História Gangster's - Capítulo 21


Escrita por:

Postado
Categorias EXO, Lee Hyori, Sistar
Personagens Baekhyun, Bora, Chanyeol, Chen, D.O, Dasom, Hyoryn, Kai, Kris Wu, Lay, Lee Hyori, Lu Han, Sehun, Soyou, Suho, Tao, Xiumin
Tags Assassinato, Bondage, Chanbaek, Daddy Kink, Gangues, Ho Hyun-ju (jessi Ho), Hunhan, Kaisoo, Morte, Mpreg, Outros Ships, Sangue
Visualizações 288
Palavras 1.164
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção, Fluffy, Lemon, Luta, Romance e Novela, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Hey amores!
olha quem voltou depois de quase uma década, simm eu mesma!!!<3 Podem me xingar eu deixo, podem me tacar pedras se quiserem, tudo bem não tem problema kkkk eu também to me odiando um pouco (muito) por ter demorado tanto kkk, más além de tudo isso eu peço a compreensão de vocês. Gente eu passei por uns probleminhas ano passado e ainda to passando, problemas psicológicos, como ansiedade, e ainda por cima tive um puta bloqueio de criatividade, por meses eu olhava para fic e pensava "Porra oq eu to fazendo? Isso ta horrivel..." entre outras coisas, eu pensei muito sobre em exclui-la e desistir, pq eu não conseguia mais escrever os rascunhos, eu não tinha uma ideia exata para o meio e o final da história, (continuo não tendo ao certo) más eu já tenho um esqueleto do que teoricamente é para acontecer no meio e fim.
Então não, eu não vou desistir da fic, agora que eu tirei um tempinho para rever os capítulos que havia escrito no PC eu me sinto mais criativa para continuar, tipo ao reler tudo que eu já tinha revisado a um tempo, me animou para voltar a escrever e postar essa fic. Bem, eu espero que possam entender o meu lado, e que não desistam de mim, só peço paciência e muita hora nessa calma kkkkk
Bem é isso, me desculpem mais uma vez por fazer uma burrada dessas, de verdade, ah e mais uma coisinha, eu amo vocês <333333333333333
Agora, boa leitura meu amores!
xXx

Capítulo 21 - Capitulo 20 - Sequestro


Fanfic / Fanfiction Gangster's - Capítulo 21 - Capitulo 20 - Sequestro

 

Baekhyun Pov*

 

_Pare, por favor! –Exclamei com lágrimas mornas escorrendo pelas minhas bochechas, eu juro estou tentando ser forte diante dessa tortura infernal, mas a cada corte que o garoto faz contra a minha pele, é uma dor tão agoniante que eu realmente queria poder desmaiar apenas para não a sentir, entretanto, o sorriso doentio de Soo me preocupa e, vendo a loucura estampada em seu rosto não consigo evitar ficar em constante alerta para as suas intenções, como por exemplo, me matar, o que já não será uma surpresa para mim se ele o fizer, já que todos até agora tentaram isso. Não duvido de que ele esteja cogitando essa ideia.

 

_Você deveria ter ficado com ele, não deveria ter dado um de fresco com Chanyeol, ainda mais ele, que só estava tentando te proteger do que te aguardava fora dos muros da mansão... –Soo resmungou com uma voz mansa, fazendo os cortes um por cima do outro, como se estivesse desenhando em cima de uma folha de papel. Mordi meu lábio inferior, impedindo que mais gritos de dor escapassem da minha garganta, o gosto metálico de sangue logo se fez presente em meu paladar devido a força em minha mordida.

 

_Pare por favor. –Sussurrei fechando meus olhos com força, a ardência insuportável ronda por todo os meus ferimentos. Mas quando ouvi o riso divertido de Kyung, foquei em seus movimentos de se distanciar até uma mesa em um canto do quarto, colocou a faca na mesa, pegando um frasco de álcool que estava sobre a madeira, chiei baixinho imaginando que agora a sensação será pior ainda.

 

_Eu vou te torturar por quanto tempo eu quiser, e ninguém está aqui para me impedir; más cá entre nós, admita, é mais divertido ser torturado por mim, do que por Chanyeol... Dizem por ai que ele é um monstro, e eu não tenho duvidas disso. –Comentou zombeteiro com um sorriso ladino, abriu o pequeno frasco, enquanto vem em minha direção novamente. Tendo noção das suas intenções eu me debati sobre a maca, ouvido a mesma ranger, mas nada acontecer.

 

_Você não sabe de nada ahhs...!  –Defendi Chanyeol. Kyung despejou o líquido sob os cortes em minha pele, gritei em desespero, sentindo todo o meu corpo sofrer uma combustão devido a ardência excessiva que se instalou pelos ferimentos abertos, o sangue se misturou ao liquido incolor. 

 

_Ow que adorável, defendendo o protetor, acho que os papéis foram invertidos. –Ele continuou despejando o líquido inflamável contra a minha pele, não se importando com os meus urros estridentes de dor. Maldito seja...

