História Friends - Capítulo 3


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Originais
Visualizações 7
Palavras 1.158
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Droubble, Esporte, Famí­lia, Festa, Luta, Mistério, Policial, Suspense
Avisos: Spoilers, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Oi gente cap curtinho 😔, só espero que gostem!
B
J
S
N
É
G
O
S
😘

Capítulo 3 - Capítulo 2


Fanfic / Fanfiction Friends - Capítulo 3 - Capítulo 2


   Então chegamos aqui, eu numa salinha, escura deitada nun colchão velho, olhando para o teto, pensando em todas as merdas que eu fiz, chorando por uma pessoa que nem liga pra mim, outra que morreu, e outra que tá ótima no Havaí com seus novos filhos. Sabe dói tanto tanto, da vontade de desistir que nem a minha mãe fez...

Quando bate o sinal da aula, eu decido não levantar e não ir para a aula só, ficar aqui, deitada fechar os olhos um pouco, e colocar meus fones de ouvido, para ouvir uma composição dos Beatles, ( Hey Jude ), e mergulhar nela, me permitir ser levada, por ela, e parar de pensar um pouco...

Hey Jude, don't make it bad

Take a sad song and make it better

Remember to let her into your heart

Then you can start to make it better

Hey Jude, don't be afraid

You were made to go out and get her

The minute you let her under your skin

Then you begin to make it better

And anytime you feel the pain, hey Jude, refrain

Don't carry the world upon your shoulders

For well you know that it's a fool who plays it cool

By making his world a little colder

Nah nah nah nah nah nah nah nah nah

Hey Jude, don't let me down

You have found her, now go and get her

Remember to let her into your heart

Then you can start to make it better

So let it out and let it in, hey Jude, begin

You're waiting for someone to perform with

And don't you know that it's just you, hey Jude, you'll do

The movement you need is on your shoulder

Nah nah nah nah nah nah nah nah nah yeah

Hey Jude, don't make it bad

Take a sad song and make it better

Remember to let her under your skin

Then you'll begin to make it

Better better better better better better, oh

Nah nah nah nah nah nah, nah nah nah, hey Jude

Nah nah nah nah nah nah, nah nah nah, hey Jude

Eu acabo adormecendo, é só acordo no último sinal. Então me arrumo rápido para meu trabalho da biblioteca, e saio correndo e a única coisa que eu quero é, não encontrar meus amigos, pois se não eu vou ter que falar com eles, e me explicar, e agora não tenho tempo nem paciência para isso.

P.O.V. Meghan

Bem... eu não se o que aconteceu, não sei mesmo, a Kathe surto, todos nós ficamos chocados, mais eu percebi que algo avia deixado ela magoada, a ponto de gritar com a Amber. A Kathe nunca foi assim ela sempre colocou os amigos na frente, e nunca foi grossa desse jeito. Não sei o que deu nela mais sei, que irei descobrir logo.

P.O.V. Khatrine

Meu sonho era trabalhar com a música, pois amo tudo que tem nela, mais a vida escolheu coisas diferentes para mim, em vez de eu seguir o caminho artístico, tenho 2 empregos, que não dão para pagar nada, não tenho família, e nem amigos.

Já era tarde, meia noite, eu tinha que estudar para uma prova que ia ter no dia seguinte, filosofia, ia valer metade da nota do semestre, e eu estava esausta mais, ia demorar pra eu dormir pelo jeito.

Depois de estudar tudo, eu me virei olhei para o relógio e era 4 hrs da manhã eu tinha que dormir urgentemente, porque se não, eu não iria o meu horário de acordar ( como fico no colégio sempre tenho que chegar antes de todos, para não parecer que eu dormi lá ).

Eu acordei às 5:30 como sempre, me levantei fiz a minha igiene, coloquei uma calça dins preta, uma blusa simples branca e uma jaqueta, sai pela janela e esperei o diretor pra abrir a porta. Entrei fui para a biblioteca, epeguei meu celular, olhei meus e-mails, e coloquei uma música do Troye Sivan, para me distrair, de tudo, da prova dos meus amigos da minha mãe...

There for you

I woke up pissed off today

And lately everyone feels fake

Somewhere I lost a piece of me

Smoking cigarettes on balconies

But I can't do this alone

Sometimes I just need a light

If I call you on the phone

Need you on the other side

So when your tears roll down your pillow like a river

I'll be there for you

I'll be there for you

When you're screaming, but they only hear you whisper

I'll be loud for you

But you gotta be there for me too

But you gotta be there for me too

Last year took a toll on me

But I made it with you next to me

Around the world and back again

I hope you're waiting at the end

But I can't do this alone

Sometimes I just need a light

If I call you on the phone

Need you on the other side

So when your tears roll down your pillow like a river

I'll be there for you

I'll be there for you

When you're screaming, but they only hear you whisper

I'll be loud for you

I'll be loud for you

I got you, I promise

Let me be honest

Love is a road that goes both ways

When your tears roll down your pillow like a river

I'll be there for you

But you gotta be there for me too

But you gotta be there for me too

Boy, I'm holding on to something

Won't let go of you for nothing

I'm running, running, just to keep my hands on you

There was a time that I was so blue

What I got to do to show you

I'm running, running, just to keep my hands on you

Running, running, just to keep my hands on you

Running, running, just to keep my hands on you

So I'm running, running, just to keep my hands on you

But you gotta be there for me too

But you gotta be there for me too

Então o primeiro sinal toca, tiro meu fone de ouvido, respiro fundo, e me levanto, vou para a sala da prova, pego minha caneta e vejo que sou a primeira pessoa a chegar, então a professora me entrega a prova, e começo a faze-la, demoro umas 2 horas e meia, para fazer a prova quando finalmente termino, vou para meu esconderijo, e fico lá quietinha, e olhando para a minha tv, fecho o olho é imagino a família feliz que eu poderia ter, minha mãe com a minha irmãzinha no colo, é minha irmã mais velha olhando para mim, orgulhosa de toda a nossa família.

Eu estava caminhado no corredor, suava frio, na espera pela prova, estava ouvindo " deixe me ir ", que é uma música que me acalma muito. Precisava ficar calma naquele momento.

Eu cheguei no salão tinha pouca gente fazendo prova, pensei comigo mesma, ainda?! Entrei desci as escadas lentamente, afinal não estava com muito ânimo, pra pegar aquele maldito pedaço de papel, além de tudo que tava acontecendo, tinha que me preocupar com essa maldita prova.

Então fechei os meus olhos, e fiz uma brincadeira comigo mesma ache a prova, fui deslizando minha mão pela mesa até que sinto alguém me cutucando, abro meus olhos lentamente e me viro quando olho vejo que é...


Notas Finais


Lembrem de passar lá no meu insta da fic, para ver roupas dos personagens e etc. = Friends_fgz


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...