História Friends or more? - Capítulo 4


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Amigosoumais?, Kylie, Romance
Visualizações 0
Palavras 792
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 4 - Capítulo 4


Essa semana passou muito rápido. Eu passei ela lendo livros e vendo filmes e séries. Eu saio do meu quarto e vou para o corredor. Minha cabeça estava cheia de pensamentos bobos, o que me deixava distraida. De repente eu esbarrei no meu pai.

-Ah Jolie. Sua mãe está chamando para o jantar.

Eu desci as escadas e quando estava saindo delas Kate vem gritando e pula no meu colo.

-Jojo. O papai disse que tem uma surpresa para nos.

Eu me sentei à mesa e me servi. Quando comecei a comer meu pai se levantou e anúnciou:

-Nós conseguimos o visto e agora eu tenho um emprego.

Nós comemoramos e eu fui dormir pois estava muito cansada.

No dia seguinte eu estava caminhando até meu armário e vejo a Lily e o Kyle vindo em minha direção. Lidya pulava que nem uma criança. Ela soltou a mão de Kyle e deu um pulo no meu colo.

-Jojooo! Você não vai acreditar!!!!

-O que houve?

-Eu fiquei com o Luccas!

-O ruivinho?

-Sim!

Vou até Kyle que está com cara de tédio e dou um abraço nele, o mesmo retribuiu e me deu as mãos. Nós seguimos para a sala de inglês e chegando lá ele se sentou com Jecky. Eu fiquei com ciúmes, mas não sabia o por quê. Ele nem era meu namorado. Depois da aula ele veio falar comigo.

-Oi Jo!

-Oi Evans!

-O que houve?

-Nada. Vai lá atrás da Jecky.

-Na verdade eu vou fazer dupla com você no trabalho de física.

-Não vai fazer com a Jecky?

-Esquece ela!

-Que nem você me esqueceu?

Ele olhou para mim duvidoso e em seguida falou:

-Você está com ciumes?

-Não.

Ele saiu com o resto decepcionado e deu as mãos para Jecky. Na aula de física eu fiz dupla com a Sophia, amiga da Lidya. Ela é legal só é do tipo patricinha inteligente.

A aula acabou então quando vi que Kyle vinha em minha direção eu o ignorei. No intervalo eu fui até a arquibancada e vi Lidya, Kyle  e Jecky.

-Oi Lily.

Quando fui falar com Kyle e ele me ignorou. Então me sentei ao lado de Lidya.

-O que aconteceu com os dois?

-Só uma discussão de amigos. Nada de mais.

Me sentei do lado de Lidya e nós começamos a conversar e a falar sobre os meninos do segundo ano. Nós caminhamos para dentro da escola. Lidya olha para ver se tinha alguém passando na hora. Ela me puxa em um canto e fala:

-Você e meu irmão se beijaram não foi? É por isso que estão assim?

-Sim, nós nos beijamos, mas não é por isso que estamos brigados. Eu briguei com ele mas foi culpa do meu ciúme sendo que nem namoramos.

- Você que quer eu fale com ele?

-Não precisa. Eu vou me resolver com ele na hora da saída.

Ela me deu um abraço e falou baixo no meu ouvido "Eu apoio"

-E não esquece de falar com ele que eu vou para casa da Jecky okay?

Eu confirmo com a cabeça e fui para a sala de química. A aula foi muito chata. Eu sentei ao lado de um garoto chamado Patrick, e pelo que eu entendi ele era amigo do Kyle.

A aula acabou e eu fui para a garagem porque sabia que Kyle estava lá. Quando me aproximo vejo ele rindo com Jecky, eles estavam muito próximos. Eu continuei andando até eles e quando ela me viu ela o abraçou e o beijou. Aquela cena foi um corte no meu coração. Continuei caminhando até ele, e o mesmo estava confuso.

-Kyle! (Gritei)

-Oi Jolie. Cadê minha irmã ?

-Ela disse que ia para casa da Jecky.

-Entendi (ele falou sem graça). Entra Jolie eu te deixo em casa.

Eu entrei no carro. Estava um silêncio perturbador. Estavamos no sinal parados por conta do trânsito.

-Jolie, eu não sabia que ela ia me beijar. Eu e ela somos amigos.

-Eu sei disso! Mas dá para perceber que ela não quer só uma amizade. Além do mais não precisa me explicar nada nós não namoramos.

Ele se inclinou em minha direção e colocou a mão no meu rosto.

-Jo! Eu não tenho esse tipo de proximidade com minhas amigas. Se não somos namorados o que somos?

-Por que você não me responde?

Ele soltou a mão do volante e me beijou. Ele era tão calmo, seus lábios eram macios e ele demonstrava paixão.

Nós seguimos caminho até a casa dele e lá ficamos vendo filme até Lily chegar. Ouvimos ela se aproximando e nos afastamos.

-Oi gente! Ah não precisa fingir que não estão juntos. Eu já vi vocês na festa.

Depois disso fui para a minha casa, tomei um banho e jantei. Peguei um livro para ler mas não aguentei ficar muito tempo acordada.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...