1. Spirit Fanfics >
  2. Friendzone G!P >
  3. I'm fine

História Friendzone G!P - Capítulo 6


Escrita por:


Notas do Autor


Ok né....

Capítulo 6 - I'm fine


Fanfic / Fanfiction Friendzone G!P - Capítulo 6 - I'm fine

             Pov Jennie Kim 

Estáva procurando Kai por toda parte, até ver Lisa falar comigo

-Vou beber, seu principe deve tá jogando sinuca com os caras atrás da piscina

-Tá, eu vou ver se ele tá lá- Ela disse sorrindo, ela não fazia a minima ideia de como ela tava super gostosa, mesmo pra Lisa que ficaria excitada mesmo se Jennie tivesse vestida de espermatozoide  

Jennie desfilava enquanto passava pelas pessoas com cara de shook, "Deem licença que a perfeição reencarnada está passando pelos meros mortais" pensei e deu uma risada, logo vendo meu amigo Taehyung, ele é meu amigo desde a infância e ele sempre soube da minha paixão platonica por Jennie, bem, a questão era, quem não sabia?? Ele é meu melhor amigo, eu preciso de um, mesmo tendo Jennie não posso conversar com ela sobre minha paixão pela mesma, precisa de algúem que me entendesse, esse algúem era V, eu antigamente chamava ele de V, porque em todos os jogo que nós jogavamos ele sempre ganhava, inclusive Basquete,eu realmente queria ter mais tempo pra passar com ele, mas é quase impossível, nós estudamos na mesma escola, mas não é tão fácil, mesmo assim, ele sabe meus sentimentos por ele, eu também sei os seus, como dizemos "Estamos a uma mensagem de distância", diziamos isso sempre, mesmo estando longe ele sempre desabafa comigo sobre tudo, eu também não estou longe disso, ele me conheçe melhor que todos,até melhor que Jennie eu diria.

-Tata viado- Digo abraçando um abraço demorado 

-Nhaee viada- Diz me dando um beijo na bochecha,poucos sabem mas Tae não é durão como acham, ele tem a cara fechada, parecer ser serio, e ele é, só que só na presença de estranhos, é casa perola que esse menino solta.

-Como vai deus uns pega na Kim hum??- Disse dando um sorriso malicioso

-Infelizmente Tae- Coloco a mão no coração fazendo drama - Ela se apaixonou por outro cara, talvez um dia a macumba de certo- Eu disse fingindo chorar 

-Você tá de brincadeira que a macumba não funcionou- Disse fingindo estar triste- Vou ver uma das forte e digo- Disse rindo essa última frase 

-Vê se acha uma boa mesmo- Disse rindo também

                  Pov Jennie Kim 

Estáva procurando Kai aonde Lisa falou que ele podia estar, logo vi ele,com o sorriso de orelha a orelha jogando sinuca, certeza ele tava ganhando 

-KIM- Ele me viu e gritou meu nome, fiquei um pouco envergonhada pelo jeito que ele olhava meu corpo, ele era um cara alto, então se destacava na multidão, podia ter 100 pessoas em um lugar, Kai, sempre iria se destacar, seus cabelos macios, ela sabia pois no beijo ela aproveitou pra pegar neles, sua pele sedosa, seus ombros largos, seus braços gritavam de tantos musculos, ele era a perdição e Jennie sabia disso.

Logo Kai deu um selinho em Jennie que ficou envergonhada, ele perguntou se ela queria sair daquele lugar, ela disse que sim, e foi para onde sua amiga estáva, sabia que Lisa odiava Kai, só de falar o nome dele ela já revirava os olhos, ela podia pelo menos apoiar a amiga, mas não Manoban era egoista demais pra isso, só pensava nela mesmo, Kim não sabia se eles já tinham brigado antes, porque Kai também não usava sua melhor cara perto de Lisa, pelo menos o sentímento é retorico, Lisa nunca falou mau de Kai perto de mim, mas ela nunca falou bem, resumindo, ela nunca falou dele, ele nunca falou dela.

