1. Spirit Fanfics >
  2. Girl suicide (Imagine Min Yoongi) >
  3. Capitulo oito

História Girl suicide (Imagine Min Yoongi) - Capítulo 9


Escrita por:


Capítulo 9 - Capitulo oito


Fanfic / Fanfiction Girl suicide (Imagine Min Yoongi) - Capítulo 9 - Capitulo oito

"Preciso... para-lo, mais isso é tao bom... é confortante e prazeroso... espera... oque??"

Empurro Yoongi saindo de perto do mesmo. Por mais que eu nao quisesse sair... eu nao deveria fazer isso, eu nao mereço isso ainda... nao quero... nao posso.

Yoongi me olha sem intender nada, sua cabeça tomba para o lado esperando que eu falasse alguma coisa. Mais nada sai de meus labios, precisava de ar, precisava de espaço, preciso ficar sozinha.

-Desculpa... eu... nao...- Prensso meus labios e olho para a porta do quarto- Eu...- o olho outra vez. Realmente nada logico sai.

-Deixar na mao pela segunda vez... Voce lembra que me devia ne?- engulo em seco coçando a garganta.

-Yoongi... Eu nao consigo- suspiro assim relaxando aos poucos- Eu realmente nao consigo fazer isso, por mais que meu corpo sinta, minha mente pensa em outra coisa.

-Gosta de outra pessoa?

-NAO!! nao é isso- mordo o labio e olho para o seus pes- Voce nao entende... Voce sabia como eu era... nao dá para me entregar assim de um dia para o outro... 

-Hum..

-Eu preciso de tempo... Para mim, para a minha cabeça. Eu ainda fico preocupada com minha Ommah la...

-_____- Yoongi pareceu ter sua face triste- Ela... voce vao ficar bem... nao se preocupe com ela okay?- Yoongi se levanta saindo do quarto me deixando sozinha sem entender absolutamente nada.

Minha Ommah... ai... Eu apenas via seu sorriso quando era bem mais jovem... Ela sempre me dizia, que eu precisava ser forte, mais sempre fui fraca... Era tao precioso quando meu pai nao ficava em casa a noite.. e ela ligasse a televisao, pondo um cobertor no chao e assistiamos juntas o canal de leilao de cavalos ja que era e é o unico canal que pegava. Lembro-me de quando eu falava que queria um cavalo para fugirmos juntas e que ninguem nos encontrassem. Para um lugar bem isolado das pessoas. Minha Ommah me protegeu de meu Appa quando quebrei o seu prato favorito... foi quando eu vi pela primeira ele batendo nela. Fico me perguntando se as pessoas nao ouviam meu choro de quantas vezes eu via a minha Ommah apanhar e chorar... As pessoas nunca veio perguntar se alguem nos estavam bem... eu quero tirar minha mae de lá, por mais que ele seja meu pai, eu nao aceito ele fazer isso com ela... se eu erro, quebro, respondo, demoro para fazer algo ou voltar para casa... minha mae sofria as consequencias, por isso eu sempre tentava deixar tudo do jeito que ele sempre quis... Eu quero a minha mae... Esse aperto, eu sinto ja faz alguns dias... Alguma coisa aconteceu

Balanço a cabeça e saio do quarto a procuro de Yoongi... Ele sabe de algo. Assim que desço as escadas dou de cara com Jacob.

-PIRANHA FILHA DE UMA PUTA- Jacob saca uma arma a minha direçao a apontando para minha cabeça. Levanto as maos em sinal de rendimento- ACHOU QUE VOCE IRIA SAIR LIVRE DEPOIS DO QUE ME FEZ? MAIS QUE MERDA VOCE ESTA FAZENDO AQUI? VEIO MARCAR O SEU PROPRIO VELORIO?

-Que merda ta acontecendo?- Mad aparece apontando uma arma para jacob- Abaixa essa arma Jac- A mesma ordena mais ele nao obedece.

-foi ela quem me deu a facada Mad- ele sorri de canto para mim- mexeu com o cara errado garota

-Entao era voce que batia nela?- Yoongi surge das trevas com as maos fechadas pronto para dar o primeiro soco.

