1. Spirit Fanfics >
  2. GothBoiClique - Lil Peep (Hiatus) >
  3. Dear Mom

História GothBoiClique - Lil Peep (Hiatus) - Capítulo 24


Escrita por:


Notas do Autor


é, eu sei, demorei... desculpa...

Capítulo 24 - Dear Mom


Acordei com sons vindos da porta da frente, como uma batida muito alta, deve ser o imbecil do Peter. Eu deveria expulsar ele daqui, tenta matar minha mãe e ainda está solto pronto pra tentar fazer o mesmo comigo...

Levanto da cama e vou até a porta do meu quarto, saindo só com a cabeça pra fora pra ver o que esta acontecendo e vejo ele subindo as escadas, com toda a certeza era ele porem com a cara toda machucada, o que aconteceu cara?

-O que está fazendo aqui?

Pergunto do meu quarto, olhando ele virar a cabeça em minha direção e bem, parecia bebado.

-Cala a boca vagabunda!

Disse e saiu tropeçando pro outro lado do corredor, que no caso era onde ficava o seu quarto com minha mãe. Porém ela não estava ali naquele dia ne? E por causa desse pedaço de merda que ela se atreveu a colocar aqui dentro dessa casa. Agora provavelmente o carma voltou pra ela po botar um puro desconhecido dentro da casa dela com uma menina que ela costumava chamar de filha antes de toda a merda acontecer. Isso é uma palhaçada e das grandes.

Entro denovo pra meu quarto e vou até meu celular vendo que são seis da manha ainda, vou continura dormindo ja que estou tao cansada. E depois, vou ao hospital ver a minha mae, mas sinceramente, não estou com um pingo de vontade de ir até lá até porque ela vai ficar falando que a culpa de tudo ruim na vida dela tem a ver comigo, assim como a morte do meu pai. Eu deveria deixar ela la pra ficar sozinha e ter só a companhia dos aparelhos médicos e dos enfermeiros, depois de tudo que eu passei naquela casa por causa dela e dos seus caprichos... deveria deixar ela sem mais nem menos. nem dinheiro pra comida e roupa eu tinha, pegava todo o dinehiro necessário pra minha própria sobrevivência dos fundos que meu pai deixou pra mim antes de morrer, parecia que ele sempre foi o unico interessado em me criar... e durante todos esses anos, tenho vivido aqui, obrigada, por isso passo tanto tempo na casa de blair. Peter tem a ver coma a morte do meu pai e minha querida mãe, vai la e se casa com ele. Como pode essa mulherzinha dizer que um dia amou o seu marido de verdade depois de fazer uma cagada dessa? Se meu pai estiver mesmo olhando por nos no céu, deve estar muito puto com ela, e com razão.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...