1. Spirit Fanfics >
  2. Galahad: The Shield Hero >
  3. Experimentos com o Escudo

História Galahad: The Shield Hero - Capítulo 8


Escrita por:


Capítulo 8 - Experimentos com o Escudo


(Galahad's POV)

(Erhard): E esses são os rumores espalhados pela capital durante a noite. Eles anunciaram publicamente seu desaparecimento e eu ouvi esses rumores estranhos esta manhã, antes de vocês dois voltarem do hotel do amor.

(Galahad): Parabéns Eclair, você se tornou a principal antagonista dessa historia.

Tenho certeza de que esse é o plano do bastardo do Bicas. Esse filho da puta. Ele matou o pai de Eclair e agora a está incriminando.

(Eclair): Que merda é essa?!

(Galahad): Então, se eu aparecer em público, os rumores serão falsos, mas minha posição será exposta. Se eu continuar me escondendo, os rumores serão verdadeiros e eles começarão a me procurar usando Eclair como um motivo. Boa jogada, pessoal.

(Eclair): O que você vai fazer agora, Galahad-dono?

(Galahad): Primeiro, tenho certeza de que eles não levaram alguns fatores em consideração. Primeiro, posso esconder meu escudo quando ele está como [Lord Camelot]. Em segundo lugar, a aparência de Eclair mudou. Terceiro, eles não podem ter certeza de que Eclair e eu estamos trabalhando juntos. Eclair, suponha que você tenha escapado sozinha, o que você faria primeiro?

(Eclair): Eu iria me encontrar com a Rainha.

(Galahad): Se o Herói do Escudo soubesse de sua situação, o que ele faria? Bem, não há nada que eu possa fazer, pois serei transportado para as Ondas.

(Erhard): Você pode fugir para outros países. Tenho certeza de que você só será transportado se estiver neste país.

Não, eu ainda não me registrei. Então, não serei transportado para lugar nenhum. Parece que Erhard não sabe que os Heróis precisam se registrar primeiro, ou talvez o publico em geral não sabe, eu terei que ter uma desculpa para poder ir até a Ampulheta dos Dragões sem correr o risco de ser chutado, talvez quando o Ren for lá também.

(Galahad): Tudo bem então, continuaremos ficando na capital. Eles não podem nos encontrar facilmente porque eu posso esconder meu escudo e a aparência de Eclair mudou, então se eles não nos encontraram na capital, tenho certeza de que começarão a procurar mais fora da capital. E podemos facilmente ficar aqui e fazer o que quisermos.

(Erhard): Hahaha! Não posso acreditar que você seja tão intrigante.

(Eclair): Galahad-dono, como você teve essa ideia?

(Galahad): Ah, é apenas um velho provérbio que conheço do meu mundo anterior, "O melhor lugar para uma pessoa se esconder de um inimigo é na sombra do inimigo". Afinal, você esperaria encontrar o seu pior inimigo se escondendo no seu quintal?

A nossa casa é o lugar que mais nos sentimos seguro, se nos colocarmos segurança, esperamos encontrar ladroes e outros marginais ao redor da propriedade e não dentro dela, isso meio que acabou sendo a ruina do Reino do Rei Arthur, por causa de Mordred, que estava bem embaixo do nariz do Rei.

Eclair e Enhard assentiram com a minha logica, mas mesmo assim, Eclair solta um suspiro.

(Eclair): Mas para ir até esse ponto. Só espero que a Rainha volte rapidamente. É uma coisa boa que o Herói do Escudo desta geração seja cauteloso. Ou então não sei o que teria acontecido.

Eu sei o que teria acontecido. A história apenas seguiria o original. E as pessoas vão morrer. Mesmo agora e no futuro, haverá muitos escravos neste mundo e outros morrendo. Infelizmente é isso o que acontece, estamos meio que em guerra, e pessoas morrem nas guerras, porém eu sou o Escudo daqui, posso não conseguir proteger todos, mas a maioria eu terei certeza de proteger.

Porém eu tenho que ser cauteloso, qualquer movimento em falso, e tudo vai ladeira abaixo.

(Galahad): Agora que o planejamento e tudo mais está feito, é hora de obter alguma experiência de luta e aprender a linguagem deste mundo. E também precisamos fazer alguns experimentos com o escudo, já que ainda quero esconder o [Lord Camelot].

(Eclair): Tio Erhard. Mostre-nos algumas armas para Galahad-dono e mantenha-o abaixo de 200 moedas de prata.

Ela fala isso e o Enhrad começa a rir.

(Enhard): Você não precisa pagar, Eclair.

(Eclair): Mas tio Erhard! Você está nos ajudando muito. Aceite pelo menos algum pagamento como gratidão.