                   Pov Narradora

 Lisa era uma completa Narcizista aos olhos de Kai, Pelos olhos de Lisa, Kai era um completo filho de uma bela puta, não tinham xingamentos possíveis para denominar ele, mas ela gosta de um em especifico, "Sem Carácter", ela tinha mais de mil argumentos pra não gosta de Kai, mas um deles era seu jogo sujo, ele não era malhado, ele nem ia na acadêmia da escola, nem a nenhuma outra, Aquilo no braço dele tem nome Bomba.

Não era novidade pra ningúem, mas só quem tinha certeza era as pessoas que jogavam basquete, o resto da escola olhava pra ele como o exemplar o gostosão, mas não sabia das merdas que ele fazia, ele não era expulso por um simplês motívo, Seu pai era o Treinador.

           Pov Lalisa Manoban 

Não acredito que a Jennie trouxe o broxa pra cá, não ligo se eles se pegarem pra lá, mas não quero olha na face daquele forçado do caralho, ele é simplêsmente um AssHole, isso mesmo ele é tão pau no cú que eu não tenho mais xingamentos em português, eu vou tentar ficar na medida do possível com esse bafo de pica.

Taehyung me olha assim que Jennie chega com o Little Pôny, ele fazia uma cara de quem ia sair dali, então antes dele sair, eu o puxei pela manga

-Fica aqui caralho- Disse puxando ele

- Oi Taehyung-Disse Jennie sorrindo

-Oi Jennie- Disse sorrindo amarelo - Oi Kai- Ele disse sem nenhuma impolgação

-Oi Lalisa, Oi Taehyung- Ele é o ser mais forçado de toda a humanidade 

-Oi Kim Jong-in- Falei seria.

Ficamos bebendo durante muito tempo,jogando papo fora até que uma garota muito bonita por sinal começa a me olhar, vejo ela dançar sensualmente olhando para mim, ela começa rebolar lentamente, todos da mesa percebem e ficam encarando ela também, até V que é o ser mais Gay possível da terra,ela tinha cabelos negros, olhos redondos, tinha uma estatura baixa, Coxas levementes grossas, fiquei olhando ela por alguns segundos, e então me levantei, indo em sua direção, olhei pra trás e vi Jennie me olhar com o cenho franzido logo olhei pra V que tava com um sorriso malicioso fazendo gestos obcenos com os braços, dei uma risada ao ver ele falando algúma coisa, que eu não entendi.

              Pov Jennie Kim 

Não acredito que a Lisa foi transar com uma garota me deixando sozinha, bem eu não estou sozinha, Kai está bem do meu lado, junto com Taehyung, logo que Lisa sai V faz um Gesto com a mão a fazendo rir

-Hoje ela vai descançar, já fazia um tempo que ela não transa, na minha conta 1 mês sem contato com nenhuma pessoa,Ela anda muito cansada últimamente é bom pra ela- Ele diz olhando pra mim 

-Sempre é bom sexo pra desestressar- Kai diz rindo

            Pov Lalisa Manoban 

Eu estava completamente nua, Aquela mulher me deixou louca, estavamos conversando até ele me chamar pra ir a um lugar mais calmo, eu obviamente fui, ela foi subindo as escadas eu ia logo atrás, dando uma verificada em sua bela rabá, ela era fodidamente gostosa, entramos no quarto, ela foi logo tirando seus sapatos e sua blusa, ela subiu em meu colo, que eu logo apoie na parede, ele me deu um chupão, que provavelmente iria ficar a marca, desci meus beijos até seus seios coberto, deixei beijo pelo seus corpo inteiro, tirando seu sutiã, logo chupei seus mamilos duros, coloquei ela no chão é tirei meu short e logo depois minha camisa, ficando só de cueca e top, tirei meu top, e tirei a calsinha dela, não deixando pra trás tirei minha cueca que por sua vez não era de nenhum heroi mas, só mas, ela era amarela uma cor um tanto bizarra.

Fiquei por cima, enquanto beijava seu corpo todo, ela beijava meu pescoço e dava leves chupões em todo meu corpo, decidimos adiar as preliminares, afinal pra que aquecimento se é três setes?






Notas Finais


Boí da peste


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...