1. Spirit Fanfics >
  2. Game Over >
  3. Capítulo Único

História Game Over - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Eu pensei em fazer esse hot pelos 50 fav. da fic do Jackson, e estou com alguns projetos novos para trazer pra cá. Ainda estou desenvolvendo algumas ao tempo, então eu não sei ao certo quando eu vou postar :)

Desculpa se tiver alguns erros ortográficos :)

Boa leituraa ^.~

Capítulo 1 - Capítulo Único


Fanfic / Fanfiction Game Over - Capítulo 1 - Capítulo Único


Chega! Para mim já deu o meu limite e paciência! Faz quatro semanas que Jungkook fez aniversário, e que ganhou um maldito vídeo game do Namjoon. Vive vidrado em frente a televisão jogando Overwatch no seu mais novo vídeo game, se desligando totalmente do mundo real já que está de férias do trabalho por um mês e meio. Não estou querendo fazer drama, mas todas as vezes que tento ter algum contato com ele, ele acaba nem escutando o que eu falo ou reclama que está em uma partida e que não pode me responder no momento, fazendo minha raiva crescer. Já tentei de tudo, mas tudo o que eu recebi com resposta era: "amor, eu vou acabar perdendo o jogo" ou "deixa eu só terminar essa partida que eu já vou falar com você".



Fazia semanas que a gente não tinha contato muito contato físico, me deixando descabelada com saudades dos seus toques. Estou decidida de tentar de novo (pela sexta vez da semana), mas se ele não contribuir no final vou ser obrigada a pular para o plano B.



Desço as escadas onde dava o acesso aos quartos, indo em direção a sala. Vejo Jeon sentado no sofá, como sempre vidrado no jogo. Vou em sua direção, e ainda em pé, espero o mesmo perceber minha presença - o que foi uma tentativa falha.



S/N: bom dia Jeon! - dou ênfase em seu sobrenome, fazendo o mesmo reparar em minha presença rapidamente.



JK: bom dia meu amor! - responde sem tirar os olhos da televisão, reviro os olhos.



Chego mais perto do mesmo, sentando de em seu colo, costas para a televisão e com minhas pernas em volta de sua cintura. Sinto ele deixar um breve selar em meu ombro.



Agora, vamos começar o plano.



S/N: amor...- digo manhosa perto de seu ouvido e vejo o mais velho se arrepiar, em seguida, respondendo com "hm" - 'to morrendo de saudades de você.



JK: mas você me vê todos os dias - diz rindo.



S/N: mas é diferente, você vive vidrado nesse vídeo game e nem fala comigo direito! - exclamo.



JK: é porque eu estou jogando, e se eu ficar falando muito, vou me desconcentrar - diz calmo.



Decido não dizer mais nada, e focar no plano, e tento me acalmar para não bater em meu namorado. Começo a deixar selares em seu pescoço e sorrio ao ver que o resultado estava dando certo.



Bom, quase certo.



JK: amor para com isso, eu 'to jogando - diz se inclinando para um pouco para trás se afastando do contato.



Quando eu escuto suas palavras, sinto minha raiva acumulada crescer mais ainda, me fazendo levantar do seu colo frustada. Já que não funcionou o primeiro plano, vou ter que pular para o plano B.



Vou em direção a escada, subindo rapidamente e indo em direção ao meu quarto procurando um vestido um pouco curto e provocante. Solto os meus cabelos e penteio ele, deixando o mesmos soltos e calço um salto não tão alto e em seguida, pego meu celular de cima da cama. Vou ao corredor e desço as escadas, pego meu celular fingindo estar em uma ligação.



S/N: oi Baek-ah - digo um pouco alto, e olho de canto do olho e vejo Jeon dar pauser no jogo prestando atenção em mim agora - ah não, não tem problema, Jungkook não vai ligar muito - percebo o mesmo ficando com ciúmes - eu já estou pronta...tem certeza? Não precisa vim me buscar...- me seguro pra não rir da cara de Jeon, que já estava morrendo de raiva - já está chegando?... então eu vou te esperar aqui perto... beijos, tchau - finjo desligar o celular e término de descer as escadas e vou em direção ao sofá.



JK: aonde vai? - pergunta me olhando, esperando uma resposta.



S/N: vou sair com o baek - digo dando de ombros.



JK: ah, mas você não vai mesmo! - diz se levantando e indo em direção a saindo, bloqueando para que eu não passe.



S/N: porque não? - me faço de sonsa.



JK: não se faz de sonsa s/n, você sabe que eu não gosto de ver você com ele sozinha.



S/N: amor, ele é o meu melhor amigo para de ciúmes - digo tentando passar, o que foi inútil.



JK: você não vai! Você até pode considerar ele como melhor amigo, mas ele não te ve do mesmo jeito - diz furioso.



