1. Spirit Fanfics >
  2. Golden Wolves ( Taeyoonseok, Namjin, Jikook) >
  3. Capítulo: LXXIII

História Golden Wolves ( Taeyoonseok, Namjin, Jikook) - Capítulo 72


Escrita por:


Notas do Autor


Oi amores, como estão? Espero que bem.

Eu sei, esse cap era para ter saído ontem mas man, eu travei muito, n sabia como desenvolver o capítulo e meio que saiu isto, e bom, até que ficou maneiro.

Espero que gostem, este capítulo terá cenas íntimas então, caso seja menor de 18, já sabe dos riscos.

É isto, espero que gostem, tentarei trazer Jikook e Taeyoonseok no próximo mas, não prometerei nada ok?

Capítulo 72 - Capítulo: LXXIII


Fanfic / Fanfiction Golden Wolves ( Taeyoonseok, Namjin, Jikook) - Capítulo 72 - Capítulo: LXXIII


Palmas, gritos de apreço e risadas ecoavam por todo o ambiente, mesclando-se a música animada que regavas o ambiente de felicidade.


A festança eras intensa, divertida quando, até mesmo os pais do rei decidiram participar de tal algazarra, saltitando e requebrando ao som do hino de Marroc.


Aquela noite estava sendo incrível e certamente, ficarias marcada na história do reino.


Entretanto, não estava sendo perfeita para tais alfas exaustos, haviam tentado de tudo durante aquela festança para atrair teus ômegas, pedidos de desculpas, chamegos, porém nada.


Ao contrário, estes faziam questão de requebrar-se envolta da enorme fogueira, chacoalhando teus quadris em ritmos únicos ao que um sorriso bonito moldavam teus lábios formosos e atraentes.


- Eu não vou aguentar!! - Jeon reclamou ao relaxar sobre os acentos em que ambos descançavam. - Ele está me torturando com isso.-


- E eu achei que após um mês inteiro, ficaria agarradinho com meu ômega - Resmungou Yoongi em que cruzava teus braços num ato frustrado. - Já não é mais a mesma coisa sendo somente eu e Hoseok. -


- Mesmo que isto tenha me magoado, tenho que concordar. - Ditou Hoseok fingido, recebendo como resposta apenas o sorrisinho gengival de teu alfa. - paspalho. - Resmungou ao que revirarva os olhos, não resistindo aos chamegos do mais velho alfa que o fez sorrir.


- Eu vou me retirar. - Ditou Namjoon simplista, ao terminar de tomar tua bebida.


- Mas já?- Indagou Yoongi, aconchegando-se entre os braços de Hoseok. - Ainda está cedo..


- Eu estou exausto, a viagem me matou e tudo o que mais desejo agora és dormir ao lado de meu ômega. - Jonnie se pôs de pé. - Como não obtenho o ômega, ainda obtenho a cama. - Deu de ombros num riso fraco, fitando Seokjin uma última vez.


Este que o fitava tão intensamente que o arrancou um suspiro encantado.


- Bom, devo concordar com tu meu amigo, irei lhe acompanhar e me recolher também. - Pronunciou-se o alfa mais jovem ao também se por de pé, assim como aos Jung Min, que seguiram a teus passos


- Se é assim, então que vamos todos juntos, eu também estou exausto, apenas desejo minha cama quentinha.. - Resmungou Yoongi, bocejando ao meio de teu pronunciamento ao que se permitia ser abraçado por Hoseok quando, os quatro reis alfas recolheram-se sem que aquele povo festeiro os notace.


[ Com Kim Namjoon ]


[...]


Banhar-se nunca foste tão relaxante para si.


Roupas finas e leves eram trajadas por aquele alfa exausto que, sentado a beirada da cama, secavas teus cabelos.


Não estava no quarto a qual queria estar obviamente, pois respeitava a privacidade de Seokjin, assim como a de teus irmãos e, como estes não queriam-os por perto, apenas acatou teus pedidos.


- Namjoon..? - Tal suave voz o surpeendeu quando sequer havia escutado a porta de teu cômodo sendo aberta. - Por que estás a deitar-se aqui? -


- Achei que não quisesse me ver. - O alfa disse simplista, inspirando profundamente aquele aroma de frutas vermelhas que passavas a pairar sobre o ar, tão suave..


- E não quero.. - Seokjin resmungou indeciso, afinal, nem mesmo ele sabia o por que de está ali.


Quando percebeu, já estava a frente dos aposentos daquele bonito rapaz.


- Então, o que fazes aqui meu bem? - Indagou o alfa curioso, direcionando tua atenção ao adorável ômega bicudinho a tua frente.


As bochechas rubras eram estufadas quando tal rapaz direcionava teu olhar ao chão envergonhado de modo adorável.


- Eu não sei, tá bom? Apenas vim.. - O mais velho ditou reclamão ao enfim erguer o olhar a tal alfa, que com um sorriso moldado em teus lábios se levantou.- Quando percebi, já estavas aqui.. - Resmungou tal última parte, sentindo teu corpo arrepiar-se com somente o olhar de Nam, preso a si.