(Enhard): Nah, eu me sentiria mal em aceitar dinheiro de você com a situação em que você está.

(Eclair): Isso não vai funcionar.

(Enhard): Tudo bem, se você realmente quer me pagar, pode me pagar depois que toda essa bagunça acabar. OK?

(Eclair): Tudo bem. Eu acho.

(Galahad): A propósito, tio Erhard, mostre as armas para iniciantes.

Erhard pegou algumas espadas e as colocou sobre a mesa.

(Enhard): Da esquerda para a direita, ferro, ferro mágico, aço mágico e ferro prateado. Bem, posso garantir sua qualidade. Afinal, fui eu quem os fez.

(Galahad): Uau, essas são boas espadas.

Tento pegar um deles e sinto a minha mão sendo empurrada.

(Galahad): Hã?

Tento segurar outra espada e ela sai voando de minhas mãos.

(Eclair): O que é isso?

(Enhard): Eu também não entendo.

(Eclair): Parecia que simplesmente voou da sua mão, Galahad-dono.

E eu vejo um sinal de alerta.

(Galahad): Parece que existe essa regra. "Um herói não pode segurar, com a intenção de lutar, qualquer arma que não seja sua arma lendária designada".

(Eclair): Como você deveria lutar apenas com um escudo?! Se você não tivesse aquele escudo gigante, você estaria em problemas.

(Enhard): Como isso funciona? Posso dar uma olhada no seu primeiro escudo?

Eu invoco o meu escudo e mudo ele para o [Escudo Pequeno]. Erhard usa sua lupa mágica para dar uma olhada no orbe do escudo.

(Enhard): Parece qualquer outro escudo pequeno à primeira vista. Essa coisa sai?

(Galahad): Tem que ficar ligado ao corpo. O [Lord Camelot] é exceção.

Peguei o escudo e coloquei sobre a mesa. Ele aparece de volta no meu braço após alguns segundos.

(Galahad): Esse é o resultado. Não vai ficar longe de mim por muito tempo.

(Enhard): Isso é tão estranho, mas sinto uma grande quantidade de poder dessa coisa.

Ele diz enquanto aponta a orbe.

(Enhard): Mas mesmo minha [Magia de Avaliação] não está me dizendo muito.

Eu pego uma espada na minha mão enquanto suspiro. Ele não voou.

(Eclair): Como você pode segurá-lo agora, Galahad-dono?

(Galahad): Não tenho nenhuma intenção de lutar com isso. Acho que vai saltar das minhas mãos no momento em que pensar em usá-lo como arma. Assim.

No final da minha frase, a espada voa da minha mão.

(Eclair): Isso vai ser um problema. Se não pode usar o [Lord Camelot], acho que tenho que ganhar toda a experiência como seu companheiro, Galahad-dono.

Eu sorrio para Eclair.

(Galahad): Droga, agora me sinto um parasita, merda por que tinha que ter essa maldita igreja?

(Eclair): Isso está errado, Galahad-dono. Se alguém é um parasita aqui, esse sou eu. Atualmente sou um criminosa procurada. Sou eu que confio mais em você. E me sinto mal por isso. Na verdade, eu ficaria feliz em ser útil para você. Isso me faz sentir um pouco melhor.

(Galahad): Obrigado, Eclair. Mas não se sinta mal. O que eu fiz foram minhas escolhas sozinhas. Eu estarei contando com você de agora em diante. Eclair.

(Eclair): Galahad-dono...

A gente ficou se encarando mas o tio nos trouxe de volta a realidade.

(Enhard): Tudo bem, pombinhos. Se seu flerte acabou, podemos pegar uma armadura para o garoto?

(Eclair): P... P... Pombinhos?! T... Tio Erhard, Você está... errado! N... Nós não somos nada assim!

(Enhard): Sim... Sim... O que quer que você diga. De qualquer forma, devemos olhar para alguma armadura em vez disso? Pois não acho que você vai ficar andando com aquela armadura de antes.

(Galahad): Eu estive pensando nisso... e acho que eu vou fazer exatamente isso, afinal, eles não me viram com ela. Mas com os escudos é outra coisa.

Eu falo enquanto invoco a armadura e vou e pego um escudo de ferro próximo enquanto sorrio naturalmente.

(Galahad): Cara, eu queria que o meu escudo fosse assim também, mas acho que só posso ter os daquela arvore que mostra na aba de escudos. Huh?

Imediatamente meu escudo mudou como o escudo de ferro que eu segurava e a única diferença é o orbe verde no meio do escudo duplicado.

(Enhard): O quê?!

Escudo de Ferro 0/30 C

Bônus de Equipamento: +1 defesa.

