1. Spirit Fanfics >
  2. Follow Me >
  3. Maldito Uchiha!

História Follow Me - Capítulo 3


Escrita por:


Notas do Autor


Vamos lá, primeiro desculpem a demora para postar o capítulo, aconteceu muita coisa nesses dias e eu fiquei um pouco bloqueada com a história em si.
Mas agora estamos de volta e pretendo Att mais cedo dessa vez 😂😂

Vamos esclarecer umas coisas aqui antes de começar.
1- nessa fanfic vampiro não brilha, ainda estou pensando em como vai ser.
2- a Hinata não é igual a bela que tem medo da própria voz.
3- não leia esperando que vá ser igualzinho a crepúsculo por que vai se decepcionar.

Capítulo 3 - Maldito Uchiha!


Fanfic / Fanfiction Follow Me - Capítulo 3 - Maldito Uchiha!

 - Você não disse isso pra ele Hina?

- Eu tô falando que sim.

Naruto se jogou na cama da amiga gargalhando, sempre soube que a garota era da pá virada, mas daí a brigar com um cara que nem falou com ela era de mais.

- Para de rir você também.

- Eu paro, mas só se você for comigo comprar alguma coisa pra comer.

- Não precisa pedir duas vezes.

Ela pegou o celular e a carteira, grudou no braço do Uzumaki e eles desceram a escada como aqueles casais de filme de princesa. Na sala o pai de Naruto e o dela estavam conversando.

- Onde vocês vão?

- comprar alguma coisa pra comer pai – Hinata foi até Hiashi deixando um beijo na testa do mesmo.

- Pai, me empresta o carro aí, eu que não sou nem doido de subir na garupa dessa maluca.

Hinata lhe lançou um olhar mortal e mostrou a língua enquanto Minato jogava as chaves na direção do filho. Já fazia uma semana que havia se mudado, Sasuke mal falou com ela nos dois primeiros dias e depois não foi mais para a escola o resto da semana. Ino disse que geralmente era assim, quando dava na telha ele simplesmente sumia.

Naruto parou o carro em frente a um café que tinha ali perto e os dois saltaram do carro sorrindo, Hinata sentiu muita falta do melhor amigo e Naruto sentia falta dela também. Assim que entraram foram até uma mesa e Hinata virou os olhos por um minuto só para encontrar as ônix brilhando para ela. Sasuke estava ali com a loira que Hinata reconheceu como Temari.

- Naruto? – Ela chamou o amigo que olhava atento a tela do telefone – Ou coisa loira – Ela bateu a mão no aparelho derrubando sobre a mesa.

- O que, Hinata porra é novinho.

- Como se seu pai não tivesse como te dar outro – Ela deu de ombros e se virou os olhos quando ele lhe mostrou a língua.

- Tá, fala logo o que foi magrela.

- Aquele moreno ali naquela mesa – Apontou com os olhos – Ele é o Sasuke que eu te falei.

Naruto olhou para o Uchiha e quase rosnou ao ver o sorriso ladino nos lábios do moreno, Hinata por sua vez ficou observando a batalha silenciosa entre os dois colocando as mãos na boca para não rir.

- Se ficar encarando ele vai achar que está afim dele.

- Tá maluca.

Os dois riram e do outro lado do café Sasuke sorriu ouvindo a conversa dos dois enquanto Temari revirava os olhos.

- O que essa garota tem de especial afinal? É uma mortal, logo ela vai morrer.

- Eu não sei Temari – O Uchiha encarou os olhos verdes da “irmã” que apenas revirou os olhos e voltou a atenção para o celular.

Assim que pediram Naruto se levantou dizendo que ia até o banheiro e Hinata começou a comer sua torta de chocolate em perfeita paz até o Uchiha se levantar, mesmo sob o olhar de repreensão da irmã e ir até a mesa dela.

- Posso? – Ele apontou a cadeira vazia na frente dela e Hinata só observou os olhos tão negros que penetravam a pele.

- Eu estou acompanhada- rebateu e Sasuke riu e se sentou na cadeira mesmo assim.

- É seu namorado?

- Isso é da sua conta? – Hinata fuzilou o moreno com os olhos e ele negou com a cabeça soltando um riso mínimo.

- Alguém já disse que você é muito marrenta?

- O tempo todo.

- Interessante.

- É só isso que você queria?

- Não, vim avisar que sua bochecha tá suja de chocolate – Ele levou a mão até o rosto da Hyuuga e limpou a sujeira que ela fez.

- O-obrigada! – Ela se repreendeu, desde quando ela gaguejava na frente de alguém.

- Eu estou atrapalhando alguma coisa? – A voz rouca de Naruto assustou a morena e fez Sasuke cerrar o maxilar antes de responder.

- De forma alguma, Hyuuga, até segunda.

Ele saiu do café junto da irmã deixando Hinata de queixo caído e Naruto com o sangue nos olhos. Depois de comer eles pediram mais algumas coisas para viagem e voltaram para a casa de Hinata para assistir ao jogo, esse era o ritual de Hiashi e Minato todos os finais de semana.

¥¥¥

Em Suna

A figura de cabelos rosados sorria ao ver a cara da vítima encurralada contra a parede.

- Não tenha medo, isso vai acabar rapidinho.

Ela avançou sobre o homem de cabelos grisalhos e atacou seu pescoço enquanto sentia o sangue morno preencher a boca a risada estrondosa do namorado ecoou atrás dela, que soltou o corpo sem vida no chão limpando o canto dos lábios.

- Não me esperou para se divertir minha linda.

- Deidara meu amor, sempre é hora de diversão.

Ela se aproximou do namorado e rosnou antes de enfiar as mãos nos longos cabelos dourados e beijou os lábios com força enquanto ele a prendia contra a parede do beco sujo e apertava cada parte do corpo dela.

¥¥¥

Segunda chegou mais rápido do que Hinata queria e assim como todos os dias anteriores ela parou sua moto e desceu recebendo os olhares curiosos dos outros alunos, afinal era a única mulher a andar de moto ali.

Caminhou normalmente até suas aulas e como sempre na hora do almoço Sasuke estava lá a encarando enquanto segurava uma maçã, só que ela já estava de saco cheio daquela situação. Se levantou da cadeira ignorando os chamados de Ino e andou até a mesa dos Uchiha batendo as mãos sobre a madeira e encarou os olhos negros profundos.

- Qual é o seu problema comigo? – Sasuke riu e Shikamaru segurou as mãos de Temari para controlar a loira.

- Do que está falando?

- De você ficar me encarando, por um acaso eu estou fedendo carniça?

Sasuke fechou o semblante e se levantou puxando a morena pelo braço para fora dali, enquanto ela tentava se soltar do aperto do Uchiha ele apenas caminhava. Assim que parou do lado de fora da escola ele prendeu a Hyuuga contra a parede e chegou bem perto do seu ouvido sentindo o cheiro doce que o sangue dela tinha.

- Muito pelo contrário, é muito cheirosa.

E atacou os lábios dela com certa violência deixando a mulher estática até ele se separar dela.

- Te vejo por aí Hyuuga.

Enfiou as mãos no bolso da calça e saiu andando até a próxima aula que para o azar de Hinata era a mesma que ela.

- Maldito Uchiha!

Ela gritou fazendo Sasuke sorrir antes de abrir a porta e sumir por ela. Hinata era uma droga e ele estava doido para provar.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...