1. Spirit Fanfics >
  2. Fukatsu Kazoku >
  3. Problemas e Soluções

História Fukatsu Kazoku - Capítulo 3


Escrita por: e Matsuri-Jin


Notas do Autor


Karen se transfere para a sala de Alex, e um acontecimento faz com que fiquem mais próximos.

Capítulo 3 - Problemas e Soluções


Fanfic / Fanfiction Fukatsu Kazoku - Capítulo 3 - Problemas e Soluções

Após os diversos acontecimentos alguns dias atrás, a paz retorna a vida de Alex, Karen não o visitava havia desde aquilo, ele achava que estava tudo bem, mas...

Quando chegou na aula teve logo uma surpresa.

-- (Professora) - Hoje temos uma nova aluna em nossa classe, pode se apresentar por favor ?

Os garotos da sala ficam bem atentos para quem vai se apresentar e as meninas acabam ficando com um pouco de inveja.

-- (...) - Quem é essa menina ?

-- (...) - Cara ela é muito linda !

-- (...) - Acho que vou investir !

Alex que estava de cabeça de baixa ouve todos os comentários e levanta para o que causava aquele alvoroço, quando mirou seus olhos em direção ao quadro negro sua reação foi a pior possível.

-- (Alex) - Só pode ser brincadeira !

Quando Karen viu Alex abriu o sorriso de ponta a ponta e deu grito lá da frente.

-- (Karen) - Alex ! Não acredito que caímos na mesma sala !

Os garotos olharam para ele com inveja, e ele só virou o rosto como se não soubesse de nada. Karen saiu correndo de lá da frente e foi até o lugar de Alex e lhe deu abraço, contra sua vontade, ao seu lado ele sentia os olhares de raiva e o ranger de dentes.

-- (Professora) - Karen-san se sente por favor !

- E vocês garotos parem de ficar encarando o Alex, a aula vai começar !

Alex se sente salvo pela professora mas o problema continuo, Karen estava ao seu lado, e sorrindo constantemente.

Era a última aula antes do horário de almoço, era de inglês e para o azar de Alex, a garota ao lado havia deixado o livro em casa.

-- (Karen) - Posso sentar com você, eu esqueci meu livro !

-- (Alex) - Não, se vira aí !

-- (Karen) - Para de ser ruim, estamos na escola, deixe o pessoal pra depois !

-- (Alex) - Falando assim parece até uma adulta !

Pensou Alex.

-- (Alex) - Tudo bem, só não senta muito perto !

-- (Karen) - Tá bom !

Karen coloca sua mesa ao lado de Alex, e os olhares começam novamente, só que agora não eram por de ciúmes de Karen  pelo contrário. 

Alex era um garoto muito bonito, tinha as melhores da sala e era loiro, as garotas corriam atrás dele, havia um boato na escola  que ele recusou cinco garotas de uma vez só, desde então elas só ficam o admirando de longe, com medo de serem rejeitadas também.

A aula segue e Karen ainda não tentou nenhuma gracinha pra cima dele, se bem que também não poderia, estavam dentro da sala, qualquer coisa chamaria a atenção, mas ela achou um jeito de mexer com o psicológico do loiro, por baixo da mesa ela lentamente começa a movimentar sua mão chegando perto da perna dele, ele olha pra baixo por reflexo mas não vê nada. Karen continua seu movimento e acaricia a coxa dele, que acaba deixando escapar voz e toda a sala escuta.

-- (Professora) - Está bem Alex-kun ?

-- (Alex) - S-sim, eu só bati a perna na mesa, não precisa se preocupar !

Alex olha com raiva para Karen que estava rindo.

-- (Karen) - Finalmente olhou para mim !

Quando os olhos dos dois se encontram parece que o tempo havia parado, ao olhar nos olhos azuis de Karen, Alex ficou só admirando sem dizer nada, ele sentiu um carinho vindo daqueles calmos olhos e seu coração palpitou.

