História For You - Capítulo 28


Escrita por:

Postado
Categorias Demi Lovato, Miley Cyrus
Personagens Demi Lovato, Miley Cyrus
Tags Demi Lovato, Diley, Dileyg!p, Miley Cyrus
Visualizações 287
Palavras 1.577
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, LGBT, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olha só quem voltou \o/

Espero que gostem do capitulo e leiam as notas finais tem recado u.u

Capítulo 28 - Chapter Twenty Seven


A festa da Demi já tinha acabado e Miley e Demi foram para a casa da morena onde chegaram, trocaram de roupas colocando roupas de banhos e foram para a piscina.

- Eu não acredito que eu concordei em entrar nessa piscina ainda mais a essa hora. – Demi falou reclamando.

Era duas e meia da manhã e Miley teve a brilhante ideia de entrarem na piscina para continuarem a festa agora particular.

- Eu te esquento morena. – Miley que estava só de top e sunga boxer abraçou Demi por trás.

- Sei. – Demi desdenhou.

- Está desconfiando de mim? – Miley perguntou com as sobrancelhas arqueadas.

- Na realidade eu quero ver se você vai ser boa mesmo em me esquentar. – Demi sorriu de lado e se jogou na piscina de uma vez. – Caramba está muito gelada.

- Eu estou indo te esquentar. – Miley disse maliciosa e se jogou na água também.

A loira foi nadando até a morena que estava encostada na beirada da piscina e quando chegou na mesma ela a abraçou pela cintura e Demi entrelaçou seus braços no pescoço da namorada.

- Eu já disse o quanto você fica gostosa de biquíni? – Miley sussurrou no ouvido de Demi e chupou o lóbulo da mesma a fazendo arrepiar.

- Não você nunca disse. – Demi sussurrou.

- Você fica muito gostosa Demetria. – Miley falou com a voz rouca e apertou a cintura da morena que a essa altura já estava rendida a loira.

Miley começou a beijar o pescoço da morena e subiu para o queixo até chegar na boca da mesma e lhe beijar com vontade.

A medida que o beijo ia esquentando Miley ia passando suas mãos pelo corpo da namorada, suas mãos agora estavam nas coxas grossas onde ela as apertou e deu impulso para que a morena subisse em seu colo.

Demi movimentava seu quadril sobre o de Miley no mesmo ritmo em que sua língua brincava com a da loira dentro da boca da mesma. Miley quebrou o beijou e deu um chupão no pescoço de Demi a fazendo gemer.

- Eu já estou louca para entrar em você sabia? – Miley disse maliciosa.

- E porque não entra? – Demi apertou suas pernas em volta da cintura da loira fazendo suas intimidades grudarem mais.

- Porque eu quero que você me peça. – A loira sorriu de lado e voltou a dar atenção ao pescoço da namorada.

Miley dava leve mordiscadas no pescoço de Demi enquanto ia desatando os nós da parte de cima do biquíni da morena e quando conseguiu o que queria ela levou a boca para o seio direito onde sugou o mamilo já durinho devido ao tesão que a morena sentia.

Demi apertava a cabeça de Miley contra seu seio enquanto jogava a cabeça para trás e gemia sem pudor. A loira agora mordia o mamilo enquanto beliscava o outro com os dedos.

Quando se saciou com os seios da namorada Miley a levantou fazendo com que a mesma se sentasse sobre a borda da piscina e ficou no meio das pernas da morena.

Miley segurou a calcinha do biquíni pelas suas tiras e a puxou para baixo jogando-a na água então com Demi nua a loira abriu as pernas da mesma e encarou o sexo da namorada vendo o quanto ele estava lubrificado e pronto para ela.

A loira passou seus dedos pelos lábios inferiores da intimidade de Demi e a mesma gemeu alto e abriu mais as pernas pronta para receber o que a namorada lhe quisesse dar.

- Oh Miley. – Demi gemeu quando sentiu dois dedos entrarem em sua intimidade apertada.

Miley entrava e saia de forma calma torturando mesmo a morena até que decidiu chupa-la então trocou seus dedos pela boca e deixou sua língua correr por aquela intimidade deliciosa.

A loira sentiu quando as paredes da intimidade da morena se fecharam contra sua língua então ela parou para poder falar com a mesma.

- Goza na minha boca Demetria! – Miley ordenou e voltou a chupar a mesma com força.

Miley chupou o clitóris da namorada e não foi preciso mais nada a mesma fechou as pernas entorno da cabeça da loira e jogou a sua cabeça para trás se permitindo gozar na boca da namorada essa que chupou todo o gozo da morena.

Demi estava tentando controlar sua respiração e enquanto isso Miley a observava e ia se despindo deixando seu top e sunga boiarem na água depois de nua ela puxou a morena de volta para água essa que já estava recuperada.

Miley voltou a beijar Demi com vontade mostrando o quanto ainda estava faminta por ela e a morena que recebia o beijo avassalador levou a mão esquerda para o pau da namorada e passou a masturba-la.

Enquanto a loira jogava o quadril contra a mão da namorada ela levou seus dedos ao clítoris da mesma e ficou o masturbando e hora ou outra ela ameaçava penetra-la, mas não o fazia o que estava deixando Demi enlouquecida.

