1. Spirit Fanfics >
  2. Gods of School >
  3. Prólogo

História Gods of School - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


oie, to começando agora essa nova história do hyun, eu vou tentar dar o meu melhor nela e tentar atualizar o mais rápido possível, espero que gostem. ♡

Capítulo 1 - Prólogo


Fanfic / Fanfiction Gods of School - Capítulo 1 - Prólogo

No meu aniversário de 16 anos, recebi uma carta informando que na semana seguinte, eu teria que ir para o colégio onde vou ser treinada para lutar pelo trono do meu pai, o que é totalmente inútil. 

Sinceramente é torturante ver todos a sua volta satisfeitos com o seus poderes, se descobrindo, enquanto eu... bom, eu não tenho poderes... quer dizer, eu tenho mas ainda não se manifestaram, a cada dia que passa o meu pai aparenta estar mais desapontado comigo, todos os meus irmãos tem seus respectivos poderes enquanto eu não sei nem atirar um disco.

Minha mãe é a única da família que conversa comigo, ela me da conselhos de como tentar manifestar meus poderes mas até agora nada.

Eu espero que ir para essa escola me faça bem, não quero decepcionar mais ainda o meu pai. 

╰ ☆ ╮


Hoje é o dia de ir para a tal escola, acordei bem cedo para não me atrasar e tomei meu banho, minhas malas já estavam arrumadas pois os servos se apreçaram ontem a noite, botei meu vestido branco -o típico grego-, minhas sandalias e arrumei meus cabelos pondo uma tiara.

Desci as escadas e avistei meu pai e minha mãe, conversando com um homem de altura mediana, provavelmente o instrutor que irá me levar para a escola. 

— S/n, já está na hora. — assenti devagar, eu e meu pai não somos muito de conversar, na verdade, se trocarmos 5 palavras um com o outro, já é muito. Me despedi de mamãe com um abraço, ela se inclinou e disse "até logo, quando você estiver poderosa e mais bonita do que nunca".

O homem desconhecido pediu para acompanha-lo até a carruagem, lá já se encontravam minhas malas, entrei e logo me sentei, avistei meu pai parado á frente do palácio me encarando, acenei pra ele da carruagem e ele nada fez, apenas me observou. Abaixei o olhar e senti a carruagem começar a andar. 

Eu vou conseguir, eu irei dar orgulho ao meu pai, vou manifestar meus poderes e assumir o trono, farei todos aqueles que duvidaram de mim e me fizeram chorar se arrepender, eu não vou ser um fardo pra ninguém.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...