1. Spirit Fanfics >
  2. Forever >
  3. A new life begins ...

História Forever - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Boa leitura povo! ^-^
💖💖

Capítulo 1 - A new life begins ...


Fanfic / Fanfiction Forever - Capítulo 1 - A new life begins ...

One•

Uma nova vida começa...•


JungKook • Casa dos NamKook


Já fazem 12 anos que o acidente aconteceu, desde esse dia eu sinto que uma parte de mim morreu. Eu perdi meus pais e meu cachorro, pipoca, com 8 anos. Hoje em dia eu tenho 20 anos e moro com o meu irmão mais velho, Nam-Joon de 25. 

Quando o acidente aconteceu ele tinha ficado em casa com a minha vó. Eles ficaram sabendo da notícia meia hora depois do ocorrido, mas já era tarde demais. Não sei como eu não morri também. Esse acidente foi a deixa pra Terra tirar tudo de mais preciso de mim, meus pais, o cachorro que eu mais amava no mundo e a minha visão. Sim eu sou cego, isso desde os meus 8 anos. Eu não vejo mais o mundo, só um breu que eu sei que nunca irá embora. Não sei mais como o país está hoje, não vou mais para a faculdade que eu fazia de biologia e nem para o meu curso de artes marciais. Eu fazia Jiu-jitsu, mas como eu não vejo mais nada, o Nam-Joon hyung achou melhor me tirar de lá.


Rm: JungKook! - ele abre a porta do quarto - Desculpe entrar sem bater, é que a comida já está pronta!

Jk: Não tem probelma hyung, já tô indo! - disse levantando e pegando a minha bengala que estava do meu lado, senti ele pegar no meu braço - Eu consigo ir sozinho!

Rm: Tem certeza que consegue ir sozinho? - ele parecia confuso.

Jk: Sim, eu acredito em mim mesmo. - disse e ficou um silêncio - Hyung?

Rm: Ah, sim JungKook. Desculpe, pode vir! - ele disse e eu saí do meu quarto. Segui andando devagar até a escada.

Jk: Hyung eu disse que posso ir sozinho! - disse sentindo alguém ali do meu lado.

Rm: JungKook eu só estou te observando, se você cair eu te seguro.

Jk: Você tem que começar a acreditar mais no meu potencial, Hyung! - disse e soltei uma risada sentindo que finalmente eu tinha chegado no chão.

Rm: Ok Ok - ele disse e escutei sua risada - Chegamos na cozinha. Sente-se JungKook. - ele disse e senti a cadeira, ele puxou e eu sentei.

Jk: Obrigado! - disse e coloquei a minha bengala do lado. - Oque você fez de janta Hyung?

Rm: Bulgogi! 

Jk: Mentira! - disse e senti minha boca salivar. Bolgogi é o prato que eu mais amo na face da Terra cara!

Rm: Haha, verdade! - ele riu. - Eu fiz porque você anda muito triste esses últimos dias, então eu quis te alegrar.

Jk: Ah... - disse e voltei a lembrar das coisas que eu fazia antes.

Rm: Oque foi? Não gostou da surpresa?

Jk: Não é isso, é que... - suspirei - As vezes dá vontade de voltar a fazer tudo que eu fazia antes, ir para a faculdade, fazer os meus cursos, andar por aí, ver o Sol nascer e sumir todos os dias... Eu só queria a minha antiga vida de volta... - disse e senti lágrimas caindo pelo meu rosto.

Rm: Oh maninho, não fica assim.- senti sua mão no meu ombro - Um dia você vai voltar a fazer tudo isso, é só acreditar que vai.

Jk: Esse dia tá demorando pra chegar, eu não vou aguentar esperar mais tempo do que eu já esperei.

Rm: Vai sim, você é forte e eu acredito em você! Acredito que vai voltar a enxergar, vai voltar a estudar e vai ver o Sol nascer e sumir de novo... - ele disse e eu o abracei com todas as forças que eu tinha.

Jk: Eu te amo, hyung! - disse e continuei chorando.

Rm: Eu também pequeno... - ele disse e senti sua mão no meu cabelo.

Depois de tudo aquilo, eu me acalmei e fomos comer, pois nós dois estávamos morrendo de fome. Depois eu subi para o meu quarto.


Quarto do JungKook • 20:37 PM


Eu estava no meu quarto escutando música por um aparelho especial que o Nam-Joon me deu de aniversário de 18 anos quando ouço alguém bater na porta.


Jk: Pode entrar! - disse e ouvi a porta ser aberta.

Rm: JungKook, podemos conversar? 

Jk: Claro! - disse, me ajeitei na cama e tirei os fones. Sua voz parecia séria. - Oque foi?

Rm: Vim falar com você sobre sua faculdade... - ele disse e eu gelei.

Jk: Oque tem ela? - disse sentindo meu coração disparar e minhas mãos suarem.

Rm: Eu tinha te tirado de lá porque na época não tinha ensino especial para cegos, mas hoje eu fiquei sabendo por um amigo que agora lá tem ensino para gente como você!

Jk: Espera... Isso significa que...

Rm: Sim, você vai voltar para a faculdade! - ele disse e eu praticamente pulei em cima dele por tamanha felicidade que eu estava sentindo naquela hora.

Jk: Obrigado, obrigado, obrigadoo!!! Eu te amo demais! Você é o melhor irmão do mundo!!! - disse sentindo de novo lágrimas descendo pelo meu rosto. Estava mais feliz do que nunca. - Quando eu volto?

Rm: Depois de amanhã, já fiz sua matrícula! - ele disse e eu senti que minha vida podia estar recomeçando, dessa vez de verdade.

Jk: Ok... Hyung, mais uma vez, obrigado! - disse e senti um beijo na minha testa.

Rm: Eu também maninho, agora descanse e não pense muito nisso.

Jk: Impossível não pensar nisso, Hyung! - disse e ouvi ele dar uma risada.

Rm: Ok! - ele disse e riu de novo. Depois que ele saiu voltei a pensar.


Como vai ser agora que eu tenho essa deficiência? Será que vão me aceitar? Vão me respeitar? Eu vou realmente aprender alguma coisa desse jeito que eu sou agora? Eu vou fazer amigos por ser assim? Será que eu vou... Achar um primeiro amor?





Notas Finais


Muitas e muitas perguntas rodeiam a cabeça do nosso coelhinho né gente? Oque vocês acham? Comentem, vou adorar ler! Até mais! ^-^
💖💖


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...