- Para de me torturar. – Demi falou quando separaram o beijo.

- E o que você está fazendo comigo não é tortura? – Miley devolveu quando sentiu a morena apertar sua glande.

- Eu preciso de você, eu quero você dentro de mim agora. – Demi pediu desesperada.

- Eu sabia que você ia pedir. – A loira falou maliciosa.

- Cala a boca e me fode logo.

Rindo do desesperado da morena Miley a virou de costas e levou a mão para a coxa direita da morena a levantando e com a mão esquerda ela segurou seu pau e a penetrou, mas apenas a glande.

- É assim que você quer morena? – A loira sussurrou no ouvido de Demi.

- Não, eu quero você por inteira. – Demi falou com a voz rouca e Miley sentiu seu corpo se arrepiar.

Então sem aviso Miley penetrou a morena com força e rapidez fazendo Demi gemer alto e sem pudor algum. Demi segurava na borda da piscina enquanto Miley segurava sua cintura e coxa para poder entrar cada vez mais rápido e forte na namorada.

- Porra você é tão gostosa. – Miley falou no ouvido de Demi.

A morena passou a jogar seu quadril contra o da loira buscando por mais contato e foi aí que Miley atingiu o ponto sensível de Demi a fazendo gemer descontroladamente.

A loira focou em estocar ali até que sentiu as paredes da intimidade da morena se fecharem contra seu pau e aquilo foi o incentivo que Miley precisava para se empenhar mais e quando o fez Demi gozou e ela gozou atrás preenchendo a namorada com todo o seu gozo.

Elas estavam com as respirações desreguladas então ficaram quietas e quando se acalmaram Miley saiu de dentro de Demi e a mesma se virou de frente para ela a abraçando pelo pescoço.

- Então eu te esquentei? – A loira perguntou marota.

- É até que você foi bem. – Demi disse desdenhosa.

- Eu sei que eu fui bem por que os seus gemidos me confirmaram isso. – Miley disse com um sorrisinho de lado.

- Você se acha. – Demi rolou os olhos, mas riu.

- Eu não posso fazer nada se eu sou uma rainha no sexo. – Miley piscou divertida.

- Cala a boca. – Demi riu.

- Calo! – Miley falou marota e beijou a morena, mas agora era um beijo tranquilo e carinhoso sem segundas intenções.

- Miley! – Demi disse a repreendendo quando separaram o beijo.

- O que foi morena? – Miley perguntou preocupada.

- Transamos sem camisinha. – Demi falou séria.

- A gente sempre transa. – Miley falou de forma óbvia.

- É mais dessa vez você não tirou para gozar e eu estou sem tomar o meu remédio esqueceu? – A loira rapidamente arregalou os olhos.

- Amanhã vamos na farmácia e você compra a pílula do dia seguinte está bem?

- Tudo bem!

- Deus eu não posso ser mãe. – Miley estava nervosa.

- E o papo sobre “eu quero tudo com você?” – Demi perguntou com as sobrancelhas arqueadas enquanto fazia aspas com os dedos.

- Eu quero, mas não agora né morena até porque nós começamos a namorar a algumas horas. – Miley encolheu os ombros.

- É melhor a gente começar a usar camisinha. – Demi falou séria.

- A não, eu não gosto porque atrapalha demais. – Miley resmungou.

- É, mas corre o risco de a gente ter um filho.

- Eu prometo que não vou gozar mais dentro. – Falou sorrindo.

- Esse papo é velho viu? – Demi negou com a cabeça.

- Se for para transarmos sem camisinha eu aceito ter um filho agora. – Miley disse de forma sapeca e tomou um tapa da morena.

- Idiota! – Rolou os olhos. – Eu estou falando sério sabia?

- Eu sei morena e eu vou tomar mais cuidado eu juro! – Miley falou séria também.

- Nós duas temos que tomar. – Demi suspirou.

- Mas sabe apesar deu não estar preparada para ser mãe eu adoraria ter um bebê com você. – Miley falou de forma amorosa o que fez o coração da morena se aquecer.

- Eu te amo sabia? – Demi falou sorrindo.

- Eu amo você muito minha morena. – Miley deu um selinho em Demi.

- Você não tem noção do quanto é bom ouvir isso.

- Então eu nunca vou parar de falar. – A loira sorriu. – Agora o que acha de tomarmos um banho bem quentinho?

- Vamos.

Então as duas tomaram banho e se permitiram se amar mais uma vez naquela madrugada.


Notas Finais


Gostaram do hot? rs

GENTE É O SEGUINTE: Eu pensei em fazer uma mini maratona com vocês começando desse capitulo e mais três só que pra seguirmos com os capítulos cada um deles vai ter que bater 15 COMENTÁRIOS, mas lembrando que NÃO vai valer COMENTÁRIOS das mesmas PESSOAS, caso a pessoa comente mais de UMA VEZ, eu não vou contar e só vou voltar quando tiver os 15 comentários DIFERENTES!

Espero que tenham entendido e que topem o trato rs

PS: OS 15 COMENTÁRIOS JÁ ESTÁ VALENDO PARA ESSE CAPITULO ENTÃO AGORA É COM VOCÊS ^^


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...