História Garoto difícil de esquecer (yoongi) - Capítulo 28


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Visualizações 39
Palavras 968
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Hentai, Magia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Espero que gostem ❤

💚💛💜💙💚💛💜💙💛💜💙💚

B
O
A

L
E
I
T
U
R
A

💚💛💜💙💚💛💜💙💚💛💜💙

Capítulo 28 - Será que Cristina sabia disso?


Fanfic / Fanfiction Garoto difícil de esquecer (yoongi) - Capítulo 28 - Será que Cristina sabia disso?

Jennie: Por que tão idiota...?

Eu: Por que tão chata...?

Jennie: Aish...Vamos logo para casa, você vai me levar para minha ainda. - fazer o que, né?!

Yoongi OFF
Min-Jee ON


O show estava lá, animado. Até que eu sinto um cheiro metálico muito bom, estou faminta por esse negócio, pera... é sangue! minhas presas começam a crescer pela primeira vez, sinto uma força gigante em meu corpo, olho meu cabelo e ele está em um tom cinza, com a câmera do meu celular, vejo meus olhos com as pupilas cinza pérola.

Eu preciso sair daqui, acho que ninguém percebeu, todos estão entretidos com o show, eu preciso do Jin.

Corro o mais rápido possível daquele local, sinto o vento forte em meu rosto, eu cheguei na rua em 3 segundos, porra...que rapidez.

É melhor eu ligar para o Jinnie, ele vai saber me ajudar.

Ligação ON

Eu: Jin?

Jin: Que foi, anjo?

Eu: Minhas presas cresceram pela primeira vez, você está ocupado?

Jin: Não, pode falar.

Eu: Me encontre na frente da casa de show, no centro de Seul.

Jin: Chego em 5 segundos.

Ligação OFF

Ele não estava brincando mesmo chegou em 5 segundos.

Jin: cheguei.

Eu: Porra, que rapidez foi essa?

Jin: Esqueceu da rapidez dos vampiros?

Eu: Não.

Jin: Caralho, você está muito linda, Maravilhosa. - Diz me admirando.

Eu: Mas... como vou chegar em casa assim?

Jin: Você faz tempestade em um copo d'água, é só você falar que pintou o cabelo e agora usa lentes.

Eu: Pera! Vou ficar assim para sempre?!

Jin: Claro que não, Você pode pintar o cabelo e colocar lentes mel, mas sugiro que não faça isso, por que você está muito linda assim.

Eu: Tá bom, fico com a primeira opção, gostei do meu visual novo, mas e as minhas presas? E os meus poderes?

Jin: Já disse que você é dramática? As suas presas não vão ficar assim para sempre, elas vão voltar ao normal quando você saciar a sua fome, e seus poderes eu ainda preciso descobrir quais são.

Eu: Fome você quer dizer de sangue né? - Ele assente - e como você vai descobrir meus poderes?

Jin: Com uma amostra do seu DNA (A: DNAAAA rsrs) Eu vou pegar uma amostra do seu sangue, e vou fazer umas experiências, vamos para o meu apartamento.

Eu: Vamos virar morcegos?

Jin: Querida, você está vendo muito filme, aqui não tem essa de virar morcego não amiga, é na canela mesmo, com outras palavras andando.

Eu: Vamos ir correndo, chegaremos em 1 minuto.

Jin: 40 segundos. - me corrige.

Eu: Porra..Nós somos tão rápidos assim?

Jin: Não é porra é esperma, e respondendo sua pergunta, sim somos muito rápidos, fortes, temos um ótimo reflexo e uma super visão, esses são os poderes que qualquer vampiro tem, mas os poderes especiais depende do vampiro. - disse quando começamos a correr.

Ele estava certo chegamos em 40 segundos, entramos no apartamento dele, eu estava super faminta, sento no sofá, admirando o pescoço dele que estava me chamando para mordê-lo.

Jin: Você está muito faminta.

Eu: Como sabe?

Jin: Pelo seus olhos brilhando olhando o meu pescoço, vem tenho um mini estoque de sangue.

Eu: Jinnie, sangue não...credo.

Jin: Ou bebe ou morre.

Eu: Tá bom, mas deve ter um gosto horrível.

Jin: Que nada, é uma das sete maravilhas do mundo, quando você experimenta pela primeira vez, não para mas de beber, mas não vai ficar mordendo as pessoas por aí. - Diz rindo com suas risadas loucas, mostrando dois saquinhos de sangue.

Jin: Escolhe, O sangue de uma idosa de 72 anos ou o de uma criança de 7 anos?

Eu: Como você consegue esses sangues?

Jin: No hospital, esse é o bom de ser médico. - disse simplista.

Eu: Quero o de criança.

O mesmo coloca em um copo e me entrega, bebo o líquido de gosto metálico, e Caralho que gosto bom, é mesmo uma das 7 maravilhas do mundo, eu não estou mas com fome, Jinnie colocou o copo cheio.

Jin: pronto agora vamos ao laboratório.

Eu: Você tem um laboratório aqui dentro? - perguntei incrédula.

Jin: Claro, esse apartamento é grande, não tão grande quanto a casa do namjoon, mas é grande.

Eu: Ah, então vamos.

Sigo o maior até o laboratório, e porra que laboratório..., parece o daqueles cientistas malucos, Jinnie pede para mim deitar na maca e assim faço.

Ele coloca um elástico em meu braço para facilitar na coleta do sangue.

Sinto a agulha perdurar minha pele, e retirar uma grande quantia de sangue.

Jin tira o objeto perfurante de minha pele e vai para uma mesa que tinha uns objetos indecifráveis e um computador.

Jin: Pronto agora com seu sangue vou descobrir seus poderes e saber sobre sua origem.

Eu: Para que você quer saber sobre minha origem?

Jin: Sei lá, só para saber mais.

Eu: Tá bom.

Depois de algumas horas, Jin acaba e está com uma expressão desconfiada.

Eu: Que foi?

Jin: aqui está dizendo que você era uma vampira desde pequena.

Eu: Deve haver um erro. - digo, isso que Jin está falando é impossível.

Jin: O jeito vai ser usando minha magia.

Ele se aproxima de mim e seus olhos ficam escuros, tá repreendido rs.

Passam alguns minutos e ele quebra o silêncio.

Jin: Você já conheceu seu pai? - pergunta com seus olhos voltando ao normal.

Eu: Não, nenhum dos meus pais. - Digo de cabeça baixa.

Jin: Pelo que eu descobri seu pai é um vampiro e passou isso para você, você é metade humana e metade vampira.

Eu: Pera, mas foi você que me transformou, eu estou confusa.

Jin: Você sempre foi uma vampira, mas seu lado vampira estava desacordado e eu só o acordei. - disse sorrindo.

Será que Cristina sabia disso?


Notas Finais


Espero que tenham gostado.

Não sejam leitores fantasmas, comentem, gosto de saber da opinião de vocês ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...