História Friendship or Love? - Imagine Moonbin - Capítulo 25


Escrita por:

Postado
Categorias ASTRO, Black Pink, TWICE
Personagens Eunwoo, Jennie, Jihyo, Jinjin, Lisa, Mina, MJ, Momo, Moonbin, Nayeon, Personagens Originais, Rocky, Sana, Sanha, Tzuyu
Visualizações 164
Palavras 909
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção, Ficção Adolescente, Fluffy, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


AAAAAAAAA OI MEUS AMORES!!!!
Mais um capitulo quentinho pra vxs... Bom, aproveitem ao máximo pois já estamos acabando a fanfic aa TT
Espero que gostem, mesmo sendo curtinho, tentei caprichar ao máximo ;u;
Bom, boia leitura meus anjinhos lindos ;3
(ain, tô muito carinhosa hj skskjd)

Capítulo 25 - ,,O25


O hospital estava bem calmo. Algumas enfermeiras conversavam no corredor e davam gargalhadas, pensei em ir até elas e perguntar em que “quarto” Moonbin estava, mas não quis atrapalhar.

Com minhas malas em mãos, andei até a recepção.

--Oi, am... E-eu vim visitar o paciente MoonBin –disse com receio da recepcionista me negar.

Ela olhou-me de maneira fria. Pude sentir um arrepio percorrer meu corpo.

-- Você é familiar? Responsável?

--A-Amiga.

-- Aiish! Mais uma fã?! –falou e pude sentir a raiva em sua voz. -- Já dissemos que ele não pode receber visita!!

--N-Não! Você não entende! Eu sou amiga dele e preciso vê-lo!

--Assim como todas as outras fãs?! Apenas vá embora! Ele não precisa da sua visita! –falou ignorante.

Suspirei.

-- Ah mas ele precisa sim! –alguém disse ao meu lado.

--S-Senhor Myungjun?! –a mulher faltou pular da cadeira.

Alguém pousou sua mão sobre meu ombro. Olhei para trás e ví Mj sorrir de maneira singela, o que me fez ficar mais calma.

--Vem, eu te ajudo com as malas. –ele disse ainda sorrindo, fazendo a mulher da recepção se curvar um pouco.

--M-Me desculpe.

-- Não há problema, sei como deve estar o hospital depois do que aconteceu com Moonbin –sorri fraco para ela.

--Vamos S/n, eu estava indo visita-lo agora. –Mj falou pegando uma mala que estava em minhas mãos.

--Espere... S/n? –a mulher falou mudando totalmente sua face de culpada para surpresa. - - Então você é a famosa S/n?!

--C-Como assim “famosa” –perguntei para a mais velha.

--O paciente Moonbin chegou em nosso hospital um pouco cociente, ele não para de falar sobre uma tal de S/n...

Olhei de relance para Mj, que sorriu fraco.

 

[***]

 

Ver Binnie naquela situação estava me partindo o coração. Haviam várias maquinas ao seu redor, sem contar o soro em sua veia e a sua pele meio pálida, quer dizer, mais pálida que o normal. Sentei-me então na poltrona que havia ao lado de sua cama e peguei na mão dele, deixando com que as lágrimas e soluços me dominassem.

--M-Me desculpe Binnie! –disse em uma tentativa falha de controlar meus soluços. - - Eu fui tão mesquinha e idiota... E-Eu deveria ter te ligado, ter atendido suas ligações, ter respondido todas as suas mensagens, m-me perdoe!

Disse chorando alto. Entrelacei nossos dedos e beijei as costas de sua mão, logo a encostando em minha bochecha.

-- Hey amigão. S/n está aqui, não poderia ao menos tranquiliza-la um pouco, hun? –Mj falou olhando para o mais novo, que continuava imóvel em cima da cama.

Ao lado da cama de Moonbin haviam várias flores e balões com mensagens de “Por favor oppa, melhore logo”. Ele deveria ser bastante amado por seus fãs.

Fiquei um bom tempo o fitando. Cada detalhe do seu rosto, seus fios de cabelo meio bagunçados e com uma faixa enorme em sua cabeça. Moonbin ficara ainda mais perfeito depois de todos esses dias que passei sem vê-lo. Seu físico estava ainda mais musculoso e ou ele havia crescido ou eu apenas diminuí de tamanho.

-- Noona! –ouvi a voz de Sanha e olhei diretamente ara a porta.

Ele estava loiro e um pouco mais alto também, mas quase nada. Ao seu lado estava uma garota que parecia ser da minha idade, ela tinha madeixas castanhas e encaracoladas. Chutei ser a namorada de Moonbin, pois olhava para mim com uma expressão indecifrável por mim.

Tratei logo de soltar a mão de Binnie e levantar da poltrona.

--Sanha! –sorri fraco.

O maior veio em minha direção e me abraçou apertado, quase me levantando nos braços.

-- Estava com saudade!!!

--Eu também estava! –disse sorrindo fraco.

A garota que antes estava parada próxima a porta, agora estava bem na nossa frente, sorrindo para mim de um modo que me trazia conforto.

-- O-Olá! –ela disse sorrindo.

Acenei. Sanha rompeu o abraço.

-- Ah, SoHyun essa é a S/n, S/n, essa é a SoHyun, namorada do Moonbin Hyung.

Sorri para não chorar. A garota parecia uma bonequinha de tão perfeita, nada comparada a mim, que no máximo era uma boneca Xêpa. (sabe aquela bonequinha da Lilo, do filme Lilo e Stich, então, era eu).

--Ah! Finalmente pude conhecer-te! –falou SoHyun com seus olhos brilhando em minha direção. -- Os garotos falam tão bem de você...

--Oh, obrigada.

Olhei para Mj.

-- irei levar suas malas para a van, ok? –ele perguntou e assenti com a cabeça.

Depois de um certo tempo, o silencio reinou, me fazendo ficar desconfortável.

--Bom, agora que vocês estão aqui, não tem motivos para eu continuar aqui, certo? Afinal, ele precisa da atenção da namorada. –sorri fraco, sentindo uma enorme pontada no coração.

Doía ter que falar aquelas palavras. Me doía o fato de outra pessoa tê-lo em menos de meses e eu, que batalhei durante anos por ele, posso ser chamada apenas de amiga. Sei, eu havia agido como idiota, mas eu ainda amava o.

Fui até Binnie, segurei em sua mão e aproximei meus lábios de seu ouvido.

--Binnie, estou indo, por favor, melhore logo. –falei com a voz um pouco falha, pois a vontade de chorar já estava voltando.

Suspirei e me afastei um pouco. Soltei sua mão de maneira vagarosa. Eu não estava pronta para ir, queria ficar mais tempo com ele, queria ficar ao seu lado até ele acordar.

Meus olhos já estavam marejados.

--S/n...—Moonbin falou, surpreendendo todos naquele lugar e ainda apertou de leve a minha mão.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...