1. Spirit Fanfics >
  2. .friend hand; changjin >
  3. .mão amiga

História .friend hand; changjin - Capítulo 1


Escrita por: levantzr

Notas do Autor


eu literalmente sonhei com isso então quando acordei pensei hmmmm vou escrever

Capítulo 1 - .mão amiga


hyunjin tinha acabado de sair do banho, estava nervoso. Ia ser apresentador de umas das premiações hoje. seu corpo todo estava tenso. suspirou e  botou o roupão do banho para pedir ajuda a seu amigo antes de ir se arrumar e sair de casa. stray kids também ia pro tal local porém ele tinha que sair mais cedo por ser um dos apresentadores. 

saiu do banheiro e foi até o quarto de changbin, o encontrando arrumando seu armário. assim que changbin notou a presença do loiro em seu quarto parou o que estava fazendo e se aproximou dele.

— o que foi, jinnie?

 

— chang... eu to tenso, estou nervoso.. – se aproximou e deu um abraço no seu amigo, repousou a cabeça nos ombros alheios enquanto fechava os olhos e deixava um ar pesado sair de sua boca. ficava nervoso toda vez que ia ser apresentador das premiações. mas seu corpo acabava reagindo de outra forma quando estava tenso, como uma forma de se acalmar acabava ficando com um probleminha entre suas pernas.

 

— relaxa, você vai se sair bem. sempre sai. — passou os braços pela cintura do mais alto, que estava só com o roupão do banho. ouviu hyunjin resmungar ainda de olhos fechados, o mesmo aproximou mais o corpo do mais baixo, grudando seus corpos. a ereção coberta acabou fazendo uma leve pressão na barriga de seo, hyunjin suspirou mais pesado, sem se desgrudar do mais velho. como um pedido mudo para que o outro o ajudasse em seu problema e que changbin claramente entendeu. afinal tinham um acordo silencioso entre eles quando ficavam com ereções repentinas, buscava ajuda um do outro na brotheragem.

 

— vou te ajudar a relaxar, bebê. – a voz de changbin saiu em um tom mais rouco que o normal, fazendo o outro quase tremer, soltou um baixo gemido só com aquilo. seo adentrou uma mão pelo roupão já sentindo o pau durinho do outro entre suas mãos, desceu preguiçosamente a mão pelo comprimento. hyun apenas apertou mais os olhos, mordendo a própria boca. repetiu os movimentos mais algumas vezes e sentiu as pernas do outro falhar, sabia que o outro era sensível e manhoso o suficiente pra não se aguentar em pé naquelas horas.

 

 

changbin saiu do abraço e foi até a cama se sentando. Deu um tapinha em sua própria coxa.

 — vem cá.

 

hyunjin não perdeu tempo em ir até o mais velho e sentar sobre suas coxas, sentando com cada perna do lado do quadril do mais velho, se ajeitou e aproximou mais o corpo para que pudesse repousar o rosto de novo sobre o ombro, tinha vergonha de manter o contato visual com seu melhor amigo naquele momento.

 

ainda estava com o roupão, porém agora um pouco aberto por causa da posição que estava então seo não demorou em pegar o membro do outro mais uma vez, dessa vez foi com seus dedos direto na glânde que já estava um pouquinho molhada. passou o dedão ali demoradamente, hyunjin arfou com o contato.

 

— tá tão molhadinho, jinnie. — após falar isso sentiu o pau do amigo dar uma fisgada entre sua mão e com isso sair mais do líquido na cabecinha. hyunjin gemeu ainda mais manhoso, ficava num misto de tesão e vergonha quando estava em situações parecidas com changbin.

 

remexeu o quadril contra a mão de seo para que o ele andasse logo e parasse de o torturar só com o carinho em sua glânde. changbin riu do desespero do outro e desceu a mão sobre o comprimento de uma vez, numa velocidade mediana. hwang apertou o braço de changbin abrindo a boca pra soltar um gemido baixo e aliviado pela velocidade que o amigo trabalhava em seu pau necessitado. os gemidos afetando diretamente o mais baixo por hwang estar com a boca tão perto de sua orelha, se sentia endurecer só com aquilo.

 

hyunjin tão agoniado por seu próprio orgasmo retirou a cabeça do ombro de changbin e o olhou brevemente antes de afastar uma parte do roupão de seu peito que estava coberto.

 

botou as mãos grandes no cabelo de changbin apertando e puxando em direção ao seu próprio mamilo. seo sorriu safado com a coragem repentina do outro, sabia que mais tarde hyunjin ficaria vermelho só de olhá-lo. 

 

cedeu e levou os lábios até o mamilo de hwang mordiscando e lambendo antes de chupar. o mais alto jogou a cabeça pra trás e um pouco fora de si começou a se remexer no colo de changbin, em cima da ereção.

 

changbin gemeu contra o mamilo dele, chupando com mais força em resposta. o loiro não parava de se remexer em cima de si nem um segundo, uma tortura pro mais baixo que estava completamente vestido.

 

hyunjin tinha os olhos fechados, a cabeça jogada levemente pro lado, os cabelos úmidos do banho e um pouco de suor e a boca vermelha de tanto morder um pouco aberta saindo gemidos baixos e sôfregos. seo se controlou pra não jogá-lo na cama e acabar mais com ele mas sabia que o amigo tinha um compromisso.

 

acelerou a mão que em algum momento tinha desacelerado por estar tão concentrado na imagem do outro e hyun gemeu ainda mais alto, os espasmos ainda mais fortes em seu corpo o fazendo até parar de rebolar sobre o colo do outro apenas pra se concentrar em seu orgasmo que estava tão próximo. apertou os ombros de changbin e assim que changbin deu uma investida com o quadril pra cima fazendo uma pressão forte em suas nádegas foi quando finalmente gozou na mão de seo. 

 

soltou o último gemido enquanto ainda sentia as sensações do prazer lhe consumir. changbin umedecia os próprios lábios enquanto se contemplava com a imagem do amigo quando chegou ao orgasmo. 

 

hyunjin respirou fundo e abriu os olhos, aproximou os rostos e deu um selinho na boca de changbin. fez um carinho na nuca do amigo e aproximou a boca da orelha dele.

 

— mais tarde retribuo o favor. — deu outro beijinho no pescoço de changbin e saiu do colo dele sem o olhar e foi se limpar pra se arrumar e finalmente sair. Deixando um changbin completamente duro por sua causa pra trás.


Notas Finais


talvez tenha bônus 👁👄👁


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...