1. Spirit Fanfics >
  2. Golden (Larry) >
  3. Nuvens de algodão

História Golden (Larry) - Capítulo 16


Escrita por:


Notas do Autor


Oii^^

Capítulo 16 - Nuvens de algodão


Fanfic / Fanfiction Golden (Larry) - Capítulo 16 - Nuvens de algodão



Louis on

Seguro a mão de Harry com delicadeza enquanto nos afastamos aos poucos do festival do milho, eu precisava falar com ele o quanto antes, e nada melhor que rouba-lo um pouquinho do festival.

Meu coração batia forte dentro do meu peito, mas eu tinha total certeza do que eu iria fazer. Ficamos o caminho todo em silêncio até chegarmos  no lugar de sempre, de frente pro lago, que agora está quase congelado pela chegada do inverno.

Em menos de dois meses eu iria me forma na escola, e vou completar meus dezoito  anos, e finalmente serei livre de Izabel, vou poder voltar pra minha casa, ver minhas irmãs e minha mãe... mas nesse momento vou ter que abrir mão das pessoas que conheci aqui, e a qual vai me doer tanto, vai ser ficar longe do meu príncipe dos olhos verdes, meu anjinho de cachos, vai ser doloroso deixar Hazza pra trás.

Somente minha avó e Phil sabe que no dia do meu aniversário eu vou partir do vilarejo e voltar para Nova York, nunca tive coragem de dizer pra nenhum dos meninos sobre isso, prefiro não atormentar eles com isso. 

- Então Louis por que me puxou do festival?.- pergunta Harry tirando eu dos meus devaneios.

Respiro fundo e me sento sobre a grama e vejo ele fazer o mesmo, se sentando ao meu lado, seu joelho tocando minha coxa.

- Queria ficar um tempo com você... e também por que eu queria lhe dizer uma coisa.- digo encarando seus olhos, me perdendo nas esmeraldas das suas íris.

Harry me olha confuso, talvez tentando compreender por que está aqui, ele ergue uma das sobrancelhas antes de dizer:

- Que coisa você quer me dizer Lou?.- pergunta ele sem tirar os olhos dos meus.

Esfrego uma mão na outra, ainda nervoso por finalmente abrir meu coração.

- Harry eu sei que talvez você já saiba disso, mas eu sou completamente apaixonado por você... eu te amo demais, e queria saber...- paro de dizer e olho pra ver sua expressão.

Ele estava com a boca entre aberta, talvez surpreso ao ouvir isso, e quando eu abro a boca pra tentar fizer algo, ele abre um sorriso enorme mostrando suas covinhas.

- Eu também sou apaixonado por você Tommo, mas o que você queria saber?.- pergunta ele confuso e sinto sua mão apertar minha coxa, me incentivando a continuar.

Harry acabou de dizer que me ama, então é recíproco, talvez ele aceite a namorar comigo, ou talvez eu vou estar dando uma falsa esperança pra ele... por que daqui menos de dois meses vou ter que ir embora, e vou deixar ele arrasado. Vai ser egoísta da minha parte querer aproveitar essas últimas semana ao lado dele.

Penso em desistir, mas ao ver os brilhos nos olhos dele ansioso pele minha pergunta, me deu coragem de continuar.

Levo minha mão ate a dele e dou um leve aperto.

- Harry... eu gostaria de saber... se você quer ser meu namorado. Hazza você aceita namorar comigo?.- pergunto com a voz trêmula.

O sorriso dele some, me dando um aperto no peito, ele não aceitar merda... por que eu tive que dizer isso...

Mas antes que eu terminasse de pensar, sinto seus lábios quentes sobre os meus, sem pensar duas vezes puxo ele para se sentar em meu colo, e começo a explorar com a língua sua boca doce, nunca vou enjoar de beijar ele.

Aperto sua cintura e ouço ele gemer em meus lábios, sorrio e término o beijo com três selinhos.

- você ainda não me respondeu.- digo acariciando seu rosto com meus dedos.

- achei que não precisava, e lógico que eu quero ser seu namorado Louis.- diz ele sorrindo esfregando nossos narizes.

Sorrio bobo ao ouvir aquilo, porra eu tô realmente namorando com o  Harry styles. Aperto ele para um abraço forte.

- Lou acho melhor voltarmos pro festival agora, antes que as pessoas comecem a sentir nossa falta.- diz ele saindo do meu colo.

Faço um biquinho com a boca, mas ele tinha razão, as pessoas iriam achar estranho nos dois ter sumido assim do nada, me levanto do chão e limpo a grama da minha calça.

