1. Spirit Fanfics >
  2. Fogo e gelo (Supercorp AU) >
  3. Outra esposa

História Fogo e gelo (Supercorp AU) - Capítulo 22


Escrita por:


Notas do Autor


É isso ai..Só lembrado que isso é apenas o começo da fic então muita coisa ainda vai acontecer.. :)

Capítulo 22 - Outra esposa


Pov Kara

Cada segundo daquilo pareceu um tormento apertei forte meus olhos o que fez a dor de cabeça diminui um pouco tentei ficar de pé mais meu corpo não respondia logo as minhas costas passaram a queimar por uns segundos até que parou foi então que aconteceu senti um par de asas brotarem pra fora da minha pele me arrancando um grubido de dor,tentei ficar de pé novamente obtendo sucesso dessa vez movi uma das asas para frente próximo ao meu rosto toquei nela sentindo suas escamas sobre minha mão.

Diferente das do Draco elas tinham uma tonalidade prata quase chegando ao branco voltei a deixá-la pra trás e notei que as asas rasgaram minha roupa olhei em volta e ninguém estava por perto a última coisa que precisava era um dos convidados me vendo dessa forma.

"E agora?Como faço pra esconde-las?Eu não posso ficar com elas assim.. Bem não deve ser tão difícil."

Tentei fazer elas voltarem mais parecia impossível.Respirei fundo e foquei apenas nelas até que funcionou agora só precisava sai de lá,peguei minhas roupas e dei alguns passos em direção ao castelo então notei alguém encostado na parede do corredor pra minha surpresa se tratava da Lucy.

-Eu tentei ir atrás de você mais não consegui chegar antes dela,vocês brigaram?

-Não.. Por que está aqui?Deveria estar com os outros convidados.

-Por que não poderia te deixar por ai naquele estado..O que houve com suas roupas?

-Oh.. Minhas asas apareceram.

-Deve ter sido horrível.. Se aproximou de mim tocando minhas costas.

-Sim foi,mais estou bem agora. Me afastei do seu toque

-Claro.. Sinto muito pelo que houve,eu não achei que ela fosse escolher o Jack sabia que eles estava planejando algo até achei que tentaria sequestra-lá.

-É isso foi uma surpresa, mais ela o ama e o príncipe Jack foi seu primeiro amor.. Infelizmente não se pode mandar no coração.

-Eu sei.. Pareceu triste

-Tudo bem?

-Quão doce você é.. Sim estou bem,eu era quem deveria perguntar isso considerando tudo pelo que passou.

-Irei ficar,agora se me der licença como pode ver preciso de outra roupa.

-Espera.

-Sim?

-Eu tenho uma proposta pra você.

-E o que seria isso?

-Podemos falar em particular.. Não quero que ninguém mais escute.

-Bem.. Tudo bem,venha.

A acompanhei até meu quarto após fechar a porta pegue uma outra camisa deixando as roupas rasgadas sobre uma cadeira.

-Então o que queria falar? Virei para encara-lá e notei ela me olhando

-Eu..

-Você?

-Suspiro Eu sei que o conselhos vai mandar um representante em breve para te fazer uma "vista". Deu ênfase na palavra visita o que não era bom

-Oh.. Frazi o cenho em preocupação

-Vejo que já save o motivo disso.

-Sim,o herdeiro que fazem questão para que meu reinado seja segundo eles seguro.

-São um bando de hipócritas isso sim.

-Compartilhamos a mesmo opinião.

-É por isso que quero ajudá-la nisso.

-Como?

-Se você quiser irei carregar seu herdeiro.

-Você quer dizer que .. Nós tipo eu e você?

-Sim esse seria é a unica forma de fazer isso. 

"Uau..Não posso fazer isso muito menos assim sobre tais substâncias nem a conheço direito,sem falar que ela é minha prima tal envolvimento seria errado não é?.."

-Eu agradeço sua proposta mais não posso fazer isso.

-Por que não?

-Não conseguiria principalmente por ser apenas para agradar o conselho,olha eu acredito plenamete que se não houver sentimento tal intimidade nunca deveria acontecer.

-Tão sentimental.. Como podem ser tão parecidos? Murmurou com a expressão frustradas

-Com quem? Perguntei curiosa

-Ninguém,e o que pretende fazer afinal?

