar mais aínda. Se eu tivesse 20% do dinheiro que o seu marido tem, o meu quarto estava repleto de vestidos caros e coisas de grife. Agora você tem e não aproveita nada. 

 

- O dinheiro não é tudo nessa vida. - End diz. - Eu não me importo nada com o dinheiro do Kyrre, e outra, o dinheiro é DELE e não meu. Não quero nada daquele homem, apenas distância. 

 

- Mesmo assim, você vai vestir o melhor que tem nesse guarda-roupas. - Angélica dá a última palavra. 

 

- Só que o jantar é na sexta-feira e hoje é quarta. - End fala. 

 

- Mais a gente já tem que ir escolhendo tudo agora. Eu tenho um par de saltos maravilhosos alí. - Angélica diz na maior animação. 

 

- Ai meu Deus do céu. - End revira os olhos. 

 

- Ah, e a gente vai no salão, temos que fazer as unhas, uma hidratação no cabelo... Temos muito trabalho, End. 

 

- Mais o meu salário de médica não vai cobrir isso e as contas da casa. - End diz se preocupando. - Aínda tem a escola dos meninos. 

 

- Angel, eu e o Matheus também trabalhamos... Claro, o dinheiro é pouco, mais podemos cobrir. - Angélica responde.

 

- Os custos dessa cobertura é muito caro. - End respira fundo e diz. 

 

- Isso aí é o de menos, a gente dá conta. - Angélica sorri de novo. 

 

- Tá bom, a gente vai sexta e compra umas coisas também. - End sorri se entregando. 

 

- Isso menina, vamos acabar com o moral do seu marido. E eu exigo que você dê uns belos beijos naquele bonitão. - Angélica sorri maliciosa. 

 

- Você sabe muito bem que eu não sou assim, não vou beijar ninguém. - End faz uma cara de nojo. - Vou só jantar e conversar com ele. 

 

- Tá com medo de trair o bonitão norueguês? - Angélica diz tirando sarro. 

 

- Não tem nada a ver com isso, é que não é porque eu e ele não estamos mais juntos que eu vou sair por aí ficando com qualquer um. 

 

- Você não esqueceu o chá, não é End? - Angélica tira mais sarro aínda da amiga e End fica muito vermelha. 

 

- Ai Angélica, cala essa boca. - A mesma pega um travesseiro de sua cama e lança na cara da amiga. 

 

- Mais me fala, qual é o tamanho dele? - A mesma pergunta se referindo ao pênis do loiro. 

 

- Ele me disse que tem 1 e 90 de altura. - End responde inocentemente

 

- Bicha burra, eu tô falando do PAU dele, não do ALTURA dele. - Angélica esclarece. 

 

- Eu não vou falar. - End diz vermelha, na verdade ela também não sabia, só sabia que era BEM maior que seu rosto. 

 

- Vai, fala. - Angélica insiste. - Eu vi umas fotos daquele gostoso sem camisa... Nossa amiga, que homem. 

 

- Que isso Angélica? Por que você estava vendo foto do Kyrre sem camisa? - End pergunta não entendendo esse fato. 

 

- Hahahaha, sabia que você ía ficar com ciúmes. - Angélica revela seu plano. - Você é louca pelo norueguês gostoso. 

 

- Eu não tenho ciúmes. - End dá ombros. - Eu só perguntei por que. 

 

- Sei... - Angélica morde o lábio. - Eu não estava vendo não, só queria ver a cara que você ía fazer. 

 

- Eu já disse, não tenho ciúmes dele e também não tenho motivos, nós dois não temos mais nada. 

 

- Sério, amiga? 

 

- É, eu não tenho ciúmes. Sinto uma raiva por a Yara estar grávida, mais ciúmes não. - End esclarece mais uma vez.

 

- Sei, aposto que você se corroe de ódio. - Angélica diz. - Amiga, quem não sente ciúmes, não ama. Eu quase morro quando o Theus veste terno e sai tão estiloso por aí. 

 

- Angélica, eu sou diferente. - End dá ombros mais uma vez. - Não sinto ciúmes nenhum dele. 

 

- Sente, você sente sim. - Angélica tenta convencer a amiga. - Aquele homem é lindo Angel, qualquer uma morreria por ele e você me diz que não tem ciúmes dele? 

 

- Digo, eu não tenho e pronto. 

 

- Você vai ver que tem. 

 

***

 

- Foi mal, não vou poder ficar aqui pra ir lá, Guetta me ligou e o Aroldo piorou de novo. - Kyrre revira os olhos e diz. 

 

- Vai, Kygo. - Tim responde não dando a mínima. Estava focado nos resultados que as pesquisas estavam dando.

