História Fui expulso da minha dimensão.!!! - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias A Viagem de Chihiro (Sen to Chihiro no Kamikakushi), Diabolik Lovers
Personagens Ayato Sakamaki, Haku (Kohaku), Kanato Sakamaki, Laito Sakamaki, Personagens Originais, Reiji Sakamaki, Shu Sakamaki, Subaru Sakamaki, Tougo Sakamaki "Karlheinz", Yui Komori
Visualizações 20
Palavras 1.183
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Ecchi, Fantasia, Ficção Adolescente, Lemon, Poesias, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Survival, Universo Alternativo, Yaoi (Gay)
Avisos: Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 1 - Hino Truks é Akyra Lunds.


Fanfic / Fanfiction Fui expulso da minha dimensão.!!! - Capítulo 1 - Hino Truks é Akyra Lunds.

Fui expulsa da minha dimensão hoje de madrugada,acabei que fazendo merda e meus pais me expulsaram  por um ano, ele dizem que ainda não estou preparada para herdar o reino e eles têm razão, a família mais poderosa de todas,ao qual criou tudo,não pode ser herdada por uma criança feito eu ,mais eu sei que um dia vou ter que herdar aquilo,ninguém mais pode fazer isso a não ser eu.

Depois de ser expulsa fui jogada em um portal dimensional qualquer pra  sei lá aonde eu cairia,eu teria que enfrentar tudo,tudo mesmo.

Só não esperava cair na dimensão de um dos meus animes que tem a protagonista mais idiota de todos os tempos,a yui de Diabolik Lovers é eu cai nesse lugar por pura maldade mesmo,porque eu não cai em Naruto que nem a Kaguya.

Brincadeira mesmo, não, isso é magia negra mesmo. 

Agora o melhor mesmo é eu está debaixo da chuva em frente a mansão sakamaki às 8:00 da manhã,horário que estaria dormindo aliás, bom a questão é eu só tô com uma mala super leve afinal e preciso seriamente entrar logo.

Fico de frente a porta e logo abro ela,me deparando com a yui sentada em uma poltrona. 

Ela logo me olha e pergunta.

Yui-quem é você?

Akyra-oi,me chamo Hiko,e você?

Nossa pode anotar aí porque daqui pra frente minha vida vai ser uma mentira,isso mesmo eu vou ter que mentir sobre tudo,meu poder, nome,tudo mesmo cara,acho que pra quem ainda não notou eu mudei de forma ou seja agora eu tô que nem um garoto e pensa,escolha minha não, não foi,minha família é do além do mal e fez isso comigo, parabéns, antes eu me chamava Akyra e hoje Hino.

Yui-m.me chamo Yui, prazer em conhece lo.

Ela diz corada,se eu não soubesse a puta idiota que ela é eu só acharia isso idiota,mais fingimento em primeiro lugar né mundo.

Hiko-que nada prazer é todo meu.

Digo e pisco pra ela que fica mais corada ainda.

Hino-então tem alguém em casa? É que eu fui mandado pra casa errada,eu acho que me confundi quando dei o endereço pro motorista,não idiota kkkkk.

Disse me aproximando dela com a mala.

Yui-n.não, então eu acho que é melhor você achar um táxi né, acho que você não vai querer ficar aqui.

Ela diz olhando pro chão, bom pelo que eu tô entendendo a minha encenação é ótima e ela acha que eu não sei de nada e que eu deveria ir embora logo antes que o negócio fiquei feio né,kkk quero um Oscar autora.

Hino-você não me respondeu se tem alguém na casa.

Yui-s.sim tem mais não são todos que moram aqui,a maioria saiu e resto deve está ocupado ou dormindo.

Hino- a interessante rsrsrs mais sabe acho que aqui...vamos ver...você pode me dizer se o endereço é compatível com esse?

Criei um endereço falso,pum,eu posso criar coisas,surpresa? Haa né kkkk.

Yui-s.sim é...acho que você não errou o número Hino kun. 

Ela diz um pouco incomodada,gozou ela tá preocupada comigo porra ,arrasei não atuação. 

Hino-topou eu não acredito rsrsrs eu vou morar com uma garota tão linda como você. 