-Ainda não sei.. Não faço questão de pensar em nada disso agora.

-Infelizmente não será possível,Kara você é a rainha desse reino e sendo assim se esconder por que esta machucada é algo que não iria pode fazer.

-O que sabe sobre ser uma rainha afinal?

-Muitas coisas.. Eu sou a herdeira do trono de mermaids.

-Onde fica isso?

-Era uma espécie de cidade subaquática onde ficava meu reino passei séculos como regente desde a morte do meu pai.

-Seu pai era uma sereia?

-Um tritão e sim ele era.

-Oh..Não sei se realmente quero saber disso mais a minha curiosidade está me dominado então tenho de pergunta..

-Você quer saber como ele e minha mãe mantiveram sua vida sexual sendo que meu pai tinha uma cauda em vez de pernas?

-Sim.

-Ele foi um dos primeiros tritões então ele podia andar sobre a terra por um certo período de tempo.

-Oh.. Espera como que você pretendia carregar um filho meu sendo que esta noiva do rei Alaric?

-Eu iria deixá-lo.Falou como se não fosse nada

-Não se importa com os sentimentos dele?Ele realmente parece gostar de você.

-Você tinha razão eu estou usando ele para consegui algo mais não se trata apenas de vingança.

-E o que seria isso?

-Ainda não posso te contar.

-Sabe eu já cansei disso todos esses segredos e mentiras,Suspiro isso tudo está me corroendo e algo não parece certo.. E não consigo evitar essa sensação que deixei passar algumas coisas importante. Disse sentando na cama

-Você tem um senso de honrar muito forte sendo assim a mentira é algo que sempre repudiara está no seu sangue.

-Isso também não deveria acontecer com você?afinal você também tem o mesmo sangue que eu.

-Acontece e isso está me matando mais não posso voltar atrás.

-Claro que pode Lucy ninguém está te obrigando ou está?

-Não isso tudo é por mim e de certa forma para honrar um antigo trato.

-Isso é mais importante do que manter sua consciência limpa?

-Sim.

-Bem.. Não estou no meu melhor momento então não vou mais tentar te convencer.

-Ótimo você não iria conseguir.. Vai mesmo deixar ele levá-la?

-Não posso prende-lá se é o que está insinuando.

-Claro que não é isso apenas.. Você parece realmente gostar dela.

-E por esse motivo não posso ser egoísta eu quero sua felicidade independente de com quem ela seja.

-Isso é muito altruísta.. Me perguntou de quem herdou esse traço afinal todos seus parentes eram um pouco egoísta.

-Não conhecida meus pais?

-Sim é por isso sei que nenhum deles agiria dessa forma no seu lugar.

-Mesmo?

-Sim,é da natureza humana ser egoísta e seu pai era metade humano e sua mãe bom você sabe.

-Então acho que esse traço adquiri com o tempo.

-Bom espero que isso não destrua suas chances de ser feliz..Como não quer minha ajuda é melhor eu voltar pra festa,nos vemos por aí e pense um pouco mais em você ser egoísta as vezes é necessário.

Depois da sua saida fique com suas palavras dando voltas na minha cabeça,eu jamais seria egoísta em relação a Lena isso não seria justo principalmente quando ela já sofreu tanto com a morte do marido.Tirei a roupa e entrei em baixo dos lençóis só queria dormi ao menos assim toda essa duvida e dor desapareciam por um tempo.

Pov Narrador

Um mês depois

Tudo no reino parecia cinza para a jovem rainha nada mais fazia sentido e isso se espalhou pelo castelo até mesmo seus subordinados passaram a agir mais silêncios e calmos,todo o reino parecia ter perdido seu brilho por consequência do desaparecimento repentino de kara.

A mesma decidiu não sair do quarto por um tempo isso preocupou seus familiares,uma ruiva tempestuosa marchava com uma cara de brava até os aposentos da irmã.Após bater freneticamente na porta pareceu impaciente au não ouvir uma resposta dela.

A loira abriu os olhos devagar com todo o barulho na sua porta era difícil dormi,apenas olhou em direção as batidas e voltou a deitar cobrindo seu rosto com o travesseiro.

