História Forbidden Desires - Capítulo 5


Escrita por:

Postado
Categorias Hunter x Hunter
Personagens Alluka Zoldyck, Gon Freecss, Hisoka, Illumi Zoldyck, Isaac Netero, Killua Zoldyck, Kurapika, Leorio Paradinight, Personagens Originais
Visualizações 55
Palavras 1.864
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Bishoujo, Bishounen, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Famí­lia, Hentai, Luta, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Survival, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Yahho! A quantos tempo <3
Antes de me tacarem pedras deixem eu explicar U.U

Er...bem na verdade não tem o que explicar, o que aconteceu é que eu acabei ficando com preguiça e assistindo varias animes que acabei esquecendo de postar esse capitulo hahaha
Na verdade...preguiça é forte então posso usar a desculpa de "Bloqueio criativo"? Vou me sentir menos culpada kkkk
Gostaria de agradecer a todos os favoritos e comentarias, fico realmente feliz ^^

Boa leitura <3

Capítulo 5 - Geleia de Morango


Fanfic / Fanfiction Forbidden Desires - Capítulo 5 - Geleia de Morango

 


Geleia de Morango

"Talvez seja um castigo justo para aqueles que não possuem coração: só perceber isso quando não pode mais voltar atrás."

Como um filme às memorias daquele dia se repassaram em sua mente.

Os pelos de sua nuca acaba se arrepiando no mesmo momento que uma grande onda de choque passava por todo seu corpo, as unhas cravadas em sua mão lhe causava machucados à ponto de começarem a sangrar, suas lagrimas já escorria pelo seu rosto e seus olhos dublados encaravam friamente o menino de cabelos brancos que se encontrava a "discutir" com o moreno. Mas a loira acaba balançando a cabeça freneticamente enquanto limpa rapidamente as lagrimas que escorria pelo seu rosto. 

Claro que não era ele, os Zoldycks não deixariam seus filhos fazer o exame hunter, principalmente se esse filho for o prodígio deles e possivelmente o mais adoro entres eles. Abaixou seus olhos azuis com um sorriso cínico em seus lábios...mas se ele for mesmo um dos Zoldycks não seria uma má ideia entregar sua cabeça atravessada em uma estaca para os restantes da família.

Ela acabou voltando a correr indo para o lado do moreno de olhos acastanhando, seus olhos encararam as costas do albino durantes alguns segundos e logo em seguida um suspiro frustado escapou de seus lábios de maneira discreta. Encarou o chão durantes alguns segundos antes que sentisse um olhar queimar em sua pele, passando seus olhos por local inteiro acabou dando de cara com dois pares de olhos dourados lhe encarando. Arqueou uma de suas sobrancelhas juntos com um sorriso debochado que foi desenhando nos lábios da menor, mas sua atenção acaba se voltando com a discussão que ainda acontecia.

-Porque? Esse é um teste de resistência! -Leorio exclama.

-Não é não -o menor de olhos acastanhando fazendo que a loira concordasse mentalmente.

-O examinador só mandou que o seguisse, apenas isso -a loira revirou seus olhos soltando um suspiro frustado, por que estava com eles mesmo? nem para isca eles serviriam.

-De que lados vocês estão? -perguntou Leorio e acaba recendo um "Tsc" da loira.

O menino de cabelo branco acaba abrindo um sorriso enquanto desacelerava ficando próximos do menino de olhos castanhos e da loira que resmunga alguma coisa.

-Quantos anos vocês tem? -perguntou o mesmo encarando ambos.

-Tenho 14 -falou o moreno de olhos acastanhando enquanto corria.

Ambos olhos azuis se encontram no mesmo momento, a loira acabou encarando o mesmo do pés a cabeça antes de abrir um sorriso falso em seus lábios.

-14... -inclinou levemente sua cabeça antes de voltar à olhar para frente, deixando dois meninos com bochechas avermelhadas.

-Humm... -murmurou o menino depois de algum tempo, aquilo fez que uma aveia saltasse na testa da Kobayashi.

-Ahn? -o moreno de olhos castanhos acaba murmurando confuso.

Naquele momento o albino acaba fazendo uma pequena manobra com seu skate, descendo do mesmo e começando a correr do lado da loira que parecia estar novamente presa dentro de seus pensamentos e do menino de olhos castanhos que o encarava com os olhos brilhado. 