Yoongi parte para cima do mesmo dando varios golpes em sua cabeça. A arma do Jacob caiu ao lado do meu pe... olhava tudo sem entender, Yoongi no chao dando socos nele, Mad apontada uma arma para alguem ali. Agacho e pego a arma gritando. Chega disso... 

-PAREM- Grito apontando a arma para eles- Chega... eu estou tao cansada disso...- Falo quase em um choro.

-Deixa de brincadeira _____, me de isso- Mad estende sua mao para mim.

-Nao é brincadeira Mad... Porque eu estaria brincando nesse momento? Me fala? Me fala oque aconteceu com a minha mae Yoongi?

-Iremos conversa depois _____ agora de a porcaria da arma- Mad vem em minha direçao mais a mesma para com o meu ato. Miro a arma para a minha propria cabeça

-Mais um passo e eu atiro... e dessa vez nao tem como me salvarem

-Pare ja com isso!!!

-Me responde Yoongi!!

-Ela esta bem.... nada aconteceu... Agora da pra...

-Nao minta- o olhei serio entao vi seu olhar abaixar e logo o mesmo suspira.

-A... Sua mae... ela...

-Ela??

-Ela... acabou falencendo a alguns dias- Meu coraçao para, minhas maos adormecem, minhas pernas enfraquecem. O unico barulho que escutei foi da pistola caindo no chao.

Isso nao podia ser verdade, podia? Ele deve estar fazendo alguma brincadeira de mal gosto.

-Aquele papel que voce viu o seu pai assinando era o atestado de obito... Eu nao... queria que voce soubesse assim

-ELA ERA A MINHA MAE... TINHAM QUE ME CONTAR... MINHA MAE... VOCE SABE OQUE É ISSO?- as lagrimas nao perderam tempo e logo escorreram pelo rosto.- PORQUE VOCES NAO PARAM DE BRINCAR COM OS MEUS SENTIMENTOS??? PORQUE ESCODERAM ISSO DE MIM??

-Calma- Mad poe a mao em ombro onde eu empurro rapidamente

-VOCE SABIA??- a mesma abaixa a cabeça- VOCE SABIA- limpo as lagrimas oque nao adiantou nada ja que as lagrimas ocuparam o mesmo lugar.- VOCES TEM IDEIA DO QUE ESTOU SENTINDO AGORA?-Uma voz no fundo rir

- Coitada... Ate pelo namorado é enganada Kall iria dorar essa cena- ouço uma arma ser carregada entao Yoongi atira no mesmo. Assim que o mesmo olha para mim nego com a cabeça e subo as escadas me trancando no quarto do mesmo.

Isso nao pode estar acontecendo... Ela nao pode me deixar assim... nos fizemos uma promessa... eu prometi que a tiraria de la... Mais eu queria ela com vida... ela nao pode me abandonar...  

-foi tudo culpa minha- sentada na porta choro- Foi tudo culpa minha- bato em minha cabeça uma, duas, tres vezes- Foi tudo culpa...- Levanto a cabeça sensanso o choro- Foi tudo culpa dele... Kim Taeil, voce é um Homem morto- Ameaço como se ele estivesse em minha frente. Destranco a porta desço as escadas e avisto Mad ainda com a arma na mao. Aproveito que a mesma estava destraida e pego a sua arma saindo correndo a caminho de minha antiga casa.

Assim que chego dou varios chutes na porta enquanto as pessoas me encaravam com medo. Assim dou mais alguns chutes arrombando a porta... miro para a sala procurando ele na parte de baixo, na cozinha, em seu quarto, e quando olho para o quarda-roupa, suas roupas sumiram, tudo.... grito alto com raiva... uma raiva que nunca tinha sentido antes... Agora eu sei do que sou capaz... e eu vou encontra-lo, nao importa onde, nao importa quando...

"Eu vou te caçar"



Notas Finais


Bem gente o capitulo foi pouco... mais quero dar um avisao... minha net anda bugada... as vezes nao da pra entrar em nenhum aplicativo que usa... hoje mesmo ela resolveu acordar alegre... nao sei amanha...

Mil desculpa por nao postar ontem o capitulo...

Beijos da tia Nah💜💜💜


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...