-Kara eu sei que estar acoradada,abre essa porta você não pode mais fugir dessa forma. Falou voltando a bater na porta

-Urg vai embora Alex.. Murmurou se encolhendo nas cobertas

-Não vou,agora abre ou terei que derrubar.

-Vai em frente,você só vai se machucar.

-Ela acha que eu vou deixar que continue se afundando assim está muito enganada. Falou e saiu em direção a um dos soldados

Após alguns instantes ela voltou com um sorriso vitorioso segurando um molho de chaves em uma das mãos,ao adentrar no quarto a mais velha deu de cara com a loira completarem coberta e se aproximou da cama puxando as cobertas.

-Como entrou? Perguntou surpresa ao vê-la a suas frente de braços cruzados

-Chaves extras todos os quartos desse castelo tem uma cópia guardada,agora levanta daí não pode ficar fazendo corpo mole.

-Não me importo. Falou cobrindo o rosto com um dos travesseiros

-Olha eu entendo que esteja sofrendo mais o reino precisa da sua rainha,Suspiro também não esperava algo assim da Lena esse não é motivo para ficar nesse quarto pro resto da vida não pode fazer isso..

-Posso sim.

-Não,você não pode.. Vem tem que ser forte eu sei que consegue superar isso. Disse estendendo a mão em suas direção

-E se eu não quiser ser forte Alex?Mesmo que seja uma princesa nunca quis nada disso,só aceitei por que achei que seria o certo para o povo aguentei tudo e lutei em batalhas por eles eu tirei vidas algo que repúdio imensamente. Falou se sentando na cama

-Então faça isso pelo povo..

-Por que?Eu sempre agi e dei o meu melhor para agradar a todos,e pra que?eles continuaram me julgando por algo que não tive culpa alguma e nem se quer se importaram com meus sentimentos!Os humanos são egoístas e manipuladores só pegam tudo que querem sem se importar com os outros.

-Por que você é esse ser incrível altruístas e com o melhor caráter que já conheci,Kara a vida é injusta e machuca as vezes mais não pode deixar isso te derrubar.

-Alex eu não consigo fazer essa dor ir embora.. Murmurou com os olhos marejados

-Eu queria poder te ajudar e tirar esse sofrimento de você mais infelizmente não posso,isso é algo que só você pode fazer tem que se esforça pra suspera. Sentou ao seu lado envolvendo no abraço a redor da mais nova

-Por que ela fez isso comigo?Eu dei o meu melhor.. A encarou com a expressão triste

-Temo não saber como te responder,mais olha se ela o escolheu tudo que resta fazer é seguir sua vida. Disse acariciando seu rosto

-Mais eu..

-Você é bem mais forte que isso,a pessoas fora desse castelo que depende da sua rainha.

-Suspiro Eu sei.. Você tem razão,não posso continuar assim pra sempre sem falar que a Lena deve esta feliz agora e isso meio que diminui essa dor.

-Ótimo,então continua pensando isso você também merece ser feliz..

-Não sei se isso sera possível mais vou tentar,é melhor eu tomar um banho. Disse franzido a testa

-Sim.. Você está fedendo. Sorriu a fazendo bufa

-Sério?

-Não mais ainda assim.

-Sim eu sei. Saiu em direção ao banheiro

Após tomar um banho e se vestir elas desceram até a mesa pois a loira tinha acabado de acorda e não teria tomado café da manhã ainda,tudo voltou a normalidade ao foi o que todos pensaram mal sabia que seu coração continuava despedaçado e talvez nunca voltasse a ser o que era.

Algumas horas depois 

Sala do trono

Todos estavam presentes na sala pois receberam uma mensagem do conselho sobre uma visita do seu representante logo um homem de aparência nobre adentrou o local sua presença era intimidadora e ao mesmo tempo calma o que só os confundiu mais,ele entrou e foi em direção ao trono fazendo uma reverência ao para a frente da rainha.

-Magestade eu sou John Jones e fui mandado aqui pelos membros do conselho.

-Já aguardávamos sua pensença.. 

-Então sabem o motivo da minha visita?

-Sim,está aqui por que o conselho ficou sabendo da volta do príncipe Jack e que a princesa Lena não está mais nesse castelo.

-Sim.. A senhora deve saber as regras que os monarcas que assumem o trono devem seguir..

