1. Spirit Fanfics >
  2. Four Reasons Why - Draco Malfoy >
  3. Capítulo Quinze

História Four Reasons Why - Draco Malfoy - Capítulo 15


Escrita por:


Notas do Autor


eu juro solenemente não fazer nada de bom! ✨
🐾
🐾

Capítulo 15 - Capítulo Quinze


Passei o resto do jantar pensativa, a minha única esperança era que nós não teríamos aulas com eles.

-Vou indo para os dormitórios, até depois. - peguei meu livro e dei um leve beijo no rosto do loiro antes de sair.

Sai do salão de cabeça baixa, estava animada para o quarto ano, mas com medo. Chegando perto das Masmorras, fui parada por alguém que pensei ser Malfoy, e esse mesmo me prensou contra a parede.

-Draco, depois.

-Draco? Quem é Draco? - reconheci a voz e vi que não era quem eu esperava.

-A.Arthur? - olhei para o garoto, era meu ex-namorado.

-Sentiu minha falta Brianne? - ele começou a se aproximar. - Está bem mais linda do que antes.

-Me solta Lorence. - chamei ele pelo sobrenome, falei séria.

-E por que eu faria isso? - sorriu se aproximando mais ainda.

Estávamos cara a cara, tentei me soltar mas Arthur não deixou. Ele estava prestes a me beijar e eu não podia fazer nada. Senti outra pessoa puxar minha mão, fiquei feliz em saber que dessa vez era Malfoy.

-Qual a sua oxigenado? - ele provocou o loiro, que olhou fundo nos meus olhos e selou nossos lábios.

-Não cansou de apanhar da última vez Lorence? - Yago desafiou o mesmo.

-E você não cansou de morar com uma assassina Brianne macho? - meu irmão quase pulou em cima do Arthur, Bella o segurou.

-É seu primeiro dia Yago, calma. - Mellanie pega o braço dele.

-Arthur! - ouvi a voz de Luna Louise, a garota que era minha minha melhor amiga. Ela me encarou e sorriu. - Luna Brianne... quanta saudades!

Ela vem me abraçar e eu não deixo.

-Até parece que você se importa com uma assassina Louise.

-Eu não sou mais assim... - a menina faz uma cara que não me convence.

-Claro, eu imagino. - disse sarcástica.

-Vamos indo Luna. - Lorence puxou a garota para longe. - Até depois princesinha . - piscou para mim.

Bufei com os olhos fechados, só de pensar que teria que aguentar eles dois e mais um bando de gente da minha antiga escola por um ano me fazia ferver o sangue.

Bella me abraçou e depois me acompanhou até o Salão Comunal.

-Eles são piores do que eu imaginava. - Mellanie diz se sentando no sofá de couro a minha frente.

-Queria voltar no tempo, quando dei uma bela de uma surra naquele garoto do inferno. - Yago ficou no braço do sofá. - Do mesmo jeito estou contente por minha irmã estar mais confiante

-É melhor do que ficar chorando no canto do quarto.

-Por uma parte eu concordo. - Bella afirmou - Agora, quem vocês acham que vão ser escolhidos pelo Cálice de Fogo?

-Eu tenho quase certeza que minha prima vai se inscrever, e ela tem chances. - Yago se referiu a Delacour.

-Fleur tem realmente bem a cara disso.

-Ela é sua prima? - Malfoy parecia surpreso.

-Algum problema? - meu irmão estava confuso.

-Claro que não. - respondi pelo loiro.

-Obviamente Viktor Krum vai participar dessa coisa. - Bella opinou.

-Qual o problema de vocês garotas com esse cara? - Yago pergunta indignado.

-Também queria saber. - completei.

-Sei lá, o jeito que ele faz tudo é diferente. - Mellanie diz como se fosse o paraíso. - Mas eu preciso dormir, não estou preparada para a aula de Herbologia de amanhã. 

-Eu te acompanho Bella. - me levantei junto dela.

Fomos juntos para o quarto, Pansy estava com mais sono que eu então nem disse nada e só se jogou na cama.

E como sempre peguei meu livro e comecei a ler um pouco. Após uns minutos de Bella deitar e desmaiar eu também acabei dormindo . Tive o mesmo pesadelo de antes, acordei suando frio. Deveria ser duas ou três da manhã, me levantei e fui para o salão comunal. Já era quase costume ler de madrugada, da última vez que fiz isso estava acompanhada de Pansy... ficamos muito tempo acordadas, digamos que até amanhecer.

