História Friends - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Aaron Carpenter, Cameron Dallas
Personagens Aaron Carpenter, Cameron Dallas, Personagens Originais
Tags Amigos, Festa, Musica
Visualizações 7
Palavras 879
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Festa, Ficção Adolescente, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Hey quebra!!!!!

Capítulo 3 - School day


Pvd Malia 

 Meu despertador toca apenas o desligo e volto a dormir, mas isso não durou.

-Bomm diaaa neném.- Escuto alguém falar e pular na minha cama, me viro era ele o menino que me acordava todos os dias, Aaron, ele é uns dos meus melhores amigos, só que eu e ele sempre estamos grudados, tanto que ele faz isso todos os dias.

-Bomm diaa bebê.- digo le dando um beijo na bochecha.-Minha filha e para hoje não vai se trocar não?- Aaron fala.-Grosso.- digo o empurrando da cama e dou risada e logo levanto.

Vou para o banheiro escovar meu dente e fazer xixi né mores passar um desodorante que é uma coisa super boa que não é todo mundo que conhece, passo tbm um bb cream é um rímel né mores,saio e Aaron da deitado na minha cama me esperando, então vou me trocar  coloco um shorts jeans com uma camiseta preta soltinha e pego uma jaqueta jeans, e por fim coloco meu vans preto com a listra branca no meio e pego minha mochila

-Vamos bb.- Aaron fala e pega no colo e vai descendo para a cozinha.

-Aaron se eu morrer vc vai ter que pagar o funeral.- falo e ambos dão risadas.

-Vem logo vcs o café não vai ficar quente para sempre.-Meu pai fala ele se chama Mike Ross e é advogado. 

–Nossa bom dia para vc tbm Sr. Ross.- digo depois que Aaron me coloca no chão.

-Eai Mike.- Aaron fala e logo depois coloca o bacon na boca.

-Vc! leva minha filha para escola, não deixa ela fazer merda.- Meu pai diz apontando para o Aaron. 

-Pode deixar Sr Ross, e é vc pode dar dinheiro para gasolina a minha tá meio que acabando.-Ele diz e meu pai faz cara de cu mas da mesmo assim.

-Juízo vcs dois em tô de olho.-Sr.Ross diz e sai de casa.

-Não deixa eu fazer merda.- disse rindo e indo em direção a geladeira pagar água. -Ou dps da escola posso ir pra sua casa?- pergunto dando um sorriso de lado.-Pra que?- ele responde.-Sla tipo dormir lá  ?- Falo indo aonde ele estava sentado e sento em seu colo e faço cara de cachorro sem dono.-Pode mas seu pai não vai me processar né ?- ele fala e faço que não com a cabeça e começamos a  rir que nem dois idiotas. Então fomos para a escola primeiro passamos para abastecer, quando chegamos lá fomos direto falar com o Cam e a Elena que estavam lá abraçados e rindo (ps: eles não namoram só bff's isso serve para todos nós).

-Hey piranha.- grito e Elena me olha e me abraça.-Hey piranha, posso ir para sua casa dps da escola, minha casa tá um saco?- Elena fala me soltando do abraço.  

-Ah então nem rola, vou para casa do Aaron.- a respondo. 

-Aaaa Aaron amor da minha vida, posso ir tbm para sua casa? Diz que sim.- Elena pergunta para ele e o abraça. -Fazer Oq se eu dizer que não vc vai do msm jeito.- ele a responde.

-Cam vem vc tbm.- o convido. 

-Claro que eu vou.-Ele fala e me abraça de lado.

Ficamos conversando até que tocou o sinal e lá vamos nós para o caminho do inferno, fui no meu armário pegar meu livro de trigonometria pq teria dobradinha, o Cam tbm vai cmg, nos despedimos do Aaron e da Elena e vamos para sala.

Eu não quero entrar na sala ódio trigonometria e a coisa mais chata e aquela professora me odeia, tbm quem ela não odeia.

-Cameron não vou entrar.- falo 

-A vc vai bb.- ele diz cruzando os braços.

-Quero ver então.- falo e fico o encarando, até que ele me pega pela cintura e me coloca em seu ombro e entra na sala.

-Cameron me solta vou te processar por.....- Paro e penso na causa mais não tem causa.

-Por eu te trazer para sala  de aula?- ele diz me soltando no chão e eu o encaro brava por ele ter feito isso mas aí ele me abraça e junto com o abraço um beijo no pescoço que me dá um arrepio.

-Olha agora eu vou te processa Por assédio.- falo rindo e saindo do abraço.

Vamos para os nossos lugares sentamos lá no fundo Cameron sentou atras de mim e ficamos conversando.

-Hey depois de sair desse inferno...-Sou cortada pela professora que entra já gritando.

-Falando no inferno olha lá o Diabo.- Cam diz e começamos a rir até que a professora nos olha.

-Agora eu tenho cara de palhaça.- Ela diz nos encarando. -Não do Diabo mesmo.- eu sussurro para o Cam.

Ela não escutou amém, então voltamos a conversar e decidimos que iríamos comprar algumas bebidas para beber na casa do Aaron, então finalmente acabou, eu e o Cam saímos bem rápido da escola e fomos no mercadinho que tem lá perto e compramos vodka, tequila, limão, sal e cerveja e voltamos para a escola.

-Cremosos.- Cam fala chamando Elena e o Aaron.

-Porto aonde vcs foram?-Elena pergunta me olhando.-Fazer umas coisas lá.- respondo.

Então fomos para casa do Aaron e para nossa surpresa a tia Beck estava lá fazendo o jantar, eu amo a tia Beck ela é tipo uma mãe para mim.

 


Notas Finais


Gente próximo capítulo vai ter putaria um beijo na teta esquerda


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...