 

_V-voce é um psicopata, eu te odeio seu desgraçado! –Falei ofegante pela dor, meu coração está disparado e todos meus músculos estão contraídos. 

 

_Se ódio matasse logo de espontâneo, acho que você ganharia um ponto, mas por enquanto que isso não é possível, muito obrigado pelo apelido. –Ele respondeu risonho, segurou meu queixo para que eu o olhasse diretamente nos olhos.

 

_Por que você está fazendo tudo isso? –Perguntei meio desnorteado com a minha voz um pouco falha, más relaxando quando a sensação ruim em meus ferimentos passou a diminuir um pouco.

 

_Isso é apenas um troco pelo o que Chanyeol fez. –O garoto respondeu simplista.

 

_Sandara não era uma garota que saia a noite, ela gostava de estudar, fazia faculdade, tinha sonhos, e Chanyeol arrancou tudo isso dela quando ambos se envolveram, tudo que aconteceu é culpa dele... –Mordeu seu lábio inferior em uma expressão de pura fúria, travando seu maxilar.

 

_N-nao, não é culpa de ninguém, ela se apaixonou e ele também, Dara sabia na onde estava se metendo, sabia os riscos que existem de você namorar e se envolver com um mafioso feito Chanyeol, tudo que aconteceu foi um acidente. –Lhe cortei sendo firme em meu argumento. Kyung não pode dizer nada em relação ao que Chanyeol tinha com Sandara, pois o Park sofre com o desastre que aconteceu até hoje.

 

_Bobinho, você não sabe de nada, não foi você que teve que lidar com a morte dela, então não aja como se soubesse como me sinto, porque é exatamente esse o ponto, você não sabe como eu me sinto. –Kyung indagou firme, virou de costas para mim caminhando até a porta, por fim saiu do cômodo me deixando sozinho, e pelo som que a porta emitiu em seguida, deduzi que estou trancado aqui dentro. Suspirei fundo voltando a me encostar contra a maca.

 

Chanyeol Pov*

 

_Como assim Baekhyun sumiu? –Perguntei para a omma do Byun que apenas juntou as mãos em frente ao peito, sua expressão é de pura aflição.

 

_Ontem ele não voltou do colégio, Chanyeol por favor eu te imploro, ache meu filho. –A mulher implorou quase aos prantos, seu desespero é claramente visível em seu olhar.

 

_Não precisa pedir. –Falei abaixando meu olhar até minhas mãos sobre a mesa, a mulher se retirou da minha sala e eu mandei que Sehun e Luhan entrassem pela porta.

 

_Quero que procurem informações pela cidade, pessoas que tenham alguma informação de onde Baekhyun está, agora! –Mandei sendo firme em meu tom de voz e os dois apenas assentiram ao meu comando, em seguida saindo do cômodo.

 

_Chanyeol! –Jessi entrou um tanto exaltada, e eu me virei calmamente em sua direção, já preparado para o que vem a seguir.

 

_O que aconteceu com Baekhyun? –Ela apoiou as mãos sobre a minha mesa, me encarando um tanto furiosa.

 

_Ele sumiu. –Admiti derrotado, mas mantendo minha postura séria para a mais velha.

 

_Como assim ele sumiu? –Ela perguntou claramente espantada. Tenho que ressaltar que ela não estava aqui quando tudo aconteceu, portanto ela não sabe de nada. 

 

_Ele sumiu okay? Há uma semana atrás nós brigamos, e eu deixei a raiva subir a minha cabeça, o levei de volta para casa e praticamente desfiz o acordo. –Respondi de uma vez, começando a ficar nervoso e impaciente. 

 

_Você fez o que!? –Ela perguntou elevando sua voz, seu olhar se tornou afiado, me deixando com uma certa culpa.

 

_É eu o deixei. –Repeti meio entediado.

 

_Não, você não sabe o que fez... –Resmungou abaixando sua cabeça enquanto morde o lábio inferior.

 

_Chanyeol, você tem noção do quão isso foi uma atitude idiota? Tudo por que você deixou a droga da raiva subir à cabeça!? –Ela se exaltou ainda mais, respirei fundo, abaixando minha cabeça em resposta, eu sei que estou errado, e, por isso vou deixar que ela jogue isso na minha cara.

 

_Chanyeol, você sabe que se eles quiserem podem matar Baekhyun, não vão nem hesitar em fazer isso, podem sumir com ele a ponto da gente nunca mais conseguir encontrá-lo. –Ela falou agora mais calma, respirou fundo se mantendo calada por um breve momento.

 

_ E agora, o que vamos fazer? –Jessi perguntou massageando suas têmporas.

 

_Vamos procurar, Sehun e Luhan estão buscando por pistas, e eu vou procurar por informações junto à Lay, você pode checar câmeras de segurança do colégio dele ou algo assim. –Indiquei.

 

_Esta bem. –Concordou e saiu da sala.

 

Xx


Notas Finais


<3 Me perdoem se tiver algum erro, e não eu não esqueci dos coments, eu vou responder todos amanhã<3
Bjos


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...