- eu tô namorando o louis.- diz Harry cantarolando animado.

Ele é a coisa mais fofa desse mundo, pego em sua mão delicada para voltarmos pro festival, ainda não consigo acreditar que estou namorando com ele.

[...]


Ao chegar até o festival, Niall puxa o braço de Harry para longe de mim, Reviro os olhos e me junto ao zayn e Liam.

- como foi tommo, pediu ele em namoro?.- pergunta Zayn sorrindo.

Liam me olha esperando uma resposta também.

- sim e ele aceitou.- digo sorrindo e logo sinto os dois me abraçarem.

- Parabéns Lou.- diz Liam dando um beijo na minha bochecha.

Faço uma careta e limpo minha bochecha.

- Meu homenzinho cresceu... digo de tamanho não.- diz Zayn rindo dando um tapinha em minha costa.

Reviro os olhos e dou um tapa em seu joelho.

- Para de bater no meu namorando tommo.- diz Liam me olhando serio.

Riu da sua cara e me levanto e vou até uma das barracas pegar um pedaço de bolo de milho, eu ainda não havia comigo nada desde que cheguei aqui. Aproveito para tentar achar Harry no meio da multidão, mas não consigo, Niall sumiu com ele.



Harry on

Conto tudo pro Niall o que aconteceu, tô tão feliz, finalmente tommo tomou coragem de dizer que me ama, agora a gente pode ser muito felizes juntos, assim como Lee e com o Zee.

- O bebê do grupo tá namorando.- diz Niall apertando minha bochecha.

- para com isso nini.- digo envergonhado.

- Então Hazza você já contou pro Louis que...- não deixo ele terminar de dizer e tampo sua boca com minha mão.

- fica quieto Niall, alguém poderia ter ouvido, e não eu ainda não disse nada pro Louis... tô com vergonha de dizer.- digo olhando em seus olhos e afasto minha mão de sua boca para ele poder falar.

- eu acho que você tem que contar pra ele logo, se ele te ama ele vai entender e te apoiar nisso, agora que vocês estão juntos, ele precisa ainda mais saber disso Harry.- diz ele pondo a mão em cima do meu joelho.

Niall tinha razão como sempre, eu preciso contar para tommo isso logo.

-×-


- Aonde estavam? Tava te procurando baby.- diz Louis assim que chego perto da fogueira.

- Niall me levou até o pomar para conversar sobre algumas coisas, nada de mais.- digo sorrindo.

Ele olha em meus olhos, tentando descobrir se estou mentindo ou não. Depois concorda com a cabeça e me puxa para me sentar no tronco perto da fogueira junto dele.

- prova um pedaço dessa torta de milho, tá muito boa.- diz Louis enfiando a torta em minha boca.

Mastigo devagar, realmente estava muito bom.

- tá gostoso.- digo sorrindo.

- perai.- diz ele passando seu dedo em torno dos meus lábios tirando os farelos.

Sorrio com as bochechas queimando de vergonha.

O pessoal começa a cantar, e anunciam o rei do milho desse ano, que foi Niall, o loiro fico todo feliz desfilando com sua coroa de milho.

- eu sou o rei do milho, eu disse pra vocês que eu ia ganhar.- diz Niall sorrindo.

- olha só um rei do milho.- diz Liam rindo.

- tá parecendo mais um espantalho.- diz Zayn rindo batendo palmas.

Vejo que Niall ficou meio triste com isso.

- parabéns nini.- sorrio dando um abraço nele, e vejo que ele ficou animado com isso.

- obrigado Harry.- diz ele sorrindo me mostrando sua faixa.

-×-


Depois do festival acabar Louis me acompanhou até minha casa, roubando beijos de mim a cada minuto, dou um abraço nele de despedida e entro em casa.



Louis on

Acordo resmungando ao sentir os raios de sol batendo em meu rosto, levanto da cama e me arrumo com o uniforme do colégio, pego minha mochila com meus livros e desço até a sala de jantar, onde minha avó já estava sentada tomando uma xícara de chá.

- bom dia vó.- digo ao me sentar na mesa.

- bom dia Louis, chegou algumas cartaz da sua mãe, estão aí.- diz ele apontando para uma carta.

Sorrio empolgado por ter recebido uma carta da minha mãe, pego o envelope e guardo no meu bolso, me levanto da cadeira e pego uma maçã e saio Para fora de casa.

Me sento na frente do portão para esperar o ônibus que buscava a gente pra escola, enquanto isso abro a carta e tiro o papel de dentro e começo a ler.