S/N: olha, você não estava jogando video game? Então, eu só vou sair com o baekhyun - digo tentando "acalma-lo".



JK: você falou certo, eu ESTAVA jogando agora eu não estou mais - diz se aproximando de mim - e como eu disse, você não vai sair com ele.



Aproveito que ele estava afastado da porta e corro em direção da mesma, mas Jeon foi mais rápido e me prensou contra a porta em seguida, me virando para ele.



O mesmo se aproxima de meu rosto, fazendo com que nossas respirações se misturem.



JK: eu já falei que você não vai sair - diz pausadamente em tom baixo, olhando em meus olhos e em seguida pousando seu olhar em meus lábios. Não demora muito para que o mais alto ataque meus lábios ferozmente, me arrancando um suspiro pelo susto.



Bingo!



O mesmo me puxa pela cintura colando nossos corpos e puxando meus cabelos com sua mão destra. Puxo seus cabelos deixando o ósculo mais intenso. Sua mão que estava em minha cintura, lentamente foi subindo por debaixo do vestido, apertando minha bunda. Pulo em seu colo sem cortar o contato do beijo.



S/N Off



Jeon Jungkook On



Vou caminhando com a mesma até o sofá, deitando por cima dela. Começo a distribuir selares em seu pescoço escutando arfares saindo de sua boca, enquanto minhas mãos passavam em seu corpo. A mais nova troca de posição ficando por cima de mim.



S/N começa a trilhar selares em meu pescoço me tirando suspiros, e em seguida me dando um beijo de tirar o fôlego. Começamos a nos despir, apenas ficando de roupas íntimas. Derrepente a mesma para, me fazendo olhar a mesma em reprovação.



S/N: só vou pegar algumas coisas lá no quarto, não sai daí e não se toque - diz indo em direção as escadas, me fazendo ver aquele corpo escultural e aquela bunda empinada, me fazendo ficar mais louco ainda. A perco de vista, e decido me tocar já que ela não está ali para ver, não é?



Começo a apertar meu membro por cima da cueca box, e solto alguns suspiros com o contato fechando os olhos.



S/N: parece que terá que ser punido não é? - diz me fazendo abrir rapidamente meus olhos, por ter sido pego no flagra. - o que eu disse para você Jeon? - pergunta de forma sexy.



JK: q-que não era para mim se to-tocar...- diz com um pouco de receio dela.



A vejo caminhar lentamente ao meu encontro. Seu corpo sensual e cheio de curvas me deixava completamente louco e apaixonado. Sortudo. Sortudo eu era por ter aquela mulher maravilhosa e amorosa como namorada, e futuramente, minha mulher e mãe dos meus filhos. Não tem palavras para descrever o quanto eu a amo e o quanto eu me sinto sortudo em tela ao meu lado.



Volto a realidade quando ela segura em minhas duas mãos e amarra por trás com a minha gravata, me deixando confuso.



S/n: a partir de agora, você não poderá me tocar e nem ver nada, só sentir - diz terminando de amarrar minhas mãos, e vendo se não estava folgado para me soltar.



JK: amor, me solta vai...- choramingo.



S/N: agora não meu amor - diz segurando em meu maxilar, me fazendo olhar em seus olhos intensos. - eu vou estar no comando agora - diz sensualmente e deixa um selar molhado em meus lábios, sinto meu pau latejar ao ver ela tão dominadora.



Jungkook Off



S/N On



Vendo-lhe e verifico se o mesmo estava vendo alguma coisa. Deixo o mesmo na sala e vou ao meu quarto novamente, pegando um anel peniano rosa. Desço as escadas e vou em direção a cozinha pegando um copo e um cubo de gelo, saindo da cozinha vejo uma bala de hortelã ardida e a pego, e sigo para a sala.



Vejo o mesmo sentado no sofá inquieto, e vou em sua direção sem fazer barulho. Deixo as coisas em cima do sofá e coloco minha mão gelado em sua coxa, fazendo o mesmo se assustar e soltar um longo suspiro pelo contato.



JK: s/n, me solta logo - diz todo inquieto e ofegante.



S/N: agora não - digo e começo a tirar a sua cueca box, fazendo com que seu membro pule para fora.



JK: você vai ver quando eu me soltar daqui - diz mordendo seu lábio inferior ao sentir minha mão lhe masturbando lentamente.



Solto o seu pau, ouvindo o mesmo gemer em reprovação. Pego o anel e ligo o mesmo e vejo Jungkook começar a respirar ofegante.



JK: amor, por favor, não usa o anel - começa a choramingar, e eu não respondo. Sabia o quanto Jeon era sensível, e isso era o que eu mais adorava.



Vou em sua direção e me ajoelho em sua frente e coloco o anel, logo escutando Jeon gemer alto por estar na velocidade média.