 

- Você vai pra Noruega, Kygo? - Bella pergunta. 

 

- Vou, tenho que ficar de olho nas coisas por lá. - Kyrre diz. 

 

- Posso ir? - Bella pergunta sorrindo. 

 

- Sei não. - Kyrre faz caso. 

 

- Fica aqui com a gente. - Lucy protesta se recusando a deixar. 

 

- Vocês e o Tim dão conta sozinhos. - A mesma diz. - Quero muito ir em Hordaland. 

 

- Tá, vai. - Tim aceita numa boa. - Mais na hora que o Tiesto estiver aqui, você também tem que estar. 

 

- Tá. - Bella sorri e diz. - Vamos então, senhor Gørvell-Dahll?

 

- Eu deixei você ir? - Kyrre arqueia a sombrancelha. 

 

- Não deixou mais eu vou assim mesmo. - Bella diz nem aí para a palavra de Kyrre. 

 

- Hahahaha essa é a minha garota, vamos logo. - Kyrre coloca o braço atrás do pescoço da mesma e sai carregando para fora do escritório. 

 

- Sei não esses dois. - Titi diz olhando de canto. 

 

- Kygo considera a loira alí como uma irmã, não vai dar em cima dela. Até porque ele é louco pela ruiva dele. - Tim diz calmo. - Agora vamos trabalhar. 

 

***

 

Dentro do jato de Kyrre

 

- Você engravidou mesmo a prima da sua esposa? - Bella pergunta fitando o loiro em sua frente no jato. 

 

- Foi um acidente. - Kyrre respira fundo e diz. - Tinha acabado de brigar feio com a Angel e não pensei direito. 

 

- Eu vi fotos de vocês na Internet, porra... Ela é muito linda. - Bella diz sorrindo e encantada. - O que uma Italiana fina e cheia de cocozinho como aquela viu em você? 

 

- Não viu nada, ela não se casou comigo porque eu quis. Eu comprei ela do pai. - Kyrre diz na maior calma. - Até uns meses atrás ela me odiava, fiz muita merda na vida dela. 

 

- Ai meu Deus... - Bella diz tapando a boca. - Me conta tudo o que aconteceu.

 

***

 

- E foi isso. - Kyrre abre o jogo. 

 

- Você é um ogro, Kyrre. - Bella faz uma cara de nojo. - Como você pôde? 

 

- Não sei, eu estava fodido da vida e descontei tudo nela. - Kyrre diz se decepcionando mais aínda consigo mesmo. - E agora eu estou fodidamente apaixonado por ela e ela não quer me ver. 

 

- O que você fez não foi certo, ela também não agiu nos comformes... Mais você se arrependeu, acho que se ela te ama mesmo, vai te perdoar. - Bella se levanta da poutrona e se senta do lado de Kyrre na outra. - Não se preocupa, mano, se você ama mesmo aquela ruiva, eu vou te ajudar a voltar com ela. 

 

Não adianta, ela bate os pés que quer o divórcio. - Kyrre diz. 

 

- Mais vai dar certo, amanhã eu vou falar com a JohnnY. - Bella diz sorrindo. - Faço tudo pelo meu professor da bandidagem. 

 

- Hahahahaha, boba. - Kyrre passa o braço pelo pescoço da mesma de novo. - Mais e você, como anda com os namorados? 

 

- Na verdade eu gosto de um cara, ele é muito bonito, mais infelizmente não é pra mim. Ele é casado e gosta muito da mulher. - Bella diz sorrindo novamente. 

 

- Mais se você quiser, posso dar um fim na tal mulher e você pode ficar com ele. - Kyrre corresponde o sorriso. 

 

- Não, não sou do tipo que estraga o casamento dos outros. Espero que os dois sejam felizes. 

 

- Essa é a minha garota. - Kyrre elogia. - Seu eu fosse casado, eu me casaria com você. 

 

- Sério? - A mesma se vira e pergunta. 

 

- Claro, você é mó gostosa. - Kyrre morde os lábios e diz. 

 

- Cala a boca! - Bella dá uma cotovelada nas costelas do assanhado. 

 

- Hahahahaha. - Kyrre dá uma gargalhada alta. 

 

Bella estava disposta a fazer Kyrre se reconciliar com a esposa. Mais mal sabia ela que a ruiva já estava em outra. 

 

Continua?...


Notas Finais


Ahhahahahaha como ficou??? Hj não vou postar o meu ponto de vista, falem vocês o que acharam...

Quem será o homem casado que a bella tá afim hein? 😏

Amanhã eu não posto pq tem more than brothers

Bjjssss ❤️❤️✊🏻😔


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...