História FUCK LOVE -Shawn Mendes e Sabrina Carpenter -Daddy - Capítulo 3


Escrita por:

Postado
Categorias Sabrina Carpenter, Shawn Mendes
Personagens Sabrina Carpenter, Shawn Mendes
Visualizações 104
Palavras 1.268
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oioi voltei, sentiram Saudades? Por que eu senti de vocês! Enfim, espero que gostem desse cap. Vai ser bem rápido para fechar com chave de ouro o capítulo anterior Favoritem e comentem❤



》》》AVISO: NÃO TERÁ CONTINUAÇÃO SE NÃO COMENTAREM OU FAVORITAREM《《《


》》》NÃO SEJA UM LEITOR FANTASMA《《《

Capítulo 3 - Chapter Three


Fanfic / Fanfiction FUCK LOVE -Shawn Mendes e Sabrina Carpenter -Daddy - Capítulo 3 - Chapter Three

E então, Cecília. O que gosta de fazer? -Sabrina olhava para Cecília 


-Eu amo ir para o jardim, ele me traz paz, amo ficar na piscina, porém é perigoso e ouvir músicas. 


-Jura? Depois vamos ouvir umas músicas? -Sabrina perguntava entusiasmada e Shawn apenas reparava em silêncio 


-Sério? Mas é claro! -Ela sorria muito ao dizer 


-O jantar está pronto. -Margarida dizia servindo para todos 


-Que cheiro ótimo, Margarida. -Ela elogiava e Margarida se cheirava 


-Eu sei, eu tomei banho agorinha pouco -Ela agradecia fazendo Sabrina colocar a mão na boca e rir, Shawn fazia uma cara de "WHAT?" Ele franzia a testa e Rose ria junto de Cecília 


-Ela estava dizendo da comida, Margarida. -Shawn dizia servindo para ele 


-Oh, desculpa. -Ela saia dali indo para o jardim 



-Tudo bem. -Sabrina dizia já comendo 





[...



Então logo ao todos terminar, as três conversavam, Shawn permanecia em silêncio durante toda a conversa. Até Sabrina se levantar 


-Vou ir buscar meu celular, já volto para ouvir músicas com você Cecí, a e...Margarida, sua comida estava ótima, estava pois agora já não tem mais -Ela sorria e Margarida sorria como se fosse uma vitória. Shawn se levantava junto e se sentava no sofá da sala, enquanto Rose fazia companhia para Margarida 



-Vou ir para o jardim, avise Sabrina que estarei lá.-Ela sorria e caminhava com um apoiador indo em direção ao portão, ela suspirava ao ouvir alguém lhe chamar. 



-Moça, moça. Psiu...-Ela estranhava e se mexia 


-O que quer? Quem é? -Ela perguntava meio assustada ao ver um carro se aproximando 



-Sou um mendigo, preciso de dinheiro moça. Me dê um pouco de moedas-Ele dizia quase chorando, ela então se aborrecia 


-Oh moço, queria ajudar, mas eu não enchergo, não tem como eu pegar para você. Passe aqui amanhã, por favor -Ela dizia e ele sorria de felicidade. 


-Claro mo...-Antes que terminasse era ele empurrado por Ket fazendo ele ele cair no chão 



-O que faz aqui seu pobretao? -Ela dizia insultando ele e Cecília ouvia o estralo no chão 


-Meu Deus, Ket! Não teria necessidade disso -Ela dizia espantada 



-Cala a boca Cega, eu estava ajudando. Suma daqui esfarrapado! -Ela ao gritar já entrando fazia Sabrina ouvir enquanto ia até ela, e correr 


-O que está acontecendo aqui? ! -Sabrina perguntava espantada vendo Cecília com os olhos cheios de lágrimas. 


-Moça, eu não fiz nada, eu juro.  -Dizia o homem que estava no chão 



-Fez sim, estava aqui pedindo esmola, não tem vergonha na cara? -Ket olhava sério e Sabrina se irritava 


-Olha aqui! Não é nenhuma vergonha pedir esmola, vergonha é você tratar as outras pessoas mal. -Ela puxava o portão novamente abrindo fazendo força e dando tranca. Shawn conseguia ouvir e vinha Até elas, já Sabrina ajudava a levantar o homem que estava no chão, Shawn olhava 



-O que está acontecendo aqui?!-Ele perguntava se aproximando



-Essa daí, esta passando pano pra macho fedorento -Ela dizia em um tom alto 



-Vem, moço. -Ela entrava com ele e Shawn olhava estranho -Essa daí nada! Quem você pensa pra falar assim comigo? 


