História Friends(Yaoi) - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Visualizações 40
Palavras 707
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Ficção Adolescente, Lemon, LGBT, Yaoi (Gay)
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Sexo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 1 - Aluno Pervertido


Akihide

Me chamo Akihide Yamamoto tenho 16 anos, cabelos grandes negros e olhos verdes. Pode me chamar de Aki, Hide, Momo ou bolinho de arroz tanto faz. Sou emancipado dos meus pais e moro junto com Ryuki e Liam que são como irmãos para mim. Enquanto um é tipo uma "Omma" o outro é um "Rei Das Trevas Trevosas" ou seja só moro com gente doida. Ryuki tem a mesma idade que eu. Ele usa roupas bem largas, tem cabelo de emo e é bastante fofo mas vive na tpm, arranjando confusão e só obedece o Liam. E nossa querida Omma tem cabelos platinados, olhos negros e pele levemente bronzeada com personalidade gentil mas as vezes é protetor demais. E pra completar nós três somos gays.

-BORA TODO MUNDO ACORDANDO TÁ NA HORA DE IR PRA ESCOLA...-disse Liam batendo as panelas do lado de fora do quarto.

Levantei da cama cambaleando, fui pro banheiro, fiz minhas higienes pessoais, vesti o uniforme e desci as escadas babando com o café da manhã que o Omma tinha preparado. Sentei ao lado de Liam e comecei a comer que nem desesperado.

- RYUKI VEM COMER...-grita Liam e Ryuki aparece com suas típicas roupas largas, olheiras e sua cara de tédio. - assistiu aquele filme ontem porque quis...

-seu chato

Terminamos de tomar café e fomos para escola conversando sobre coisas aleatórias, Liam disse que está namorando em segredo o professor de Geografia e Ryuki vai pintar o cabelo de novo. Nada de interessante a não ser a parte de que vão entrar alunos novos na escola e ocorreu boatos de que um deles faz parte de um grupo musical bastante famoso. Tão famoso que eu nunca ouvir falar mas se fosse o Bts na minha escola eu seria a pessoa mais feliz do mundo casado com meu TaeTae.

- cantor famoso? Isso é coisas de gente que não tem o que fazer...-fala Ryuki revirando os olhos.

- Vou ficar atento vai que ele se apaixona por mim então vou ir para uma mansão luxuosa

- você sonha muito alto Aki ainda bem que eu tenho meu professor

- sabia que isso é errado Omma? Que tipo de exemplo você está dando para suas crias...-falou Ryuki provocando o Liam que pareceu não se importar muito.

- me deixa ser feliz e vai cuidando de arranjar uma fita métrica essa tua roupa ta parecendo uma camisola

- hahahahaha...

- idiota

Ryuki

Chegamos na droga de escola, entramos na droga da sala, sentamos na droga da cadeira e ficamos conversando até a droga dos alunos e do professor chegarem.

- bom dia alunos

- bom dia

Ele começou a passar a droga do conteúdo quando um menino de cabelo vermelho entra na sala ofegante e todas as meninas começaram a babar por ele e algumas ficaram cochichando entre si. Não entendo porque tanto fogo no rabo ele nem é tão bonito assim. Talvez só um pouco argh!quem eu to querendo enganar ele é um gostoso da porra.

- Sr.Hayato não pense que só porque é uma super estrela que pode chegar a hora que bem entender...

- desculpe professor vou chegar cedo amanhã...-disse fazendo uma cara de deboche.

- sente-se ao lado do Ryuki que eu quero começar a minha aula

- quem é esse?

O professor apontou na minha direção e vejo o tal do Hayato dá um sorriso malicioso que me fez sentir um arrepio na espinha. Ele pega uma cadeira e senta a meu lado mas tentei não encara-lo se não ia acabar fazendo papel de idiota pois ele é muito lindo.

- sabia que tinha garotas bonitas nesta escola mas não que os meninos também eram super lindos e......fofos

Fofo? Quem ele pensa que é pra me chamar de fofo? Qual é a desse cara? Argh!Ryuki apenas ignore.

- ficou tão envergonhado que não tem coragem de me encarar?

- cala essa boca droga

- nossa pensei que você era mudo

- imbecil

Sentir alguma coisa apertar a minha bunda me fazendo dá um grito e me levantar da cadeira num pulo fazendo todo mundo me encarar.

- aconteceu alguma coisa Sr.Ryuki?

Olhei para aquele idiota e o mesmo estava se segurando para não rir da minha cara.

- n-nada 

- se der outro grito desses vai ficar do lado de fora

Me sentei novamente e dei um olhar mortal para aquele imbecil que apenas deu uma risada de leve.

- você me paga

Continua?







Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...