1. Spirit Fanfics >
  2. Gêmeos Potter's >
  3. Beco Diagonal

História Gêmeos Potter's - Capítulo 4


Escrita por:


Capítulo 4 - Beco Diagonal


A sol estava tão cansada de pensar como seria estudar em Hogwarts, que nem teve o mesmo sonho estranho, a Sol acordou cedo e foi direto tomar banho, ela resolveu deixar o cabelo solto mesmo.

- será que você não consegue dar um jeito nesse cabelo?- perguntou Severo com repugnação quando a Sol sentou na mesa

- não - respondeu Sol feliz demais para ligar pra a opinião do Severo

- toma- disse o Severo entregando um saco com galeões e um envelope- vou levar você até o beco diagonal, enquanto você vai comprando suas coisas e eu resolver uns assuntos e depois eu te encontro

- ok- disse Sol se servindo de suco de abóbora- vamos após o café da manhã?

- sim, vamos chegar a tempo para o almoço- afirmou o Severo- você não vai demorar muito, você já tem algumas dessas coisas que estão na lista

A Sol pegou os outros pergaminhos e leu, um dos pergaminhos era sua carta de aceitação em Hogwarts e a outra era suas  matérias e livros: Os alunos do quarto ano devem fazer Transfiguração, Feitiços, Poções, História da Magia , Defesa Contra as Artes das Trevas, Astronomia e Herbologia e suas adicionais matérias Adivinhação, Trato das Criaturas Mágicas e Estudos Trouxas.

Sol passou os olhos na outra lista que concluía: três conjuntos de roupas pretas de trabalho, vestes a rigor, chapéu pontudo simples para uso diário,capa de inverno com fechos prateados, varinha mágica, telescópio, balança de latão, luvas de protetoras ( embora a Sol já tenha às últimas três coisas mesmo assim era muita coisa pra comprar). Querendo podem levar: uma coruja, sapo ou gato.

- porque eu vou ter que comprar veste a rigor? e você disse que a gente chegaria antes do almoço...- disse Sol correndo os olhos nas listas- tem muita coisa pra comprar

- não posso lhe falar o porque das vestes a rigor, e maioria das coisas você vai encontrar nas mesmas lojas e vai ser rápido, as pessoas estão no jogo de quadribol- disse Severo- e você não tem quase todos os livros que pedem?

- tenho, mas mesmo assim é muita coisa- disse Sol passando de novo os olhos nas listas- eu vou poder levar a Magia?

- já falei com o diretor, e ele autorizou, mas vais poder comprar uma coruja se quiser- disse Severo- mas ninguém deve saber que você fala com elas, tudo bem?

- tudo bem- respondeu Sol

Sol sempre ficava curiosa em saber porque ela falava com as cobras.

- como você viu na lista, eu tomei a liberdade de escolher suas matérias á mais - informou Severo

Sol confirmou com a cabeça, e conversa acabou ali, após o café da manhã, a Sol, Severo e o Musi o elfo doméstico foram para o beco diagonal.

- é só você ir com o Musi- disse Severo para a Sol- ele conhece as lojas

- Musi conhecê senhor- respondeu o elfo mesmo não sendo uma pergunta do seu senhor

A Sol já tinha entrado nas lojas para comprar os materiais, só lhe restou comprar os uniformes, vestes a rigor e sua varinha, a Sol foi sozinha na Madame Malkin - Roupas para Todas as Ocasiões, enquanto o Musi foi comprar sua coruja, ao entrar na loja ela viu uma mulher baixa, gorducha e ruiva.

- olá, com licença- disse Sol, as duas mulheres olharam, uma delas a ruiva baixinha e a outra ela presumiu que fosse a dona da loja pois estava com a fita métrica pendurada no pescoço

- olá querida, eu sou a Madame Malkin - disse a mulher de cabelos negros se aproximando- como posso te ajudar??

- certo... Preciso três conjuntos de roupas pretas de trabalho e veste a rigor- disse a Sol consultando a sua lista

- certo querida, por favor suba no palco para tirar suas medidas- informou a mulher apontando para um palco redondo pequeno

A Sol caminhou para o palco, estava se sentindo meio desconfortável com a mulher ruiva a olhando com o olhar vidrado.

- com é o seu nome querida?- perguntou Madame Malkin

- Sol, senhora- disse a Sol enquanto a fita tirava suas medidas sozinhas

- nome bonito- murmurou para si Madame Malkin- Sra. Weasley gostaria de mais alguma coisa?

- oi... Não, obrigada- disse a mulher de cabelos ruivos voltando sua atenção para a dona da loja

- então vou pegar sua encomenda- informou a Madame ao sair, a fita tinha parado de medir e a Sol saiu do palco, a mulher ruiva continuo a olhar para ela

- algum problema senhora?- perguntou a Sol não aguentando mais a mulher olhar para ela

- desculpa, é que você me lembra uma pessoa...- disse a mulher ruiva

- aqui senhora Weasley- disse a mulher de cabelos negros entregando a encomenda da mulher ruiva

-obrigada- agradeceu a mulher ruiva saindo da loja

- venha comigo para escolher seu vestido- disse a moça virando-se para a Sol mostrando a direção para uma peça ao lado delas

Continua...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...