Estava ansiosa para amanhã poder ir a biblioteca com Hermione, preciso pegar novamente o livro que minha irmã escreveu. Comecei a fuçar nas prateleiras, não achei nada do meu interesse. Uma voz da minha cabeça disse que eu precisava ir mais além do que apenas o Salão Comunal. 

Disse a senha em voz baixa, a porta se abriu e sai do lugar. Não tinha ideia alguma de para onde ir, apenas segui minha intuição. Subi as escadas das Masmorras, cheguei em um lugar com grandes janelas... que dava de ver perfeitamente a lua. Me sentei e fiquei um tempo por ali.

-Luna? O que faz aqui acordada essas horas? - ouvi a voz rouca de Draco.

-Nada...

-Teve outro pesadelo? - perguntou se sentando ao meu lado.

-Sim. - suspirei.

Ele não disse nada e apenas me abraçou, é incrível como Malfoy vira outra pessoa comigo.

-Seria pedir muito um beijo seu? - fala colocando a mão no meu rosto.

-Talvez sim... mas seria melhor fazer isso em outro lugar, temos que sair daqui. - afastei o loiro - Se Filch nos vir vamos estar em apuros.

-É mesmo? - outra voz masculina ecoou pelo local, ao me virar eu vi a pior pessoa que poderia encontrar agora, Arthur.

-Lorence, não faça isso...

-E o que eu ganho em troca Lu? - ele começou a girar em volta de mim, mexendo em meus cabelos.

-Qualquer coisa. - falei me precipitando, Arthur não iria pedir nada demais.

-Qualquer coisa não é? - Lorence começa a se aproximar perigosamente, assim como mais cedo.

-Yago? - olhei para um lugar escuro, onde não havia nada.

Arthur se virou para esse lugar e enquanto isso eu fiz um sinal para Malfoy, que parece ter entendido. O levei para um local escondido, onde ninguém conseguia ver.

Na verdade aquela silhueta que eu tinha visto não era meu irmão, e sim o próprio Argo Filch. Segurei o riso ao ver o que tinha feito com ele, que imediatamente percebeu. 

Bem que eu queria continuar ali, mas poderia arranjar problemas se Filch me visse, então só dei o fora voltando para o salão comunal

-Ele vai me odiar pelo resto da vida, ai não. - falei em tom de ironia.

-Fiz um favor para você, sabe sei lá o que aquele cara teria feito com a minha Brianne.

-Sua Brianne? - ri - Deixa Yago ouvir isso.

-Você não vai contar para ele Luna, eu sei disso.

-Se eu fosse você não teria tanta certeza assim. - disse rindo baixo

-Ah mas não vai contar não. 

-Yago é meu irmão, por que eu não faria isso? - o desafiei.

-Quer dizer que se eu te levar para a cama você também conta? - fiquei vermelha com a insinuação.

-Você tem 14 anos Malfoy. - disse e ele riu. - Eu vou dormir, amanhã vou ir cedo na biblioteca com a Hermione.

-Você insiste em andar com aqueles grifinórios!

-Insisto sim, eles são meus amigos e são incríveis! - disse e o loiro revira os olhos

-Claro, eu acredito. - Draco diz com sarcasmo. 

-Vou para meu dormitório. - dei um beijo em seu rosto e me voltei para os quartos.

A única coisa que eu não queria no momento era brigar com Malfoy, posso estar vulnerável se ficar sem amigos perto do Arthur e da Louise. Me deitei na cama, conversei um pouco com Bella que ainda estava acordada. Contei o que tinha acontecido a poucos minutos atrás mas logo passei a tentar dormir. Comecei a sentir dor de cabeça, e não consegui mais pegar no sono. Sabia que o próximo dia iria ser horrível, não conseguir dormir era uma coisa quase impossível para mim.

Já que não tinha outra escolha levantei cedo e coloquei meu uniforme após um banho. Respirei fundo e fui direto para a biblioteca.

Não conseguia achar de jeito nenhum aquele livro, e nem Hermione. Já que ninguém apareceu eu decidi sair de lá, e ir de uma vez para o Salão Principal. Ao chegar eu vi apenas Rony e Harry, Hermione não estava lá.