Afinidade: 0%

Este é o poder das armas lendárias. Eles podem duplicar uma arma se forem do mesmo tipo. Naofumi não sabia disso no início. E ele focou apenas nos escudos da arvore de escudos.

Eu sei que esse bônus de equipamento é permanente, ou seja, mesmo se eu mudar de escudo, eu ainda vou ficar com esse +1 na minha defesa, mas os bônus do [Lord Camelot] são semelhantes ao do [Escudo da Ira], só estão ativos com o escudo equipado, já que com o [Escudo Pequeno], meu ATK e DEF não são um só na tela de status. Me pergunto se o [Lord Camelot], tecnicamente, faz parte da [Serie Abençoada], já que ele é um Fantasma Nobre Anti-Maldade.

(Eclair): O escudo foi copiado?

(Galahad): Parece que posso copiar, desde que seja do mesmo tipo.

Enhard começa a rir com isso.

(Enhard): Acho que não é uma arma lendária à toa. O que você está esperando?! Vá em frente, garoto! Copie todos os escudos desta loja!

(Galahad): Mas tio Erhard. Isso é mais ou menos roubo, certo?

(Eclair): Eu estava pensando a mesma coisa.

Eu me sentiria mal se eu simplesmente roubasse do tio, até o Naofumi, que já estava pouco se fudendo pro mundo se sentiu mal, pelo menos o da WN estava pouco se fudendo, o do manga e da LN já eram mais compassivos mesmo tendo despertado a [Linha da Ira].

(Enhard): Vocês são bons demais para esse mundo. Eu já disse que não tem problema, mas se quiserem tanto assim pagar, façam o que eu disse antes, me paguem quando a situação de vocês melhorarem. E vai copiando, eu tenho um escudo especial lá nos fundos, eu já volto.

(Galahad): Tudo bem então.

Tio Erhard vai até os fundos enquanto eu copio os escudo da loja, e traz um escudo que eu estava esperando, o [Escudo Meteoro]. O [Escudo Meteoro] tem uma skill chamada [Escudo Meteoro] que cria uma barreira que permite apenas a minha Party passar.

No final eu copiei todos os escudos da loja.

Escudo Meteoro 0/20 C

Bônus de Equipamento: [Escudo Meteoro]

Afinidade: 0%

(Galahad): Tio, tenho um pedido para você. Eu quero que você faça os escudos que podem ser usados ​​como armas. 

(Enhard): Hahaha! Essa é uma ótima ideia. Escudos que podem ser usados ​​como arma.

(Galahad): Bom, o [Lord Camelot] pode ser usado como arma também, afinal, as bordas dele fazem tanto estrago quanto uma mistura de machado e martelo, mas de qualquer forma, eu quero que faça um assim.

Eu peguei um pedaço de papel e um lápis que tinha lá e desenhei do [God GekiRyuken] da serie Ryuukendo na forma de ataque final, já que assim ele é praticamente um escudo e uma espada junto, eu dei umas mudadas para ser mais considerado um escudo do que uma espada, mas ainda assim seria um ofensivo.

(Enhard): Interessante, vou ter prazer em criar esse.

(Galahad): E se puder.

Eu pego outro papel e desenho um circulo com vários círculos dentro de diferentes cores, vermelho, branco, vermelho, azul e uma estrela branca na região azul.

(Galahad): Esse escudo tem uma borda modeladora, eu quero assim. Deve ser um disco de metal côncavo-convexo com este design.

(Enhard): O que diabos é isso?

(Galahad): Apenas faça, pagarei a mais por isso e também farei com o metal mais forte que você tiver. Eu vou pagar por isso.

(Eclair): Por que você gosta desses design, Galahad-dono?

(Galahad): Eu estou me inspirando em escudos que eu vi no meu outro mundo, e se eles por acaso conseguirem a habilidades que eu espero quando eu copia-los, vai ser util.

(Enhard): Tudo bem, eu vou conseguir. Mas vai demorar cerca de uma semana.

(Galahad): Sem problemas desde que eu os receba, eles vão conseguir segurar as pontas enquanto eu ainda não posso usar o [Lord Camelot]. De qualquer forma, iremos treinar agora. Dê algumas armaduras que cubram nossas cabeças, tio.

Eu sabia que esses escudos serviriam até, no máximo, a terceira Onda, já que a segunda é a que eu vou participar, a menos que eu consiga fazer aquele trio de idiotas lutar juntos ou conseguir mais aliados, se não, terei que me revelar quando for enfrentar a Glass, mas eu gostaria de conseguir aguentar até enfrentar o maldito Papa.

(Enhard): Tudo bem.

Eclair e eu colocamos as armaduras, sendo que o meu acessório para tentar me esconder combina com a [Armadura de Galahad] e partimos para nosso primeiro treinamento.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...