-É...acho que irei correr também... -falou e aquilo pareceu irritar ainda mais a loira que ignorou completamente a presença do ser de cabelos brancos ao seu lado.

-Wow! Aquilo foi maneiro -os olhos do menino continuava a brilhar por causa de sua animação e aquilo arrancou uma pequena risada da loiro- Não concorda Miya-chan? -perguntou para menina que continuava presa em seus pensamento.

-Hã? Claro... -concordou confusa e abriu um sorriso singelo- "Do que ele está falando?" -perguntou-se mentalmente mas logo em seguida acabou dando de ombros.

-Me chamo Killua -apresentou-se o menino de cabelos brancos.

-Eu sou Gon -animadamente se apresentou.

-Miya...  -pela terceira vez naquele dia se apresentou em um murmuro enquanto encarava de relance o albino.

***

Havia se passado quase 3 horas, e a loira achava que eles já haviam corrido 60 metros até agora, encarou em voltas e acabou vendo varias pessoas desistindo a cada segundo que passava, seus olhos encararam todos que caiam e via como o números de pessoas diminuíram, suspirou fundo e voltou a correr no mesmo estante. Não estava cansada, longe disso apenas sentia um pequeno incomodo em seu tornozelo que parecia lhe dar alguns pequenos choque enquanto corria, mas não seria aquilo que iria a impedir de completar aquela fase.

-Você está bem? -perguntou Killua para a loira que fazia pequenas caretas.

-Sim. -friamente disse antes de voltar a ignorar o mesmo, não deixando espaço para qualquer outra palavra.

Antes de qualquer coisa ser dita, o som de algo caindo no chão acaba chamando a atenção da loira que rapidamente acaba se virando para trás. Ao se virar acaba vendo Leorio havia deixando sua maleta cair no chão e que o mesmo havia parado de correr, naquele momento ela e Gon pararam de correr, enquanto o albino parou apenas alguns segundos depois.

-Hey, esquece ele. Vamos na frente -o albino falou despreocupado enquanto encarava o mais velho, e aquilo irritou ainda mais a loira.

Ele até não poderia ser um Zoldyck -pelo menos era nisso que a loira acabou acreditando no final das contas-, mas aquela aparência ainda lhe irritava profundamente e aquele jeito dele também a irritava ao ponto de querer arrancar a cabeça do albino.

-Cala-se antes que fique sem a língua -murmurou entre dentes antes de encara-lo mortalmente, fazendo que o mesmo arregalasse seus olhos. 

-Miya... -o moreno de olhos acastanhando acaba murmurando seu nome fazendo que a loira lhe encarasse também só que calma.

-Vá para o inferno... -murmurou Leorio fazendo que os três lhe olhasse- Eu vou me tornar um Hunter! Seus malditos! -ele gritou correndo os passando. 

Um sorriso acaba aparecendo nos lábios de Gon e um pequena gargalhada acaba escapando dos lábios de Miya...Realmente humanos eram misteriosos e engraçados para ela. O pequeno menino acaba usando sua vara de pesca para pegar a maleta do outro moreno e logo em seguida acabaram voltando a corre.

-Que maneiro! Depois deixe eu tentar -falou o albino enquanto corriam.

-Só se você me emprestar o seu skate, certo? -o moreno acaba falando fazendo que a loira revirasse seus olhos.

-Contando que um de vocês caiam, está valendo -murmurou brincalhona mas sinceramente adoraria ver alguém ir de cara no chão.

***

Quanto mais tempo passava, mais pessoas se encontravam a desistir do exame. A loira por sua vez respirava tranquilamente enquanto corria, com pequenas mechas de seu longo cabelo loiro grudando por uma fina camada de suor que havia sido criada pelo pesos de suas roupas, entediada acabou soltando um suspiro e fechou seus olhos durantes alguns segundos, a dor em seu tornozelo ainda continuava presente mas sendo ignorada com sucesso pela mesma que sempre que sentias os pequenos choques apenas revirava suas grandes globos oculares azuis gélidas.

Ela não conseguia sentir mais nada, e se sentia nunca superaria pelos sentimentos de dor e vingança que sempre carregava como um lembrete para si mesma.

Levantou seu olhar para o alto no momento que acaba vendo algumas pessoas em sua frente subindo uma longa escada e logo em seguida aumentarem seu ritmo de corrida.

-Querem apostar corrida para ver quem chega primeiro? -Killua acaba chamando atenção de ambos que lhe encararam.

