1. Spirit Fanfics >
  2. Free Fire - Divididos >
  3. Quase um coma

História Free Fire - Divididos - Capítulo 12


Escrita por:


Notas do Autor


Heeeiiiii
Vcs estão sentindo a energia?

Cap mais cedo

Capítulo 12 - Quase um coma


Caroline

Que dor nas costa, desde quando essa cama era tão dura. Me levando, fico uns minutos raciocinando até perceber que esse não é o meu quarto, oh é mesmo eu vim para a enfermaria ontem, mas pq eu dormi aqui?

Na cama ao lado esquerdo estava Nikita, ela estava dormindo tranquilamente sem nenhum arranhão, na minha esquerda estava Andrew, ele tinha um braço enfaixado e seu abdômen tinha uma mancha de sangue, recente eu diria. O que aconteceu naquela noite?

- Está se sentindo melhor? - Historia está  apoiada na porta

 - Sim, bem melhor, pelo menos da dor de cabeça... É ... o que aconteceu com eles?

- Bem a Niki só inalou um tipo de gás, não é nada grave, mas o Andrew levou um tiro - Sua feição vai mudando para triste - Agora seu estado está neutralizado, mas algumas horas antes eu achei que a gente iria perde-lo - Ela vira de costa para mim, está mexendo em alguns papéis na mesa - Bem, eles vão explicar melhor na hora do almoço, no refeitório, então esteja lá - Quando ela se vira para mim, ela tem um sorriso, mas lágrimas escorriam do seu rosto

 - Ei, não fica assim - Saio da cama e vou em direção a ela - Vai ficar tudo bem tá? - Abraço ela, e ela retribui, me apertando mais

- Sim, sim - Ela enxuga as lágrimas - Agora vai tomar café, hoje temos um dia longo - Ela sorri novamente

- Claro - Estou no corredor quando Historia me chama novamente

- Ah e agradeça a sua amiga, ela ficou a noite inteira na enfermaria, preucupada com vc, eu tive que expulsar ela - (Historia)

 - Amiga? - (Caroline)

 - Sim, a loirinha - Ela volta pra dentro da enfermaria

Nikita

- Eu acho que ela está acordando - Rafael comentou baixinho

 - Niki, consegue me ouvir? - Olívia estava ao meu lado, chegando minha pulsação

- ... sim perfeitamente - Estava meio grogue ainda. Tento levantar a minha outra mão, quando percebo que Laura está segurando ela, Laura dormia em uma cadeira, toda torta como era de costume

 - Essa aí não quis sair daqui nem pra comer - Rafael apontava para Laura

 - Mesmo eu falando que não era algo pra se preocupar - (Olivia)

- Por quantas horas eu dormi? - Eu tinha a impressão de que tinha acabado de acordar de uma soneca de 1 hora, mas aparentemente foram bem mais que isso

- 17 horas, 18 horas, por aí - Olívia falava e apontava uma luz pro meu olho - E olha que vc inalou pouco gás, imagino que aquela mulher só vá acordar depois de alguns dias - Mulher? Que mulher? Eu não estava me lembrando muito bem do que tinha acontecido naquela noite. Bem... descemos e não achamos nada e depois o nosso squad ficou pra ver se achava algo de útil, e depois... oh é mesmo, nós ouvimos tiros

 - Rafael o que aconteceu ontem? - (Nikita)

- Depois que nos separamos, eu encontrei Andrew em uma sala, estava sangrando muito, eu tive que chamar por ajuda primeiro, depois fui seguir os rastros de sangue que ele tinha deixado para se esconder, eu cheguei em uma saída e ao longe deu pra ver duas sombras no meio da floresta, eu até podia atirar, mas eu provavelmente não ai acertar - Então esse era o motivo dos tiros

 - Como ele está? - Pergunto - Andrew?