-Eu sei.. Mais temo não poder cumpri-las isso por que como sabe minha até então esposa não se encontra mais aqui pelo que pode ver.

-Para isso a outra saída.

-Me casar novamente..

-Sim,isso ou pode passar o reino para ser governado por outro que será escolhido pelo conselho.

-Eu.. Falou olhando para os outros presentes

-A menos que já tenha outra pretendente..

-Ela tem,eu. Disse a morena chamando a atenção de todos

-Ora o conselho ficará feliz com isso mais.. Você é da realeza?

-Sim,sou herdeira do reino arevayin.

-Oh.. Achei que eles só tinham um filho.

-Sim mais eu não sou filha do atual rei e sim do príncipe Stefan.

-Mais ele morreu a mais de 800 anos atrás.. Como isso seria possível? Pareceu confuso

-A minha mãe era uma fada.. 

-Isso é.. O conselho tera que avaliar melhor isso.

-Nia.. Falou cobrindo o rosto

-Kara.. A ruiva falou indicando para a morena com um olhar estanho

-O que.. Murmurou confusa

-Santa paciência.. Sussurrou frustrada

-Oh.. Eu preciso falar com minha..pretendente. Disse franzido o cenho

-Claro.

Pov Kara

Após saírmos da sala a encarei incrédula então era isso que ela havia descoberto a Nia é uma princesa e como se não bastasse me deixou em uma posição complicada na frente de um representante do conselho,a puxei pelo mão e entramos em uma das salas vazias ninguém poderias ouvir isso.

-Por que fez isso?Você tem ideia do que fez?O conselho agora vai saber sobre você.

-Eu sei mais eu não podia deixar todos do reino  e da floresta sofrerem nas mãos de um novo monarca e você já sabe o que sinto não me importaria em fazer isso.

-Nia..Esse é um dos motivos por qual não posso fazer isso com você,eu só não quero que crie esperanças..

-E se pudesse gostar de mim?

-Eu..

"Arg Merda eu sei não mais o que fazer..Se eu voltar lá e fala que isso tudo é mentira ela estará em perigo pois o conselho a veria como inimiga e,será que ela.. Não a Nia jamais me causaria toda essa confusão apenas para que casasse com ela.Mais e agora como minha esposa eles não teria por que desconfiar dela ou teria?"

-Eu sinto muito por ter te colocado no meio disso eu só..

-Você queria proteger os outros eu sei..Mas Isso pode fazer com que eles te vejam como uma ameaça.

-Eles não fariam nada contra mim.. Ou sera que faria?

-Eu não sei.. Bom se fosse minha esposa não mais,Nia eu prometi que nunca te prenderia e um casamento bom ele faria exatamente isso sem falar de um filho.

-Eu sei que jamais faria isso por esse motivo aceitei vir com você mais já estou presa pelos meus sentimentos.. Nunca me apaixonei antes e não acho que isso vá mudar,kara as fadas são fiéis aos seus sentimentos por toda a vida.

-Quer dizer..tipo pra sempre?

-Sim.

"Cara e agora..?"

-Eu.. Disse franzido o cenho

-Suspiro Eu sei que você ama a Lena não quero mudar isso mais se aprendeu ama-lá por que o mesmo não pode acontecer comigo?

"A Alex falou que eu merecia ser feliz e se isso for possível com ela?A Nia é incrível e eu ainda gosto dela mesmo que não seja igual ao que sinto pela Lena talvez com o tempo isso passe.. Suspiro Que seja ela esta feliz com o Jack não posso sofrer pra sempre."

-Tudo bem.. Mais tem certeza que não se importa em fazer isso assim?

-Sério?Sim eu tenho certeza,você não vai se arrepende darei o meu melhor! Falou pulando em mim

"O que ela quis dizer com isso?"

-Ok.. Suspiro é melhor voltarmos ou o John vai começar a desconfiar.

-Claro. Disse me soltando

Voltamos para sala e quando falei para ele que resolvemos tudo e realmente iríamos casar todos pareceram aliviados isso realmente era o melhor não só pra mim mais também para o reino,no fundo senti que estava de alguma forma traindo a Lena mais ela não me deu outra escolha talvez ela não se importe com isso.





Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...