História Forever Connected - Shawn Mendes - Capítulo 7


Postado
Categorias Shawn Mendes
Personagens Personagens Originais, Shawn Mendes
Tags Amalie Snolos, Shawn Mendes
Visualizações 55
Palavras 1.005
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção Adolescente, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Desculpem meus amores ! Do fundo desse meu coração gélido ! Pretendo postar a segunda parte em breve !

Quem aí tá pronto pra esse capítulo ?
Eu que não ...

Capítulo 7 - Novelty - Part two


Fanfic / Fanfiction Forever Connected - Shawn Mendes - Capítulo 7 - Novelty - Part two

Caribe Evans 

O vi se virar com um olhar de arrependimento e mágoa. Eu sentiria pena dele caso a última frase que deixou seus lábios não fosse dita, porém no momento eu só conseguia sentir raiva, muita raiva.

— Caribe você sabe que é verdade — o olhei com lágrimas nos olhos ainda, e logo tratei de limpá-las com brutalidade, abrindo meu melhor sorriso cínico.  —, não estamos prontos para sermos pais...

— CALA A PORRA DA BOCA, SEU MERDA! — Shawn recuou dois passos por eu ter gritado de supetão, fazendo ele se assustar. — Eu não tenho culpa se você não é homem o suficiente para assumir responsabilidades, Peter. Mas eu sou MULHER O SUFICIENTE PARA ISSO. Meu filho não é a porra de um acidente! Não é como se eu simplesmente tivesse transado e não soubesse dos riscos de não me proteger! Eu não ligo se tiver que trabalhar como uma escrava para sustentar uma criança sem o pai, eu realmente não me importo, só simplesmente suma da minha frente, mas eu juro por Deus, que se eu escutar você ou qualquer outra pessoa falando merdas sobre essa criança, eu acabo com o que vocês chamam de rosto!

A essa altura eu já estava vermelha de raiva. Praticamente esmurrava seu peito a cada frase, e gritei tão alto que acho que acordei a vizinha, porém eu não me importava nem um pouquinho.

— VAI SE FODER! VOCÊ NÃO É A PORRA DA MÃE DO ANO! NÃO... — não deixei que terminasse a frase e lhe acertei com um soco no rosto , o fazendo cambalear para trás e me encarar com raiva. Pois é querido , você não é o único com raiva aqui não.

— Sabe Shawn, essa criança que você tanto despreza um dia vai te conhecer. — encaro seus olhos marejados e meu coração erra uma batida. —  Ela vai te perdoar sem saber, vai te amar mais que tudo com um lindo e puro coração, mas eu quero que saiba que a mãe dela perdeu toda a pureza de seu coração, não tem mais espaço para você aqui dentro.

Virei as costas e caminhei apressadamente até meu carro, arrancando dali o mais rápido possível. Disquei o número de minha prima enquanto  virava a esquina e seguia rumo ao aeroporto .

— Darla? — falei assim que ela atendeu no quinto toque. Eu só sabia soluçar naquele momento —, eu vou precisar de um grande favor seu...

— O que aconteceu Rose? — era nítido o quão preocupada ela se encontrava e era como se eu a enxergasse em minha frente,  tremendo as mãos rapidamente contra o mármore frio da bancada.

— Eu não posso explicar agora. Eu só vou ter que morar com você por um tempo. — estaciono o carro na entrada do aeroporto e levo as chaves comigo. — Não se preocupe, eu não darei prejuízo, vou vender a casa do papai e...

— Nada disso! Você vai pegar o primeiro avião para Londres. Eu pago sua passagem quando você chegar aqui — caminho até o saguão e observo os vôos de embarque imediato. —, Caribe, só venha logo para cá!

— Okay Darla, vou dar o meu jeito, você sabe!

— Seja rápida, eu te amo. — escuto sua voz oscilar e sabia que ela prendia o choro — Até algumas horas. 

— Até lá!

Desligo  a chamada e caminho até o balcão de informações; converso com o atendente que foi super prestativo e me ajudou, apesar de eu achar que foi por pena já que minha cara não era uma das melhores. Depois de alguns minutos, consegui comprar uma passagem para Londres na classe econômica que sairia daqui meia hora.

Caminhei até o corredor de embarque e entreguei minha passagem a uma moça que sorriu gentilmente a mim, apenas movimentei minha cabeça em forma de comprimento e continuei caminhando até  estar dentro do avião. Me sentei na última fileira ao lado da janela e peguei meu celular, mandando uma mensagem a minha prima falando que logo chegaria lá, porém o que me assustou foi as outras mensagens que eu havia recebido.

Aaly: 2 mensagens não visualizadas

Caribe o que aconteceu? Sua casa está com a porta aberta e Shawn não para de berrar e chorar desesperadamente! Mamãe está destruída e papai teve uma briga tão feia com Shawn que deu até um tapa na cara dele! 

Pelo amor de Deus volte logo! Essa família não funciona sem você!

Tinham mais cinco mensagens do Manny e três de Karen, das quais eu não abri já que eu já tinha chorando até me desidratar com as duas de Aaliyah. Escolhi apenas responder ela para que não ficassem muito preocupados comigo.

Para Aaly:

Estou bem querida! Por favor, entendam que eu sou uma pessoa também. Eu me magoei, e seu irmão conseguiu destruir tudo de feliz que eu tinha em minha vida. Eu não vou deixar que ele destrua minha única e última oportunidade disso. 

Eu amo tanto todos vocês Aaliyah... Céus vocês são minha família! Então querida irmã, seja feliz enquanto você puder!

Minha casa é sua a partir de agora e meu carro também. As chaves reservas estão na minha gaveta de jóias e o carro no estacionamento do aeroporto.

Enquanto a sua sobrinha ou sobrinho, não se preocupem, eu mandarei fotos e vídeos de todos os meses de vida dele. Não quero tirar isso de vocês, só peço que para o meu bem e o dele, se mantenham afastados fisicamente por um tempo...

Não me levem a mal, eu só preciso me amar mais, meu filho merece uma mãe melhor... E eu serei essa mãe!

Amo todos vocês com todo meu coração, e realmente espero que Shawn seja feliz algum dia, adeus...

Desliguei meu celular e me acomodei melhor em meu acento; fechei os olhos e logo depois de certificar que meu cinto estava devidamente colocado, me entreguei a um choro tão profundo que doía em meu peito.

Porém eu não me importava, porque alí, naquelas lágrimas, eu deixava para trás toda a dor que eu tinha.

E abria meu coração para uma nova vida, que está dentro de mim.






Notas Finais


Como vocês estão depois desse capítulo ?
O que vocês acham de um capítulo especial para os cinquenta favoritos ?

Nos ajudem nessa caminhada , vocês por nós e nós por vocês !

PS . Amo vocês ! ( Caso tenham esquecido sabe kkkkkkkkkkk )

Capítulo escrito por ~llah50 / Larissa


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...