-Bom dia. - me sentei com os dois.

-Você está horrível. - Rony comentou.

-Não conseguiu dormir? - Harry completa.

-Pior que não mesmo. - disse no meio de um bocejo. - Aonde está Hermione?

-Não sei, não vimos ela hoje. - Potter me respondeu e olhou para atrás de mim. - Seu irmão está te chamando.

Me virei e vi Yago acenando para mim. 

-Depois conversamos. - falei para os dois e fui até ele.

-Luna, o que aconteceu? - Yago parecia preocupado.

-Não consegui dormir. 

-Quer ir para o dormitório? Te dou cobertura nas aulas. - Bella ofereceu.

-Nem a pau! Você não sabe como estou animada para a aula com o Moody.

-Bem que eu queria voltar para o quarto ano. - Yago diz como se estivesse triste

-Se eu pudesse voltaria para o primeiro. - Mellanie comenta

•Draco Malfoy•

-Você tem certeza disso Draco? - Zabini tenta mudar minha ideia. - Você sabe que a Luna odeia a Astória.

-Eu também odeio o trio da grifinória. - continuei a procurar a Greengrass. - Fica tranquilo, é só pra causar um pouco de ciúmes... está tudo sobre controle.

Andamos por mais um tempo, até eu sentir Blásio puxar minhas vestes.

-É aquela garota morena? - ele apontou para a menina, que estava me observando.

Fui até ela e puxei assunto qualquer.

-Já está na hora do café, temos que ir. - Zabini disse olhando para mim.

-Quer ir com a gente Asty? - convidei a morena, mesmo não querendo.

-Claro! - ela fala animada.

Fomos até o Salão Principal, Luna estava com Bella e seu irmão. A loira estava com uma aparência horrível, parecia não ter dormido a noite inteira. Me sentei a sua frente junto de Zabini, Astoria ficou ao seu lado.

-O que você faz aqui? - Brianne diz com nojo

-Draco me convidou. - Greengrass acaba falando demais, Luna começou a me encarar forte.

-O que acha de irmos para a aula juntas Lu? - Bella muda de assunto e digamos que me salva.

-Vamos indo então... - Luna diz ainda olhando para mim e se levanta, junto da Mellanie.

As duas saíram do salão, Yago também me encarou confuso.

-Qual a sua ideia Malfoy? Deixar a Luna com ciúmes?

Não respondi nada, depois de ouvir o que ele fez com o ex dela.

-Só para de avisar, não vai funcionar. - riu - Ela pode agir sem pensar, só te desejo cuidado. - Yago se levantou a provavelmente foi para sua sala.

-E o que eu te falei Draco? - Zabini bateu no meu ombro.

-Cala a boca!

-É tão foofo. - Astoria quebra o clima?

-O que? - perguntei com raiva  .

 -Você me usar para dar ciúmes na Luna.

A encarei e revirei os olhos.

-É melhor irmos para a aula Draco, ou vamos acabar perdendo pontos. - Blásio fala e eu o acompanho, deixando a garota sozinha.

Nossa primeira aula era com Alastor Moody, chegando na sala Luna estava junto de Harry. Obviamente fez isso para me provocar. A aula iniciou e eu estava mais entediado impossível. O professor começou a testar as maldições imperdoáveis, passou a colocar uma aranha escrota na minha testa. Na segunda maldição Brianne estava muito desconfortável, ela pode até não ter percebido mas acho que toda sala viu que Moody usou Imperius nela.

A garota parecia muito abalada quando ouviu ele citar "Avada Kedavra", acho que por causa de sua irmã. Na hora em que aquela aranha dos infernos morreu ela segurou a mão do Potter. Fechei o punho na hora em que vi essa cena, não consegui pensar em mais nada nessa aula a não ser isso.

-A vingança está feita. - Blásio sussurrou para mim rindo.

-Incrível. - bufei.

-Liberados. - o professor começou a apagar o quadro negro, enquanto a maioria guardava seus materiais.

Peguei minha mochila e esperei todos saírem da sala, Luna iria acompanhar o trio da grifinória mas não permiti.

-Você vem comigo. - falei segurando a garota.

-É bom provocar os outros não é? - ela diz sorrindo


Notas Finais


🐾
🐾
Malfeito, feito! ✨


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...