1. Spirit Fanfics >
  2. Gaiola >
  3. Único.

História Gaiola - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


fui ler o capitulo [dE NOVO NÉ] que o hawks fica conversando com o twice (que eu carinhosamente apelidei de "é aqui que começa a merda") e me deparei com esta fala: "quero voar livremente por aí. não pertenço a uma gaiola"

eu brisei um pouco e saiu isso.

Capítulo 1 - Único.


Hawks pertencia a uma gaiola,

já que todas as vezes que teve que tomar uma decisão no seu posto de herói, sempre tinha alguém atrás de si, puxando suas penas para que não conseguisse voar longe como ele sempre quis. Aquilo era ser livre?

Sempre esperou chegar ao topo, estar onde sempre desejou ao lado de quem sempre desejou. E quando ele chegou não se sentiu nada heroíco, nem admirado como seus “fãs” diziam que eram. E seu parceiro de missões estava voltando a ser quem era antes de conhecê-lo, sem demonstrar um pingo sequer de admiração por ele, apenas se afastando mais e mais dele até murmurar um “bom dia” seco de vez em quando.

E com toda essa porra acontecendo, ele ainda teve que passar por uma guerra junto a outros heróis. Pessoas morreram, coisas foram perdidas, e para ele, algo dentro de si próprio morreu. Mas ele era um herói, não podia parar por um simples sentimento de plástico (conhecido como sentimento sufocante) que sumiria com o tempo, que ele esqueceria rápido, como Enji esqueceu do amor que sentia por Hawks; ou como os homens que machucava-o esqueceram que ele era apenas um humano, e que sentia dor também.

Agora, com uma cicatriz no rosto e sem uma das asas, a pressão parecia ser maior. Era como se forçassem um pássaro a entrar em uma gaiola de ferro para, assim, poderem apreciar com o som torturante que ele fazia.

No final, Hawks pertencia a uma gaiola, mesmo estando “aparentemente” livre, pois ele era apenas um pássaro sem sentimentos.


Notas Finais


uiuiuiuiuiuiui


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...