Levantei o queixo dela com o dedo pra ela olhar nos meus olhos e ela ficou igual a um tomate kkkk.

Derrepente eu sinto alguém me empurrar forte o suficiente pra eu bater as costas na parede e estragar com ela,como se isso fosse me matar.

Fiquei de pé e levantei a cabeça com uma cara de tédio, é ele ficou mais bravia i da que eu fiquei em pé .

Hino-Sabe não é bom ficar jogando outros caras na parede em frente a uma dama,é falta de respeito Ayato. 

Ayato-cala boca,quem é você porra.

Hino-Eu sou só mais uma pessoas tentando viver a droga da minha vida lonje de idiotas como você mais parece que não vai dar certo já que eu vou ter que morar aqui.

Ayato-o que?! Quem você pensa que é seu humaninho idiota,encostando assim no que é meu e ainda dizendo que vai morar aqui?!

Tá agora foi a gota d'água,porra é o caralho que eu vou ficar com essa cara de sonso pra sempre. 

Hino-olha aqui seu cabelo de menstruação atrasada,acha que eu tô aqui porque eu quero porra?! Claro que não, se eu pudesse já tinha casado pra minha casa que é muito mais confortável que esse puteiro gay aqui tá seu grande filho da puta,aliás sua mãe era uma puta mesmo em...

Antes de terminar ele tampa minha boca com força. 

Ayato-olha aqui eu não sei quem é você mais vou acabar com sua vida.

Ok o negócio aqui vai esquentar.

Apertei o pulso  dele com força e tirei ela da minha cara enquanto o mesmo tava com aquela cara de bosta dele.

Aproximei minha cara da dele ficando a centímetros da sua boca,ainda segurando seu pulso.

Hino-Eu sou alguém que você nunca mais vai querer enfrentar.

Sussurrando isso o teletransportei para o quarto dele com o mesmo deitado na cama,eu o segurando com força o suficiente pra ele não conseguir se soltar.

Hino-sabe...eu tava querendo muito fuder com alguém mais acho que agora não né. 

Vejo ele se assustar com o que eu falei e por não conseguir se soltar.

Hino-mas...acho que um beijinho vai.

Ele tenta se soltar mais não consegue,eu começo lambendo o pescoço dele e depois os lábios. 

Ayato-p.para,eu não sei quem é você mais vou acabar com você. 

Hino-ooo jura acho que não, então que tal ser minha putinha particular em.

O beijo e logo tento afundar minha língua na boca do mesmo,aquilo estava maravilhoso, até que ele não resistiu mais e abriu passagem mas logo depois mordeu minha língua com força a fazendo sangrar e ele engolir meu sangue.

Vejo ele se assustar mais ainda com o sabor,é eu sei meu sangue é puto de gostos,como é que eu sei? Vamos dizer que eu já provei.

Hino-então gostou ? Deixaria você sugar mais só que veja já fechou.

Disse mostrando minha língua pra ele e logo me teletransportando pra sala de novo e como previ já estava todo mundo lá menos o Ayato claro.

Hino-então...okaeri.

Eu estava no pé da escada,a Yui tava sentada em um sofá, Shu estava deitado no dele,Leito tava com aquela cara de pervertido que vai comer todo mundo em um canto, Subaru tava em pé em outro canto com a cara mais fechada do mundo,Kanato tava falando com o urso doido dele em outro canto e Reiki tava sentado na poltrona dele lendo um livro qualquer.

Andei entre ele e fui até minha mala que ainda tava lá. 

Hino-nossa essa casa é sempre assim,parecendo um covil de vampiros mal reformada.

Peguei minha mala e fui andando até a escada.

Laito-hora hora olha o que temos aqui.

Ele aparece na minha frente e coloca a sua mão na minha cara,a que logo eu peguei com mais força do que antes enquanto todos estavam nos olhando eu o joguei na porta a destruindo e abrindo um grande buraco nela.

Hiro-palhaço troca em mim de novo e eu faço mais que isso sua bith no cio.

Fiz minha cara de sacana e continuei subindo aquelas escadas com a mala enquanto os outros já nem prestava mais atenção, típico deles .

Fui para o maior quarto desocupado de lá e o fechei o trancando.

Agora é 9:30 é parece que vai ser aporra de um longo dia.

Affs






Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...