" oi meu filho, espero que as coisas estejam bem por aí, aqui tudo está bem, suas irmãs estão ansiosas para ir na sua formatura no mês que vem, e eu estou tão orgulhosa de você meu filho, não vejo a hora de ter aqui em casa comigo.

Queria também te dizer que estou namorando, quero que você conheça ele quando eu for aí, estou tão feliz meu filho, abri uma cafeteria com o dinheiro que comecei a juntar, o negócio está dando muito dinheiro e já tô guardando uma parte para você para a faculdade.

Já está pensando em qual curso vai fazer? Por falar nisso, as gêmeas começaram a fazer aula de balé, e a tua irmã lottie tá de namoradinho, ela vai ficar brava comigo ao saber que lhe contei isso.

Então meu filho eu te amo muito, só aguente mais algumas semanas que estamos chegando.

     Com amor, Jay.


Sorrio emocionado ao ler a carta, mas ainda com ciúmes da minha mãe está namorando, mas ela merece ser muito feliz, peraí até a Charlotte está namorando? Que merda.

Guardo a carta dentro da minha mochila e sorrio ao ver que tinha um desenho que Daisy fez com Phoebe, era nossa família e um grande sol amarelo. Que fofa.

Limpo a lágrima que escorreu em meu rosto, e vejo o ônibus parando, me levanto depressa e corro para entrar, logo escutando o motorista pedir para eu não correr.

Vejo os meninos sentados no banco de trás e corro para me sentar do lado de Harry.

- bom dia lou.- diz ele sorrindo tirando um cachinho de seu rosto.

- bom dia Hazza.- sorrio pra ele e me viro para cumprimentar os meninos.

Vou o caminho todo contando pro Harry sobre a carta da minha mãe, enquanto lá trás Niall briga com Zayn por conta de um cookies.

- Queria tanto conhecer sua família.- diz Harry arrumando a mochila em seu ombro enquanto descemos do ônibus.

- elas vão vir na formatura, você vai poder conhecer.- digo sorrindo caminhando com ele pra dentro do pátio do Colégio.

Sentamos todos nós bancos ali.

- Aqui duas semanas o festival de talentos, torçam por mim.- diz Zayn animado.

- você já ganhou amor.- diz Liam dando vários beijos na bochecha de zayn.

Eles eram tão abertos, todos do colégio sabiam que os dois namoravam, tenho inveja da coragem deles por se assumirem.

- Lou você pode me encontrar perto do lago hoje? Preciso falar com você.- diz Harry me olhando.

- claro, depois de eu ajudar o Phil com a colheita de rosas eu vou até lá.- digo sorrindo apertando a coxa dele.

Logo as bochechas de Harry estavam vermelhas de vergonha, ele era tão fofinho assim. Ouço o sinal tocar e dou um rápido beijo na bochecha de Hazza e corro pra minha sala.

Ao entrar vejo Michelle sentada na mesa ao meu lado, Reviro os olhos e me sento, tomara que ela não me enche hoje.

- oi Louis está lindo hoje.- diz ela sorrindo e logo sinto sua mão apertar minha coxa.

- poderia tirar a mão de mim porra.- digo irritado tirando a mão dela da minha coxa.

- huuum adoro ver você bravinho assim, te deixa ainda mais gostoso.- diz ela mordendo a tampinha da caneta.

Só consigo sentir nojo dessa garota, ignoro o que ela diz e abro meu caderno.

- Louis você poderia me fuder tão gostosinho, eu já tô toda molhadinha.- diz ela levando sua mão ate meu membro por debaixo da mesa.

Aquilo foi a gota da água pra mim, essa garota não tinha limite algum, pego meu caderno e me levanto para trocar de lugar.

- Então trate de se secar.- digo ríspido e saio da li, me sentando em outro lado da sala, bem longe daquela maluca.

-×- 


O sinal tocou para o intervalo, eu estava tão ansioso para poder ver Harry, saio da sala depressa antes que a louca da Michelle viesse até as de mim, ando pelo corredor em passos rápidos, até finalmente eu avistar Harry conversando com os meninos.

Me aproximo deles e falo em seu ouvido.

- vamos pra arquibancada.- digo baixinho em seu ouvido.

Ele sorri envergonhado e se despede dos meninos, dou um aceno pra eles e ando com Harry até chegarmos na arquibancada vazia, assim poderíamos ter liberdade para conversar em paz.

- como foi sua aula?.- pergunta ele ao se sentar.

- podemos não falar disso agora? Eu só quero te beijar.- digo sorrindo e puxo ele para meu colo.

