História Going Back To The Time - Capítulo 76


Escrita por:

Postado
Categorias One Direction
Personagens Harry Styles, Niall Horan, Personagens Originais
Tags Amor, Fanfiction, Harrystyles, Niallhoran, Novela, One Direction, Romance
Visualizações 5
Palavras 884
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Famí­lia, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá, fantasminhas! Boa leitura ; )

Capítulo 76 - Festa


Fanfic / Fanfiction Going Back To The Time - Capítulo 76 - Festa

Ainda no quarto ouvi um carro buzinar lá fora. Certamente era o meu namorado. Fui em direção a janela. Sim, Harry havia chegado.  Ele deu com a mão, e  aguardava lá embaixo. Naquele momento  eu somente  esperava que minha mãe não fizesse o mesmo, ou teria que ouvir um sermão enorme. Respirei fundo alinhando o vestido em meu corpo. Por que eu estava tão nervosa?!  Era só uma festa VIP. Nada mais, não é mesmo?! 

 - Vamos, Kate? - A peguei pelo braço. Descemos as escadas, e ao chegar no andar de baixo, aconteceu o que eu temia, minha mãe já havia aberto a porta. "Não , aquilo não estava acontecendo " Eu parei, estática, mas Harry acenou para mim da entrada. E minha mãe virou-se nos encarando. Não tinha outra escolha. Puxei o ar, e desci. Tinha que driblar minha mãe ou não sairiamos dali.   

- Ei! Para aonde vocês vão? Posso saber? - Minha mãe nos olhou confusa, e percebi que Harry ficou sem graça, porque tentava falar algo, mas não saía. Achei que àquela hora a festa já era.

 - Mãe, nós vamos a uma festa - Fui rápida em minhas palavras.

 - Que festa? - Seus olhos quase "saltaram". Então Harry finalmente se pronunciou : 

 - Desculpe, senhora Scarlet, é que chamei sua filha para irmos a uma festa organizada pelo empresário da banda - Ele consertava o colarinho da roupa. Devia estar nervoso. Certamente mais do que eu. 

 - Mãe, está tudo em ordem, Kate vai comigo também.

 Minha mãe nos olhou por alguns segundos. Se eu a conhecia muito bem, aposto que estava pensando mil coisas. Como eu havia dito antes, ela convivia diariamente com matérias sobre jovens no jornal no qual trabalhava. Então eu não descartava a ideia de ela está imaginando o que faríamos àquela noite. Ou que não faríamos àquela noite! Foi então que seus lábios se moveram e pronunciaram essas palavras : 

 - Nada de bebidas alcoólicas, estão ouvindo? 

 Eu não esperava nada menos de minha mãe. Mas respirei aliviada.

 - Nã... não - Harry tropeçando nas palavras - Nenhum pouco, senhora.  

Harry disse aquilo e eu saí o puxando antes que ela pudesse dizer mais alguma coisa.

 - Tchau, mãe. 

 Havíamos chegado, sim eu avistava uma faixada enorme com letreiros luminosos. Estávamos em uma das maiores boates que haviam em Londres, a "The hot midnight ". Harry fazia a baliza no estacionamento privativo, e eu tentava, ali, enquanto estávamos no carro, criar coragem de descer. Eu parecia uma garota muito idiota. Àquelas alturas minhas mãos suavam, e minhas pernas não paravam quietas. Eu estava ridiculamente nervosa. 

 - Amiga! Não brinca! - Kate parecia eufórica, enquanto eu parecia mais um bicho aquado. Harry desceu do carro e quando percebi ele já abria a minha porta. Sua mão estava estendida em minha direção.

 - Não vai descer? - Ele sorriu, e eu não podia bancar a anti-social. Assenti maneando a cabeça, então peguei sua mão. Caminhávamos em direção a porta da boate, e Harry fez sinal com a cabeça.  um cara enorme aproximou-se.

 - Acabaram de chegar - Falava ao walkie-talkie.  

Harry entrelaçou seus dedos nos meus, enquanto vários fotógrafos aglomeraram-se à entrada do lugar. 

 - Aja naturalmente - Disse entre-dentes, enquanto um belo sorriso estampava seu rosto. 

 Agir naturalmente era difícil, mas eu poderia tentar. 

 Entramos naquele lugar, e eu fiquei boquiaberta. Nunca havia estado em uma festa como aquela. O aroma daquele lugar era inebriante, o modo como as pessoas vestiam-se...  O modo descontraído como sentiam cada ritmo ... A música tocava e parecia que meus batimentos cardíacos a seguiam. Harry agia de forma natural. Aquele era o seu mundo. Enquanto eu tentava me acostumar. Respirei fundo. Meu nervosismo era certamente notório.

 - Você viu? Todos já estão aqui - Disse Harry, e apontou para o lounge da boate. Porém eu só pude ver Niall e Charlotte em meio a tanta gente. "O que será que aquela noite me traria? " 

Katy agarrou forte em meu braço me chacoalhando. 

 - Aquele alí no bar não é o Ed Sheeram?! 

 - O próprio - Harry adiantando -se e acenando para o loiro de olhos azuis que retribuiu. 

 - Não acredito que acenou pra gente! - Katy estava beirando a euforia. 

 - Por que não fala com ele? - Harry tocando seu braço - Hoje você pode tudo. Katy se apressou em direção ao Ed e Harry rapidamente me tomou pela mão e fomos até o lounge da boate. 

- Emilly! - Niall aproximou -se e beijou minha mão - Desculpa, terei que lhe roubar Harry por alguns instantes. Dei de ombros enquanto forcei um sorriso. Afinal,  a vontade era a única coisa que eu não estava àquele momento.

 - Harry, o pessoal da Fame de Londres quer tirar uma foto da One direction. E adivinha... ! Já sairá na próxima edição. 

 Harry me olhou apreensivo - Tudo bem para você, Emilly?

 - Vai!  - Não pensei muito - Não os deixe esperando - Tentei bancar a compreensiva.  "Claro que não estava tudo bem! "Mas o que eu poderia fazer? Impedi-lo? Eu ajustava meu vestido ao corpo. Estava me sentido tão perdida ali. Kate ainda conversava com o Ed Sheeran. Então me dirigi ao bar. Talvez alguma coisa para beber me fizesse sentir menos tensa.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...