História Fuck Me Daddy - Imagine BTS HOT: Min Yoongi (EM REVISÃO) - Capítulo 9


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jeongguk (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin)
Visualizações 309
Palavras 748
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


× Este capítulo contém insinuação de sexo, caso não goste, não leia!

🔥 HOT

Capítulo 9 - IX. FUCK ME DADDY


Ele entrou e observou o local por alguns segundos, mas logo se pronunciou.

- Tava com tanta saudades sua - ele se aproxima de mim colocando suas mãos em minha cintura - E você, estava?

- S-s-sim... - me sinto sendo empurrada na cama carinhosamente - Y-yoongi... acho que... - ele me intereompi colando seus lábios gélidos aos meus lábios quentes e logo o frio na barriga me consome aos poucos.

Ele volta a me beijar novamente, mas agora era um beijo mais quente, mais feroz e cheio de luxúria.

- Princesa, deixa eu te fazer minha - ele diz dando beijos em meu pescoço - Hoje eu quero ser apenas seu Daddy, e você apenas minha Babygirl - ele diz deixando marcas em meu corpo e chupando meus seios.

- Ah y-yoonnie - gemi manhosa ao sentir seus toques - E-eu quero você.

- O que você quer babygirl? - ele se faz de inocente e me encara.

- Eu quero q-que me-e foda daddy, forte e fundo.

- Não entendi, pode repetir?

- Eu quero que você me foda daddy, forte e fundo. Fuck me daddy. - gemi manhosa em seu ouvido.

Ele abaixa meu pijama revelando minha calcinha. Sinto seus dedos fazendo movimentos circulares encima do pano me estimulando outro gemido manhoso.

O mesmo se livra das minhas últimas peças de roupa e consigo finalmente sentir sua língua em minha vagina.

- Ah yoon-nie - ele aumenta os movimentos de sua língua fazendo eu alcançar a loucura - Yoon-ni-e e-eeu vou goz... - chego ao meu ápice e o mesmo sorri vitorioso.

Inverto nossas posições, e tiro a blusa dele, fico encima do mesmo e faço um trilho de beijos e chupoes em seu peitoral pouco definido, (mas nem por isso deixava de ter alguns gominhos) e vou descendo em direção a sua cueca que eu já podia ver o certo volume que eu causei.

- Foi eu que causei isso Daddy? - pergunto apertando seu membro fazendo o mesmo dar alguns gemidos roucos.

- S-sim. - ele joga sua cabeça pra trás - Não judie de mim Babygirl.

Fiz o que o mais velho pediu e logo começo das beijos molhados em sua glande e, abocanho seu membro chupando todinho, e o que não cabia eu masturbava com a mão. Continuei a abocanhar o membro e masageava seu pau lentamente fazendo o corpo do mesmo estremecer e ele jogar um jato quente em minha boca que eu sem hesitar engulo.

- Agora eu sei por que seu apelido é Suga. - sorri maliciosamente.

POV MIN YOONGI

Dou um leve sorriso ao comentário dela e troco nossas posições, pego meu pau martubando um pouco d direciono em sua entrada.

- Olha, se doer você me fala tá? - falo perto de seu ouvido fazendo ela se arrepiar - eu vou com cuidado, mas quando quiser que eu aumente a velocidade é só falar. - coloco a camisinha.

Em um simples ato penetro s/n, ela logo grita de dor, mas beijo ela para aminizala, paro de se movimentar até ela se acostumar com a doe e começo a me mover mais devagar até ver s/n balançando sua cabeça positivamente para eu poder ir mais rápido.

Aumento a velocidade ouvindo seus gemidos. Ah seus gemidos. São músicas para o meu ouvido.

- Awn da-d-dy. - ela geme manhosa - mais rápido-o.

Começo a dar estocadas mais fortes e fundas fazendo ela se contorcer de prazer. Tiro meu pau de sua vagina fazendo ela gemer em reprovação.

- Fica de quatro - ordeno. Dou mais algumas estocadas fortes acertando seu pontinho fazendo ela gemer mais alto - então é aqui? - acerto seu pontinho novamente - go-z-za pro seu daddy babygirl. - falo entre gemidos - tão ap-p-pertadinha awn... - sinto a vagina dela se contrair e ela logo goza no meu pau. - Deixa eu gozar na sua boquinha, deixa?

Ela retira a camisinha me mastubando. Sinto minhas veias engrossarem e então, gozo.

- Eu te amo princesa - digo deitando ao seu lado.

- Eu também te amo idiota - ela deita em meu peitoral - muito mesmo - e adormece no meu peitoral.

DIA SEGUINTE...

POV S/N

Acordo com a luz do sol refletindo na minha cara e logo viro pro lado.

CADE O YOONGI

Levanto da cama e pego meu celular vendo a mensagem de yoongi

Yoonie: Desculpa sair sem avisar. O menager me chamou pra vir aqui e fiquei com medo da sua mãe me ver ai, então, pulei as janelas.

Me: Ahn.. Ok! Você tá bem? Só pela mensagem que me mandou parece que não.

Yoonie: Não se preocupe, não é nada demais.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...