Harry seguro meu rosto com era mãos quentes e cola seus lábios macios nos meus, sinto o gosto de hortelã em sua boca.

Acaricio suas costas com minhas mãos até chegar em sua bunda e dou um leve aperto, ele morde meus lábios e começa a esfregar sua bunda sobre meu membro por cima da calça.

Gemo baixinho sentindo meu membro latejar, já tava começando a ficar duro.

- Hazza... você me deixa maluco.- digo começando a beijar seu pescoço.

- você tbm me deixa assim tommo.- diz ele passando a mão pelo meu abdômen.

Sinto que ele estava duro também, seu pau roçava contra minha barriga.

Levo minha mão por debaixo da sua camiseta e acaricio seus mamilos.

- huum... lou.- diz ele gemendo manhoso apertando meus cabelos.

Logo ouço o sinal tocar, puta merda justo agora, Harry pula do meu colo depressa e ajeita suas roupas.

- melhor eu ir primeiro.- diz ele com as bochechas coradas dando um selinho rápido em mim é depois saindo depressa.

Respiro fundo e passo as mãos em meus cabelos, encaro a ereção em minha calça e tenho pensar em coisas aleatórias.

Arrumo meu pau na minha cueca e me levanto indo pra sala de aula, aturar as últimas aulas e finalmente estar livre e poder passar a tarde inteira com Harry.



Harry on

Me sento na minha carteira ao lado de Niall, ele me encara com seus olhos azuis esperando eu lhe contar tudo.

- Você vai contar hoje pro Louis?.- pergunta ele baixinho.

Não tinha perigo de liam e zayn  ouvirem, por que ambos estão dormindo, babando em cima da carteira, a aula agora era de geografia e ninguém aguentava.

- Vou, tô com muito medo da reação dele.- digo nervoso começando a roer as unhas nervoso

- ei vai dar tudo certo, vou estar torcendo por você Hazza.- diz ele sorrindo me olhando.

- obrigado por ser o melhor amigo do mundo.- sussurro pra ele.

Logo ouço a professora bater o livro na mesa, levando todos ali um susto, principalmente Liam e Zayn, que estavam com os olhos arregalados e o rosto todo amassado.

-x-


O sinal toca, arrumo minhas coisas dentro da minha bolsa, e saio junto com os meninos até o ônibus, Louis já estava ali sentado esperando, me sento do seu lado.

- oi.- diz ele sorrindo.

- oi.- digo sorrindo e seguro sua mão.

Fomos o caminho olhando pra janela, vendo as nuvens no céu.

- acho que as nuvens são feitas de algodão, e são macias.- diz tommo sorrindo.

- eu acho que não.- digo rindo.

- não discorde de mim namorado.- diz ele abrindo um sorriso que me deixa sem fôlego.

Eu só queria puxar ele para um beijo agora, uma pena que não dá. 

Me despeço dele e saio do ônibus com Niall.

-×-


Niall estava sentado na minha cama me encarando.

- você vai fazer isso?.- diz ele me olhando.

- sim Niall.- digo nervoso e pego um espelho para olhar meu reflexo enquanto passo um brilho labial sabor cereja em meus lábios.

Eu gostava da sensação em meus lábios, o cheirinho doce de cereja.

- você fica fofo assim Harry.- Niall diz me admirando.

Sorrio pra ele e fecho a tampinha guardando brilho labial dentro da última gaveta junto com o resto das coisas.

- será que Louis vai gostar... e quando ela souber que as vezes gosto de dormir de vestido...- digo nervoso.

- Ele vai aceitar como você é Harry, tenho certeza disso.- diz Niall me dando um abraço.

O Niall era o único que sabia disso, ninguém além dele sabia, foi ele que me comprou um brilho labial e me deu um vestido usado de sua prima, tem dias que eu gosto de colocar o vestido amarelo de bolinhas rosas e dormir com ele, mas é claro que tranco a porta e escondo as coisas no fundo da gaveta.

- tomara Nini, obrigado por me apoiar sempre, agora eu preciso ir até o lago.- digo ficando de pé.

- te acompanho ate la.- diz ele segurando minha mão.

Por sorte minha mãe e minha irmã saíram, ando até o lago e me despeço de Niall com um abraço.

Sinto minhas pernas ficarem bambas quando vejo Louis de costas sentado de frente pro lado.


Notas Finais


Como vcs estão amoras tudo bom?🙂 desculpa a demora por trazer o capítulo.

Tenha um ótimo dia/noite 💛🙂 beijos


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...