-Claro -Gon acaba novamente falando animado, fazendo que a loira abrisse um de seus sorrisos de lado negando com a cabeça. Aquilo poderia piorar o estado de seu tornozelo e iria atrapalha-la.

-Eu não vou, além do mais isso é coisa de criança -deu de ombros fazendo que o menino de cabelos brancos abrisse um sorriso provocativo.

-Está com medo de perder? -perguntou de maneira zombadeira e arqueando uma de sua sobrancelhas, fazendo que uma aveia saltasse na testa da loira por tal provocação.

-Eu perder? Para vocês? -seu olhar acabou se virando em direção do albino que concorda com a cabeça segurando o riso- Até parece, vamos logo com isso! 

-Então o perdedor paga o jantar -o moreno acaba falando animado fazendo que os outros dois concordasse com a cabeça.

-Preparar....Já -disseram ao mesmo tempo antes de começarem a correr.

A loira havia começando a correr juntos com os dois meninos em seus lados, enquanto corriam pelos degraus às pontadas em seu tornozelos aumentava, mas ela não ligava, talvez fosse que seu orgulho havia sido ferido? Talvez esse fosse o verdadeiro motivo. Enquanto passavam viam várias pessoas caídas pelas escadas, cansadas, suadas e morrendo. Aos poucos eles haviam chegando perto do loiro e do moreno que se encontrava sem camisa, ambos pareciam cansados.

-Vemos você na chegada, Kurapika -disse o moreno baixinho.

-Vocês estão bem? -perguntou a Kobayashi inclinando levemente sua cabeça para o lado, apenas havia perguntado por educação.

-Sim, obrigada por se preocupar -o Kuruta acaba respondendo e a menina acaba concordando com a cabeça.

-Mas eu ficaria melhor se você me desse um beijinho, Miya-chan -Leoiro acaba falando com a voz manhosa fazendo que a loira o encarasse friamente.

-Tomara que você caia de cabeça para ver se seu cérebro volta a funcionar -murmurou.

-Venho te buscar depois, velhote -o albino acaba falando de maneira debochada para o mais alto que se irritou.

-Não sou velho! Sou um adolescente, assim como todos vocês! -exclamou furioso.

Naquele momento todos pareceram surpresos e encararam o moreno.

-Ahn? -a loira e o albino acabaram dizendo ao mesmo tempo e logo em seguida se encararam confusos.

-De jeito nenhum! -Gon acaba exclamando surpreso.

***

Eles se encontravam-se a correr, mas nunca parecia que o tal destino chegaria. A loira estava começando a ficar entediada, olhou de relance para trás vendo ainda mais pessoas caídas pelas escadas inumerosas, mas alguns ainda continuavam a correr, ninguém além do examinador sabia para onde teríamos que ir e isso tornavam as coisas cansativos para alguns. Aquilo era um teste de resistência mental, eles não sabiam para onde ir e quado chegariam. Aquilo poderia acabar com o psicologo de qualquer um que suportasse.

Depois de um longo tempo de silencio a voz do albino acaba chamando pela atenção da loira.

-Estou impressionado por conseguirem me acompanhar -falou fazendo que a loira arqueasse uma sobrancelha e que o moreno abrisse um sorriso bobo em seus lábios enquanto passava a mão em sua nuca.

-Serio? -o moreno acaba perguntou fazendo que o albino olhasse para o lado desapontado.

-Ou talvez seja o fato dos outros estarem lentos demais... -ele abaixa a cabeça suspirando- Cara...O exame Hunter ta sendo muito fácil assim não tem graça -exclamou desanimado.

A loira que se encontrava do seu lado acaba encarando o mesmo com a sobrancelha arqueada no máximo. Pensava seriamente em joga-lo escada abaixo.

-Hey, por que você quer se tornar um Hunter? -o menino baixinho acaba olhando para o de cabelo branco curioso.

-Eu não tenho interesse em me tornar um Hunter -Killua.

-Como? -Gon pergunta confuso.

-Eu ouvi dizer que o exame era muito difícil, então pensei que seria divertido. Mas isso é desapontante -fechou seus olhos nas últimas palavras enquanto sorriso  minimamente, fazendo que a loira e o moreno lhe encarasse.

-E quanto às  vocês ? -perguntou para os dois que acabaram ficando alguns segundos em silencio.

-Vingança... -murmurou a jovem de cabelos loiros fazendo que os dois olhassem para ela.


Notas Finais


Bye bye ><


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...