Este, em silêncio o agarrou tão rapidamente que sequer teve tempo de reagir, e quando este tomou a teus lábios num delicioso beijo, decidiu que dali, não sairia.


Sentiu tanto a falta de tais braços fortes lhe apertando com jeito e carinho que apenas se permitiu derreter, e entregar-se por completo a aquele amado homem ao que, em passos atrapalhados, caminhavam juntos até a enorme cama.


- Jooniie.. - Ditou Seokjin num sussurrar fraco, sentindo teu corpo chocar-se contra as mantas quentinhas e, esquentar ao que apreciava os íntimos roçares de Namjoon contra si.


- Antes que eu continue, devo certificar-lo de que eu, e nem mesmo os meninos ficamos com algum ômega em nosso período afastado, apenas tinhamos tais aromas impregnados em nossas roupas pois eu, e os meninos, éramos encarregados de cuidar de tais ômegas violados e traumatizados. - O alfa lhe surpreendeu ao sussurrar tais palavras de repente, fitando-o no fundo de teus olhos para que tivesse certeza de que tais palavras fossem verdadeiras.


E não tinha dúvida de que eras.


O jovem Seokjin então sorriu belamente para aquele rapaz existente acima de teu corpo, acariciando com carinho a lateral do rosto bonito que lhe fitava com tanto amor, e carinho.


- Joonnie, desejo que me marque agora. - O ômega ditou convicto de tua escolha, envolvendo teus braços envolto do pescoço do grande alfa que lhe observavas.


Tinha certeza de que querias tal alfa para sempre em tua vida, lhe dando bonitos filhotes e até mesmo reinando lado a lado consigo até que ficassem bem velhinhos.


O amava, o amava tanto que daria tua vida por ele, assim como este provavelmente daria a vida por si.


- Tu.. tens certeza? - Indagou Namjoon preocupado, mas logo sorrindo ao visar os acenos positivos vindo do mais velho, ao que este lhe  tomavas os lábios para um beijo quente, necessitado.


Com calma, peça por peça deslizavam de teus corpos fervidos e iam de encontro ao chão ao que, sem pressa, desfrutavam do corpo alheio.


Apertos firmes, carícias íntimas, beijos molhados e fracos gemidos deixavam ambos ainda mais excitados durante tais preliminares, quentes, necessitados.


- Eu senti tanto tua falta.. - A voz sensual do mais velho soaste rouca próximo ao rosto de Seokjin, este que arqueva tuas costas o ao que um gemido arrastado ecoava de teus lábios gordinhos, quando sentias a tua entradinha sendo invadida lentamente pelo sexo de teu saeng . - Ah Seokjin..- O alfa mordiscou e tomou os lábios gordinhos do mais velho em um ósculo sensual, grunhindo em apreço ao sentir as reboladas sutis de Seokkie.


Seokjin eras tão delicioso para si.


Cativante.


- Aahn.. Saeng.. - O belo ômega manhou ao que apertava os lençóis finos da cama que lhes acolhiam, gemendo de maneira mediana ao sentir as investidas do maior se tornando cada vez mais duras, firmes, precisas. - Isso és tão bom querido..- resmungou baixinho, para que somente este escutasse.


Um sorriso sujestivo então dançou sobre os lábios macios do alfa de Jade, este que surpreendeu-se com a ousadia de Seokjin que, mesmo envergonhado, o fitava com desejo ao que, agora, passavas a montar sobre si.


A bronzeada pele era mais uma vez iluminada pela luz da lua, os fios escuros que chacoalhavam a cada quicada que Seokjin davas sobre si, firmes, precisas, quando as gotas de suor escorriam  por ambos dos corpo e  uniam-se com a lubrificação natural que escorrias em abundância e causavas, aos barulhos eróticos que ecoavam por todo o quarto.


Uma visão tão perfeita que o fizeste rosnar, agarrando ao corpo do outro quando passavas a investir com rapidez contra a entradinha do outro, que gemia alto em resposta ao que arranhavas com tuas finas unhas, o peitoral do homem com aroma de liberdade.


Os olhos brilhantes destes passaram a piscar dentre vermelho e dourado, ao que as afiadas presas passavam a surgir perante a troca de consciência, indicando que quem ali comandavas, eram apenas os lobos um do outro, buscando consolidar tuas ligações.


- Alfa! - Manhou o ômega ao sentir o ápice próximo, logo, este uivou, ao sentir as presas de teu alfa afundar-se sobre teu ombro, acarretando a dor e inúmeras sensações distintas ao mesmo tempo.


A adrenalina lhe envolveu, não sabia como explicar tal feito mas tinha ciência de que agora estava diretamente ligado a tal homem, o sentia de uma maneira além, era como se..


Ambos agora fostem apenas um..


Notas Finais


Aí amores, 500 fav? É isso mesmo gente?

Eu fico tão contente em termos chegado aqui, saber que há mais de 500 pessoas gostando de minha fanfic é de aquecer o coração, sério, muito obg msm.

Eu nem sei como retribuir esse carinho que vcs tem por está belezinha ksksksks por isso, acho que um "obg" não é o suficiente para simbolizar minha gratidão kskskks.

Eu amo vcs ok? 💕💕💕💕💕🐈


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...