-A amiga dele! Melhor amiga. -Ela levantava o nariz 


-Legal, e eu sou a esposa! -Logo Ket se calava -E mesmo se não fosse, não tem o direito de falar com os outros como bem entende. -Sabrina puxava do bolso uma carteira e Shawn ainda permanecia calado -Toma moço, 200 conto, da pra ajudar, amanhã você passa aqui para pegar uma marmita -Ela sorria -Como desculpa do que essa de baixo nível fez 



-Obrigada moça, que Deus te abençoe -Ele agradecia e abraçava ela saindo dali, Cecília sorria pelo moço 



-Me admira muito saber que uma mulher que tem dinheiro ser tão podre. E você também, ESPOSO. Que nem coragem teve de dizer que estava casado, boba fui eu né. O que esperar de alguém como você -Ela dizia seco fazendo ele abrir a boca incrédulo e ele entrava pegando na mão de Cecília 



-Sabrina! Volta aqui -Ele dizia ao ir atrás e Ket o segurar 


-Espera...


-Espera nada, Ket! Eu disse bem para você, estou casado, assuntos só lá na empresa. Some daqui! -Ele dizia seco empurrando ela para fora e dizendo no interfone para trancar, então o portão trancava e ele continuava a subir 


-AÍ QUE ÓDIO! ELE TÁ DIFERENTE -Ela surtava 




-Rose.-Ela dizia levando Cecília até Rose e ela olhava preocupada 


-O que houve???! -Ela olhava 



-Nada, só vou dormir que perdi meu tempo -Ela subia as escadas -Boa noite para as duas, durmam bem. -Ela ao dizer entrava no quarto e pegava o pijama indo para o banheiro 



-Filho!  -Rose o chamava ao ver ele entrar -O que aconteceu? 


-Não sei mãe, foi rápido -Ele ia até ela e suspirava 



-Eu sei, tinha um homem aí mãe, ele pediu um pouco de dinheiro, disse que não tinha, que era pra ele voltar amanhã, ele estava me agradecendo e foi interrompido, Ket o empurrou! -Ela ao dizer fazia Shawn e Rose abrir a boca -Aí chegou a Sabrina, dizendo que iria ajudar ele e ajudou mesmo, com 200 contos. E olha que foi com o próprio dinheiro. -Ela ao dizer fazia Shawn suspirar mais ainda 


-...Bom, vou resolver isso, Boa noite para vocês -Ele subia as escadas vendo elas sorrir junto 


Sabrina saia do banheiro com seu pijama e ao mesmo tempo ele entrava, ele a olhava de baixo para cima, ela suspirava e se virava indo para olhava outro lado da cama. Ajeitando as cobertas e ele então começava a tirar a blusa, ela parava e via a linda visão de hoje mais cedo...Ele então arrancava a calça e ficava com uma cueca parecendo um short preto. Ele ia até a cama e ela fingia não ter visto nada ao ser puxada pela cintura, ela ao cair sobre ele, colocava a mão em seu peitoral e ele a olhava 


-Sabrina...Eu disse a Ket sobre estar casado, não sabia o porque dela ter vindo -Ele ao dizer via ela revirar os olhos e então ele o pressionava mais contra o corpo dela 



-Jura? Então por que ela me tratou daquele jeito?! 


-Por que não teria dito seu nome ao deixar ela para trás -Ele se explicava 


-Ok...Vamos dormir -Ela tentava se soltar ao ver ele a puxar novamente 


-Você está me devendo um beijo faz tempo -Ele olhava para a boca dela e atacava seus lábios rosados, suas mãos iam na nuca de Sabrina afundando os dedos nos cabelos dela. Ela sentia o hálito quente dele na boca, e logo sentia a língua de Shawn pedir passagem, ela estava tão próxima fazendo com que ela de uma brecha para a língua dele entrar e explorar toda a sua boca. Ele a deitava devagar na cama indo por cima dela, ele ainda beijava e mordia os lábios dela cuidadosamente, como se estivesse saboreando um prato de comida. Ela o virava e ia por cima dele, fazendo ele descer as mãos das costas dela até o bumbum. No qual apertava bem devagar fazendo ela ofegar, ela soltava um sorriso ao separar as bocas e ela se jogar a lado dele entrando debaixo da coberta, ele estava totalmente excitado e duro...Ela era a mulher pra ele, e perfeita para satisfaze-lo. Ele olhava de lado 


-Só um beijo...E que Beijo....-Ela suspirava e virava de lado, fazendo ele ver suas curvas -Boa noite, Marido. 


-Sacanagem...-Ele dizia colocando a mão sob a cueca e entrando junto dela debaixo da cobertor virando para o outro lado. Então ela fingia estar dormindo e ele ignorava com uma face seria 



Continua...






Notas Finais


Olha eu aqui novamente! Gostaram desse capítulo? FOI QUASEEE! enfim, Favoritem e comentem aí para ajudar.

Até o próximo capítulo amores!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...