1. Spirit Fanfics >
  2. Garoto estranho >
  3. Desconhecido

História Garoto estranho - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Espero que gostem e boa leitura!

Capítulo 1 - Desconhecido


Fanfic / Fanfiction Garoto estranho - Capítulo 1 - Desconhecido

O loiro esbarrou em alguém, olhou para o lado e viu um garoto baixo e com olhos que julgara ser anormalmente grande, porém lindos.


O garoto fazia movimentos com as mãos freneticamente, não falava nada, apanas os movimentos que Kastuki deduziu ser língua de sinais. O garoto estava corado e parecia ser muito tímido, uma garota se aproximou com cuidado e tocou os ombros do menino. 


– Ele pediu perdão. Estava muito destraido e não o viu… – O garoto afirma com a cabeça e faz uma reverência ainda com a face um pouco vermelha. 


– Não se preocupe – O loiro disse seco e foi embora, precisava encontrar com seus amigos em uma lanchonete. 


Durante o trajeto, Katsuki não conseguia tirar o garoto de sua cabeça. Os olhos verdes "anormalmente" grandes, cabelos com mechas verdes, bochechas coradas e corpo aparentemente frágil. Ah, Kastuki estava curioso para saber sobre o garoto, mas provavelmente não o verá novamente. "Então, foda-se" o loiro pensa e entra na lanchonete. 


– Bakugou!! – A garota de cabelos rosas, amiga do jovem Kastuki, o chama. 


Ele revira os olhos e balança a cabeça negativamente. Senta-se juntos dos amigos e faz seu pedido. 


– Vocês já estão sabendo? Vai rolar uma festa amanhã na casa da Yaoyorozu.. A gente bem que podia ir, né? – Denki pergunta para todos da mesa. 


– Eu topo! – Sero e Ejiro responderam no mesmo instante. 


– Yaoyorozu Momo? A aluna número 1 daquele colégio de rico? Nossa… eu topo. E você Baku-chan? Baku-chan? – Mina estala os dedos na frente de seus olhos e o faz "acordar de um transe". 


– Ah, sim. Eu vou. – Fala ainda piscando repetitivamente os olhos, tentando se desprender os pensamentos que teve. 


– Ih, qual é, Bakubro… O que aconteceu? Tá deligadão hoje. 


– Não é nada… – A garçonete traz seu sanduíche com uma lata de refrigerante – Ah, não adianta esconder porra nenhuma de você… Eu acabei esbarrando em um garoto no caminho e não consigo tirar ele da minha cabeça. Inferno!!


– Amor a primeira vista, Baku-chan? Sabe pelo menos o nome dele? Algo dele? – Mina pergunta super curiosa. 


– Aquieta a fanfiqueira dentro de ti, vai. Não, eu não sei NADA dele… Eu acho que ele é mudo ou surdo, não sei. – Katsuki abre a lata de refrigerante e toma um pouco. Após dar uma mordida em seu sanduíche, vê o alfase e lembra do cabelo do estranho garoto – Ele tem um cabelo preto com mechas verdes… Olhos enormes e verdes, olhos tão expressivos que parecia que estava olhando diretamente para sua alma. Merda, o que caralhos eu estou faltando? Pareço um idiota. 


– Você é um idiota e está apaixonadinho! – Sero ri enquanto fala, mas ele logo faz uma cara de confuso e volta a falar – Parece que você estava falando do Midoriya. 


– Quem é Midoriya? – Denki se perdeu no meio da conversa pois estava completamente ocupado comendo o seu x-bacon. 


– Midoriya não é aquele "primo" dá Tsuyu-chan? Eu lembro que ela disse que ele era de outra cidade e estava aqui a menos de 2 meses. – Mina toma um pouco do seu suco e olha para Sero. 


– Sim, sim. Ela chama de primo, mas eles só foram criados juntos. Só sei que o nome dele é Midoriya Izuku e ele tem a mesma idade que a gente. – Sero volta a comer meu sanduíche. 


"Midoriya Izuku… Será que ele vai estar na festa da Yaoyorozu?" Katsuki pensa, mas logo se repreende mentalmente. Que tipo de pensamentos são esses? Ele nunca ficou assim por ninguém, nem por qualquer namorado ou ficante que ele já teve. 



Notas Finais


Perdão por qualquer erro.

❤️


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...