1. Spirit Fanfics >
  2. Garoto de boina - yeonbin >
  3. Me deixe te ter

História Garoto de boina - yeonbin - Capítulo 5


Escrita por:


Notas do Autor


Espero que gostem

Capítulo 5 - Me deixe te ter


Fanfic / Fanfiction Garoto de boina - yeonbin - Capítulo 5 - Me deixe te ter

Soobin on

Finalmente é sábado, mas infelizmente estou eu na frente da casa de Yeonjun pra irmos atrás de tecidos e ideias pra nova coleção

-Bom dia – ele diz adentrando o carro

-Bom dia – digo logo saindo em direção ao centro comercial, onde se localizava algumas lojas de tecidos já parceira de nossa empresa

-Vem – diz Yeon me puxando em direção a TYpe uma loja bem conhecida pelos seus lindos tecidos

-Olá, no que posso ajudar? – diz uma moça com um lindo sorriso

-Oi gostaríamos de dar em seus tecidos mais coloridos, estamos focados em fazer uma nova coleção e estamos querendo ver nossas opções

-Claro, aguardem um momento que eu já venho com alguns tecidos – assentimos vendo a mesma sumir de nossa vista

-Podemos colocar uns tons de roxo né? – diz Yeonjun com um tecido roxo em mãos – acho que ficaria bom

-Concordo – disse me aproximando vendo a qualidade do tecido, realmente essa é uma das melhores lojas que você pode encontrar tecidos de alta qualidade

-Voltei – diz a atendente colocando alguns tecidos em cima da mesa – venham ver, tem coisas únicas aqui – eu e Yeon nos aproximamos vendo os tecidos e realmente eram lindos

Depois de ir em várias lojas, resolvemos tomar um sorvete

-Ok, você não pode dizer que nanatsu no taizai é bom sem ter visto a segunda temporada

-Claro que posso

-Não você não pode –com a fala Yeonjun eu simplesmente como o homem maduro que eu sou, sujei ele de sorvete –SOOBIN 

-Obra de arte eu diria –ri, logo me sujando sem querer e foi ali sua vez de rir – do que você está rindo?

-Disso – diz logo lambendo o sorvete do canto da minha boca

-Virou cachorro agora é?

-Eu devia latir? – ele diz rindo, e colocando suas mãos na cabeça em uma tentativa de fazer orelhas de cachorro

-Eu devo te deixar no canil  

-Devia me beijar – ele murmurou mais acabei por escutar

-Se eu fizer isso, você vai deixar de ser meu amigo? – ele me olha confuso – você é o mais próximo de um amigo que eu tenho

-Não – eu o olho – Você não é apenas meu amigo, você é meu chefe e meu namorado falso, e nem por isso eu deixei de ser um ou outro

-Você tem razão

-Me deixa sentir sua boca na minha novamente – ele se aproxima – por favor – não perco tempo e junto nossos lábios, ter aquele contato novamente foi como ir para o céu, no beijo mostramos o tanto que estávamos necessitados, a onde ele me tocava sentia como se queimasse, ter ele em minhas mãos novamente era exatamente o que eu precisava, enquanto nossas línguas se enrolavam em um osculo de prazer, meu coração acelerava, eu não sabia se devia mesmo me deixar me levar pelo mesmo sentimento de anos atrás, mais ali estava eu, quando a falta de ar se fez presente nós nos afastamos, colando nossas testas 

-Bem que você disse que seu beijo era quase magico – ele ri com a minha fala

-Eu te disse – ele diz me fazendo um carinho em minhas bochechas

Yeonjun on

De onde eu tirei essa coragem eu não faço a mínima ideia, mais vergonha na cara nunca foi meu estilo mesmo, depois do beijo conversamos um pouco mais e ele me deixou em casa:

-Como assim vocês se beijaram?!! – ele está simplesmente surtando – Sua pistoleira, aprendeu certinho em

-Ridículo – ele ri – mais Tae você acha que ele vai começar a me evitar

-Soobin não é disso, no máximo ele vai fingir que não aconteceu, mais ele também não faria isso, você não precisa se preocupar

-Nós agimos no impulso, mesmo que eu já goste dele a um tempo, eu tenho certeza que pra ele não é o mesmo sentimento

-Você está certo, mais não significa que o sentimento dele não existe, Soobin sofreu muito, e por isso ele tem um pé atrás com tudo, mas por incrível que pareça ele se abre muito facilmente com você

-Não é o que eu vejo – faço um bico involuntariamente

-Mais eu vejo, ele disse que queria ser seu amigo e que também queria te beijar, tanto que o fez, ele não é de falar e muito menos agir por impulso, ele se sente confortável com você e isso é bem mais do que qualquer coisa

-Você acha que ele pode pelo menos criar um sentimento por mim algum dia

-Ele já sente, ele só não sabe ainda

-Eu espero

-Tenha paciência

-Quando que você começou a dar conselhos tão bons?

-Jimin passou pela mesma coisa com o Kook, ele sofreu bastante depois da morte dos pais,e acabou se fechando para todos até pra nós, mais o Jimin não aceitou isso então lutou por Jungkook e acabou se apaixonando

-Isso é lindo

-Sim – ele me faz um carinho em meus cabelos – além de que eu lembro do dia que conheceu o Soobin, você veio gritando pela casa que tinha conhecido um príncipe e se apaixonado a primeira vista – ri da lembrança

- Depois eu nunca mais o vi, até o dia da minha entrevista

-Eu lembro de como você ficou obcecado, todos seus outros namorados foram altos com covinhas

-Isso era involuntário – rimos juntos

-Ele ter dito que te quer por perto, mesmo que como um amigo já é um grande passo, Soobin mudou muito desde que eu o conheci, ele era um menino sorridente e tímido e o mais importante, ele confiava nas pessoas, mais tudo mudou, ele se afastou de todos, só o Jungkook que conseguia algo dele, já que são irmãos, atualmente ele é mais aberto

-Você tem razão eu tenho que ter paciência, ser um amigo que pode beijar ele já é suficiente por enquanto

-Meu deus você é um safado

-Aprendi com você

-Por isso estou orgulhoso – ri do mesmo

Mesmo que eu goste do Soobin, não posso apressar as coisas, mais não significa que irei desistir, eu cercarei ele do meu amor, até o dia em que ele mesmo fale que gosta de mim.


Notas Finais


o que acharam do capitulo?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...