-- (Alex) - O que é isso ? Eu já senti antes  mas... onde ?

-- (Karen) - Alex ? Alex ?

-- (Alex) - O que foi ?

Ele havia ficado tão preso em seus pensamentos que nem ouviu o sinal do almoço tocar.

-- (Karen) - Vamos indo ?

-- (Alex) - Pra onde ?

Antes que pudesse terminar de falar Elizabeth aparece na porta da sala e chama Alex.

-- (Alex) - Desculpa, mas já tinha marcado com ela de almoçar !

Karen percebeu a mudança de expressão no rosto dele quando Elizabeth apareceu, ele gostava de estar com ela, então ela foi almoçar sozinha no telhado.

-- (Karen) - O que eu posso fazer pra ele acreditar em mim ?

Suspirava ela enquanto colocava o arroz na boca com as hashis.

-- (...) - Aquele ali é difícil, dizem aí que ele só tem olhos para a Elizabeth, acho melhor procurar outra pessoa !

Disse uma pessoa que ouvia o que ela suspirava.

-- (Karen) - Tem que ser ele !

-- (...) - Você é bem persistente, quem sabe eu te ajude !

-- (Karen) - Sério ? Obrigado !

- Mas por que uma estranha me ajudaria num problema pessoal !

-- (...) - Por que eu gostei de você, me despertou o interesse !

-- (Karen) - Posso saber seu nome ?

-- (Hana) - Me chamo Hana !

-- (Karen) - Eu sou Karen, muito prazer !

-- (Hana) - O prazer é todo meu !

O dia passa bem rápido e já era hora de ir embora, quando foi trocar seus sapatos Karen achou uma escrita que dizia "Me encontre atrás da escola", ela ficou achando que era de Alex, ela colocou os sapatos e foi correndo, atrás dela Alex tinha visto ela correr.

-- (Alex) - Onde ela vai ?

- Não é da minha conta !

Ele sai andando como se não tivesse visto nada, mas ainda estava incomodado, então acabou seguindo ela. Quando chegou aos fundos do colégio se escondeu.

-- (Alex) - O que diabos eu estou fazendo aqui ?!

Após alguns minutos de espera um garoto aparece.

-- (Alex) - Ele vai se declarar ?

- Não era nada de sério !

Como Alex havia previsto o garoto tinha se declarado, mas recebeu uma resposta curta e grossa.

-- (Karen) - Desculpe mas não posso corresponder seus sentimentos !.

-- (Alex) - Recusou por minha conta ?

- Ahh, o que eu estou fazendo aqui ouvindo isso, tô fora !

Mas ele ouve uma alteração na voz do garoto.

-- (...) - É por causa do Alex ? Eu não sirvo pra você ? Não sou bonito o bastante ?

O garoto começa a pressionar Karen exigindo uma resposta.

-- (Alex) - Parece que tá ficando sério !

As exigências do garoto continuam até colocar Karen contra a parede, o garoto aproveita a situação e pega ela pelo braço.

Alex viu que a situação ficou séria e agiu.

-- (Karen) - Alguém me ajude !

Gritava ela enquanto fechava os olhos, o que ouviu depois foi um barulho de algo caindo no chão.

Alex havia aparecido e acertado um forte soco de direita no rosto no garoto o fazendo ir ao chão.

-- (Alex) - Se eu te ver perto dela de novo, o soco vai ser o que menos vai te procurar !

O garoto levanta e sai correndo.

-- (Alex) - Você tá bem ?

Karen se abraça em Alex o prendendo com seus braços, ele percebeu que ela estava tremendo, gentilmente ele passa a mão sobre seus cabelos e diz:

-- (Alex) - Está tudo bem, eu estou aqui !

- Vamos para casa !



Notas Finais


O que vocês acharam do capítulo ?

Desculpa a demora, tive alguns trabalhos para entregar e não conseguia escrever, mas agora a frequência volta ao normal.

Espero que gostem e até o próximo capítulo.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...