História Fúria de Espadas - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias As Crônicas De Gelo e Fogo (Game of Thrones), Mulher Maravilha (Wonder Woman)
Personagens Daenerys Targaryen, Jon Snow, Sansa Stark
Visualizações 25
Palavras 557
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Crossover, Drama (Tragédia), Fantasia, Luta, Magia, Mistério, Poesias, Romance e Novela, Violência

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 2 - Matadora de Deuses


Diana empurrou com força Jon mas ele continuava montando na guerreira e ela se debatia irada.

Diana: - Saia de cima de mim!

Jon: - É você que está dificultado Diana!

Diana: - Eu juro por Zeus que vou matar você! Jon Snow.

Jon: - Silêncio!

Ele olhou para a floresta que já estava tomada pela noite e ouviu sons de cavalos e homens conversando e saiu de cima de Diana e ela o olhou com preocupação.

Diana: - São ladrões! Vão nos matar!

Jon: - Não se os matarmos primeiro! 

Diana de um sorriso e se levantou do chão e limpou as folhas secas que haviam em seu corpo.

Diana: - Me dê minha espada!

Jon: - Não! Fique aí! Escondida. Já volto!

Diana: - Não sei se é idiota ou louco! Não vai matar tantos sozinho!

Jon: - Venha. Ele puxou Diana e a botou amarrada em uma árvore e ela o olhava com ódio.

Diana: - Não seja idiota, vai nos matar! 

Jon: - Fique em silêncio!

Ele tirou a espada da bainha e montou o cavalo e subiu o monte e logo viu os doze homens mal vestidos e sujos em cavalos e arrastando duas mulheres amarradas. 

Antes que Jon pudesse dizer algo quatro dos homens atacou Jon com grandes machados e Jon caiu do cavalo com o primeiro ataque. Ele deslacerou a garganta de um dos homens e enfiou a espada pelo peitoral do outro mas quando se virou foi atacado na cabeça e caiu no chão desacordado.

- Amarrem ele! Disse um dos homens que possuía uma barba longa e um rosto redondo e inchado. Quando o homem se aproximou para amarrar Jon, Diana surgiu tão rapidamente como um fantasma e arrancou a cabeça do homem com apenas um golpe da sua espada dourada. Ela deu a volta com o cavalo e atacou os outros, um deles conseguiu jogar a espada no cavalo, fazendo o animal cair e Diana rolar no chão. 

- Peguem essa vadia! 

Ela logo levantou e voltou a atacar e sentiu quando a espada de um deles atravessou a armadura negra atingindo sua costa.  Ela deu um grito e enfiou a espada na barriga do homem que havia lhe atacado mas caiu de joelhos e ouviu os risos dos quatro homens que ainda estavam vivos.

- Quem vai ser o primeiro a fuder essa vadia? Perguntou um deles rindo.

Diana: - Sua mãe! Filho da puta.

Diana se levantou com dor e o sangue pingava no chão, ela atacou com fúria e após muita batalha ela conseguiu matar todos os ladrões. Quando matou o último ela caiu no chão quase se forças e as duas mulheres a olharam com alegria. 

Diana se levantou e foi até as duas mulheres e quando se aproximou viu que uma delas ainda era apenas uma menina, provavelmente filha da outra mulher.

Diana: - Estão bem?

- Sim!

 Responderam as duas e Diana sorriu para elas. Ela pegou a dessamarou as duas e a menina abraçou Diana com carinho e agradecimento.

- Meu nome e Karla! Obrigada. Eles nos pegaram quando estavamos viajando.

Diana: - Não se preocupem, não faremos mal a vocês! Conseguem fazer uma fogueira?

Karla: - Sim! Vou fazer! Está ferida, vou fazer um chá de Rosas! Venha minha filha! 

As duas saíram para procurar madeira seca e Diana foi até Jon e o tocou com carinho tentando acorda-lo. 



Notas Finais


Espero que gostem....
Para continuação é só comentar....


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...