JK: s-s/n...awnn - começa a gemer, me deixando ficar mais excitada. - t-tira



Dou um tapa estralado em sua coxa, o fazendo gemer rouco. Começo a beija-lo com desejo e luxúria, pego minha destra e levo até o seu pau sensível e passo meu indicador na cabecinha. Paro de beijar o mesmo e escuto seus gemidos roucos saírem, pego o gelo com a bala que estava dentro o copo e o coloco em minha boca os chupando. Volto a minha atenção em Jeon, pegando em seu pau cheio de pré gozo e coloco minha boca só na cabecinha e escuto os gemidos altos do meu namorado com o contato com a minha boca extremamente gelada o sugando. O olho com luxuria o vendo com a boca entre aberta, seu peixo subindo e descendo freneticamente com algumas gotículas de suor descendo de seu pescoço e indo ao seu peitoral. Fico mais louca vendo aquela visão, que, com certeza, eu não perderia por nada só para ver novamente.



Paro com o que estava fazendo e tiro a venda de seu rosto, vendo seu olhos de jabuticabas intensos e cheio de luxuria. Ainda segurando seu membro o aperto levemente, vendo o mais alto soltar um gemido mudo tombando sua cabeça para trás.



JK: eu v-vou te foder tanto - fala entre gemidos o que me faz contrair - que você vai se arrepender de me amarrado. - diz ofegante agora olhando em meus olhos.



Contorno minha língua ainda gelada em seu pau vendo todas as reações deliciosas que o mesmo fazia. Aumento mais a velocidade do anel vendo Jungkook não controlando os gemidos e começando a dar espasmos, avisando que estava prestes a gozar. Começo a chupar o começo do seu membro escutando estralos e Jeon aumentando cada vez mais a intensidade dos seus gemidos altos. Tiro o anel o desligado e em seguida, levando minha boca rápidamente para o seu pênis, subindo e descendo fazendo com que o gélido da minha boca fosse embora, começando a ficar quente. Sinto seu membro engrossar mais em minha boca, e em alguns segundos gozando em minha boca me fazendo engolir. 



Me levanto e coloco minhas pernas em cada lado, e o beijo em seguida e sinto seu pênis ainda duro. Sem cortar o do ósculo, me levanto um pouco e tiro minha calcinha e sutiã, e sem delongas, me encaixo entre suas pernas e em encaixo seu pau em minha entrada nos fazendo cortar o contato do beijo entre gemidos.



Começo a subir e descer lentamente e rebolando no final, apaio minhas duas mãos em seus ombros largos e olho em seus olhos intensamente. Começo a quicar em seu pau freneticamente, nos levando a loucura. Ainda sentando, começo a desamarrar as mãos de Jeon, que logo sente que estava livre e me segura pela cintura me deitando rapidamente no sofá.



JK: como castigo, eu não vou te chupar hoje - diz ofegante e logo começando a estocar lentamente me fazendo ficar estressada.



S/N: m-mais rápido - digo entre gemidos e arranhado suas costas.



O mesmo começa a estocar fundo e forte, me fazendo revirar o os olhos. Cruzo minhas pernas em volta de sua cintura. 



JK: fica de quatro, agora - ordena me fazendo contrair em excitação.



Faço o que ele manda, e em seguida sinto ele penetrar fundo me fazendo gritar em êxtase. Jungkook volta a me penetrar rápido e fundo me levando cada vez mais ao delírio, a cada estocada funda. O mesmo me puxa pela cintura para trás, grudando nossos corpos suados estocando agora mais fundo acertando meu ponto G, fazendo ele começar a estocar só ali me dando espasmos. Jeon leva sua mão até até o meu clitóris começando a estimular. Gemidos frenéticos, respirações descompensadas e logo chegamos ao nosso limites juntos, soltando gemidos arrastados e aproveitando o orgasmo.



Ele sai de dentro de mim e eu caio deitada no sofá ofegante. Olho para ele que está sorrindo e retribuo o mesmo.



S/N: eu te amo - diz ainda ofegante.



JK: eu também me amo - dou risada com ele e bato em sua perna - ai, 'to brincando - da risada enquanto passa a mão pelo local que foi batido - eu também te amo - sorri bobo. - agora eu vou pra outra partida.



Desfaço o meu sorriso na hora. Não acredito nisso!



S/N: sério isso Jeon Jungkook? - digo o olhando seria.



JK: ué, vai me dizer que não quer o segundo round? - pergunta com o sorriso safado no rosto.



S/n: acho bom que não seja o video game - digo o repreendo, em seguida dando um sorriso safado.



JK: depois que a gente acabar eu....- corto sua fala.



S/N: completa a frase pra você ver se eu não faço greve de sexo por um mês - o olho desafiadora.



JK: que isso meu amor, vem aqui vem - diz ficando por cima de mim e me beijando com ternura.







Notas Finais


Espero que vocês tenham gostado desse hot KKKKKKKKK ^.^ (tentei fazer)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...