1. Spirit Fanfics >
  2. Gerlili: Nossas cartas >
  3. Capítulo 26

História Gerlili: Nossas cartas - Capítulo 26


Escrita por: e thxrglobo


Capítulo 26 - Capítulo 26


 -Mandou me chamar, Germano?_ Leandro fala entrando na sala.

 -Sim, precisamos conversar e vc já deve saber do assunto_ Germano fala sério.

 -Eu não vou enrolar, Germano. Vou falar o que estou achando.

 -Claro, quero a verdade!

 -Tenho quase certeza que foi a Sara. Ela pegou meu contato, acho que com sua secretaria. Me pediu para ver as gravações do dia que a Lili veio aqui, disse que estava suspeitando de uma traição. Eu falei que o senhor e a Liliane eram meus patrões e que eu gostava de vocês, mas ela disse que merecia saber se foi traída ou não e eu burro deixei ela ver as coisas. 

 -Mas vc deu as filmagens pra ela? Como essas imagens vazou de uma forma tão ruim pra Lili?

 -Ela me pediu um copo de água, fui buscar, quando eu voltei ela não estava mais lá. Até achei que ela tinha visto coisa que não queria e quis ir  embora. Depois que vi o escândalo com o nome da Lili, na hora desconfiei dela, eu acho que foi ela Dr.Germano!

 -Obrigado, Leandro. Pode ficar tranquilo, não acontecerá nada com você ou com seu emprego.

 -Obrigado!_ Ele respira aliviado e sai da sala.

 Germano respira pesado e passa a mão no queixo tentando se conter.

 Horas se passam.

 -Ei pai, que cara é essa?!_ Fabio fala vendo Germano entrar na casa.

 -Sabe essa polêmica toda que está rolando com o nome da sua mãe?!

 -Hum...

 -Armação da Sara!_ Germano fala ainda sem acreditar e Fabinho arregala os olhos.

 -Sério pai?!

 -Seríssimo, eu confio no Leandro, ele trabalha comigo tem anos, anos...não mentiria pra mim!

 -Leandro é de confiança mesmo!

 -Ainda estou vendo o melhor jeito de contar pra sua mãe, e de resolver essa situação.

 -Mamãe vai surtar, apenas!_ Fabio fala pensativo.

 -Eu sei..._ Germano suspira_ Deixa eu subir, não vou jantar tá?! Estou sem fome.

 -Ok...boa noite pai.

 -Boa noite!

 Germano sobe e toma um banho demorado. Pega seu notebook e liga pra Lili.

 Chamada de vídeo on:

 -Ei amor..._ Lili estava sentada na cama com o notebook apoiado em suas pernas, assim como Germano.

 -Ei, temos que conversar!_ Germano fala sério.

 -Pelo visto você teve uma conversa tensa com o Leandro, o que houve?!_ Germano respira fundo.

 -Lili, a Sara quem roubou as imagens...

 -Oi?!_ Lili fala já começando a demonstrar raiva_ Sério isso, Germano?

 -Leandro me disse que Sara esteve com ele e que o enganou para pegar as imagens. Com certeza ela procurou grandes sites para divulgar tudo da forma em que ela quisesse. Ela manipulou tudo.

 -Que desgraçada! Eu vou acabar com essa mulher.

 -Calma amor...vamos pensar com calma.

 -Calma?! Essa mulher pegou minhas imagens, me expôs de forma ridícula, roubou imagens da empresa, enganou nosso funcionário. Eu vou processar ela, Germano. Vou acabar com a carreira dela! Ela vai se arrepender muito por ter feito isso comigo, muito. E ainda vou fazer ela confessar que agiu por inveja, ciúmes...

 -Amor, vamos pensar...

 -Não tem essa, Germano. Ela sabia o quanto iria me fazer mal ao planejar isso tudo, eu vou mostrar pra ela que ela mexeu com a pessoa errada. Aguentei calada o que ela fez com a carta, mas dessa vez ela abusou demais. O triste é que eu nem se quer tive muito contato com ela_ Lili falava completamente irritada.

 -Ei, amor, se acalma. Vai lá fazer um chá!

 -E vou mesmo!_ Ela fala se levantando da cama e indo para a cozinha junto com o notebook.

 -Você quer processar ela?

 -Sim, quero. Eu quero que ela assuma a culpa e pague pelo que fez. Com certeza ela vai pagar o que a justiça mandar, mas pelo menos será alegado que ela tentou me prejudicar e que eu não fiz nada de errado. Estou sendo chamada de coisas horríveis, Germano, horríveis!! Fui ler alguns comentários dos sites e me senti muito mal. Eu preciso fazer com que ela pague por isso, com que vejam que ela armou isso.

 -Tá amor, eu vou estar do seu lado tá. Se quiser eu vejo com o Zé Pedro, ele é um bom advogado, pode se encaminhar disso.

 -Quero sim!_ Lili fala terminando de fazer o chá e se sentando na mesa para beber_ Estou com tanta raiva.

 -Calma, vai dar tudo certo. Ela está fazendo isso por loucura, nós temos testemunhas, relaxa. Tenta ficar bem tá?! Por favor...

 -Vou tentar. Não esquece de ver com o Zé Pedro!

 -Tá!_ Eles ficam em silêncio, Germano observa Lili tomar o chá e ir se acalmando.

 -Vou tentar dormir!_ Lili fala apoiando a xicara na pia_ Tá?!

 -Tá, te amo!

 -Também te amo!

 Encerram.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...