- Ele está bem, ele tinha perdido muito sangue, mas conseguimos estancar a tempo... Pode abrir a boca - Olivia pede e assim eu o faço - Miguel tbm está bem, ele acordou já faz um tempo - Vendo que eu queria falar alguma coisa, ela se adianta

- Bem, de certa forma a missão foi um sucesso, pegamos uma pessoa e não perdemos ninguém e aliás, agora temos algumas informações até, como o rádio que encontraram e alguns papéis - papéis, papéis sinto que estava esquecendo de algo importante

 - Niki aparentemente está tudo bem com vc, mas isso não significa que é pra vc voltar com a sua rotina normal, pegue leve - Ela recolhia todos os equipamentos de cima da cama - E vão para o refeitório, vcs precisam comer... a e não se esqueçam  de levar ela - Olívia aponta para Laura

- Ok, Ok - Balanço um pouco Laura e ela começa a dar sinais de vida

- Me deixa - Ela fala meio sonolenta, ela abre os olhos e percebe que sou eu - Niki - Ela desperta imediatamente - Haa vc não sabe o quanto eu estava preocupada, eu disse que não era pra vc morrer - Laura me sufocava com seu abraço

- Hahah eu não morri, só tirei um cochilo - (Nikita)

 - Um cochilo de 18 horas, é quase um coma - (Laura)

 - Por aí, mas me diga pq a senhorita está dormindo? - (Nikita)

 - Ué será que é pq eu passei a noite aqui... - Ela para de falar repentinamente, ela provavelmente se lembrou da "mistura"

- Huum, interessante. Então quer dizer que vc não tomou a mistura - (Nikita)

- Ahh desisto. Eu não tomei aquilo, tinha uma cor estranha... - Eve, Ymir, Álvaro e Ford entram na sala

 - Ohhh ela está viva, glória, glória - Eve vinha em minha direção saltitando - Vc está bem? Dói em algum lugar? Vc se lembra do que aconteceu? Vc sabe quem eu sou? Como está se sentindo? - Eve falava rapidamente

- ... hum sim , não, sim, sim e estou bem - digo ainda meio tonta pela enxurrada de perguntas

 - Vcs não deviam ter dado aquela mistura pra ela - Ymir obriga a Eve sentar em uma cadeira -  Ela simplesmente não para - Ymir senta um uma das cadeiras e parece relaxar - Mas enfim,  que bom que vc acordou - Ela fecha os olhos e parece que vai dormir ali mesmo

 - Vc não vai dormir aí né? - (Olivia)

- Não vou dormir, só estou esperando a Historia - Ela boceja e fecha os olhos novamente. Olivia apenas respira fundo e saí da sala

 - Bom... Álvaro pediu desculpas, ele disse que esse não era pra ser o efeito da granada, ele falou alguma coisa sobre o gás, algo assim, de qualquer forma, ele pede descupas - Ford olhava para a porta de onde Olivia se foi - Descanse por mais um tempo e vc poderá voltar logo logo. É... agora nos vamos tentar nos organizar, o dia está cheio, sem o Miguel aqui fica tudo uma bagunça

- Pq ele não está aqui? Ele também não deveria estar descansado? - (Nikita)

- Vc sabe, é dia de colheita, ele insistiu pra ele mesmo ir - Ele balança os ombros

 - Oh é mesmo... Obrigada por virem - Ford apenas acena com a cabeça. Ford e Eve saem da sala, ficando apenas eu, Ymir que dormia e Laura que também tinha pegado no sono de novo. Mas a maior questão era, como eu ia descansar se eu não estava cansada


Misha

Que horas são? Acho que acabei dormindo demais. Levanto somente a cabeça e olho para o quarto, ninguém estava lá, é provavelmente já era tarde. 

Estava cansada ainda, mas precisava levantar, queria ver se Caroline já estava melhor, durante a noite, ela ficou com febre, porém Historia cuidou dela, mas também me expulsou, de qualquer forma, vou ter que me levantar. Me espreguiço um pouco e dou um pulo da cama, a primeira coisa que noto é as flores de girassóis em cima do criado mudo, sorrio automaticamente, pq sabia exatamente quem era a pessoa que tinha colocado ali


Notas Finais


Depois de um Cap de 2.000 palavras vem isso Ksksksks
Sorry
Goumenasai:)



E eu fico pensado pq eu coloco esses títulos tão óbvios


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...