1. Spirit Fanfics >
  2. Grávida de um professor - Jeon Jungkook >
  3. - insônia

História Grávida de um professor - Jeon Jungkook - Capítulo 2


Escrita por:


Notas do Autor


🌙

Capítulo 2 - - insônia


Fanfic / Fanfiction Grávida de um professor - Jeon Jungkook - Capítulo 2 - - insônia

Foi um beijo calmo e delicado. Me sinto bem em beijar o moreno. É como se o tempo parasse e houvesse ventania sem fim dentro de mim.

 

- Vou te levar em casa. - Jungkook diz sonolento, ainda com sua mão em meu rosto.

- Não! Não precisa... - me assusto ao pensar na hipótese de meu pai me ver com um homem a essa hora.

- Por favor. - novamente ele repete seu ato em seu maxilar enquanto me encara. - não vou deixar você ir sozinha, está escuro e tarde.

 

Seu olhar preocupado me faz repensar.

...

É incrível como a sensação de tê-lo perto de mim faz com que eu me sinta bem e protegida. Não é algo artificial... e eu não sinto medo ao seu lado.

~

- Ah, você tem razão... em? - dou risada e o mais velho sorri, pegando minha mão. 

 

Sua mão é tão macia e quentinha. Por instinto, o fiz parar no caminho da porta, o fazendo tocar meu rosto.

Ele sequer se surpreendeu, apenas sorriu tocando sua outra mão em meu rosto.

 

- Vem cá. 

 

Lentamente suas mãos vão até minha cintura, e fechando os olhos, deito meu rosto em seu pescoço, sentindo seu calor.

 

- Vamos chegar tarde de mais... - sussurro em seu ouvido enquanto permaneço com o rosto em seu pescoço. - não consigo pensar bem e me afastar de você. Eu não devia estar contigo agora, não é? 

 

- Eu não sei oque estou fazendo agora, S/n. - ele sussurra de volta. - Quer que eu pare?  

Ao me olhar com os olhinhos quase fechados, o moreno faz carinho em meu cabelo, me deixando também com sono. 

 

- Não!

 

~

 

Depois de um breve tempo, com ambos trocando carícias, finalmente S/n se dá conta do quão tarde havia ficado.

 

- Não foi uma boa eu ter vindo, meu pai já deve ter ido dormir. - resmungo enquanto observo a hora na tela de meu celular. 

- Dorme aqui, então. 

 

Enquanto dizia isso, me segurei para não rir. 

 

- Você é doidinho! - em meio ao riso, observei atentamente a porta, simulando estar prestes a sair. - ei, cadê a chave?

 

Ao olhar para Jeon, o vejo rir de mim, indo para de trás de seu sofá, na sala.

 

- Não faço ideia... - ele cruza os braços, fazendo cara de desentendido. 

 

- Ei! - num piscar de olhos vou para cima do espertinho, caindo encima do garoto, que cai comigo encima do sofá. - mané, anda!

 

O vi ficar sério de repente, e sem entender, me dou conta da posição em que acabei caindo no moreno. 

Minhas pernas ficaram entre-abertas sobre sua cintura, fazendo certas coisas se tocarem. 

Sem jeito e sentindo minhas bochechas ferverem de vergonha, sai de cima do garoto, me sentando ao seu lado.

 

 - E-eu... eu não quis fazer isso, se você pensou que... - tento me explicar, até que de repente o garoto me pega em seu colo, quase me fazendo cair.

 

Ele encostou nossas testas por um breve momento e sorriu de maneira boba. 

 

- Quer dormir comigo hoje, senhorita S/n? - sua voz sai sem malícia alguma, me deixando mais confiante. 

- uhum. - falo baixo, fingindo não estar tímida. - não tenho escolha, né?

 

O moreno riu mais uma vez e me ajeitou em seu colo, me levando até seu quarto.

~

Ao chegarmos, ele me deitou em sua cama e foi em direção a janela, fechando-a. 

Depois disso o garoto apagou as luzes, e inquieta, me escondi de baixo de sua coberta branca, logo ouvindo seus passos próximos da cama. 

...

Meu nervosismo está prestes a me fazer explodir.

O sinto subir encima de mim, e embora o quarto escuro, ainda consigo ver seu rosto a centímetros do meu, me encarando sorrindo.

Com o coração prestes a saltar pela boca, optei por ficar imóvel, até sentir sua boca tocar meu pescoço, sem beijo e nem nada, apenas tocando, me dando arrepios com sua boca avermelhada. 

 

- Seu coração está acelerado. - sua mão toca acima de meu peito, o fazendo notar meu nervosismo. 

 

Como se ouvisse meus pensamentos, o garoto se deita ao meu lado e me faz virar para o lado, me abraçando por trás.

 

- Se sente desconfortável comigo... - ele sussurra.

 

Rapidamente viro para o garoto, o encarando. 

 

- Não tire conclusões precipitadas. Estou nervosa por você me fazer ficar inquieta. - digo enquanto o olho, e sem me esperar terminar, ele encosta seu rosto em meu pescoço, me abraçando. 

- Você é cheirosa, amor.

 

A-amor? 

 

 

Me estremeço inteirinha ao ouvir, e ele parece ter notado, ao rir de mim.

...

 

Alguns minutos haviam se passado, e enquanto tentava pegar no sono deitada sobre Jeon, o mesmo acariciava meu cabelo com o rosto em meu ombro. 

 

 

...

 

Vencida pelo calor do momento, de vagar me levanto, ficando encima de Jeon, que logo se assusta.

 

- O-oque? - sua voz soa tímida. 

 

O descubro e o encaro sem jeito, agarrando suas mãos. 

 

- feche seus olhos... - peço, e o garoto me olha mais surpreso ainda. - não vai?

 

Ele nega com seu rosto.

 

Sem aviso, me mexo lentamente sobre seu membro, que me faz suspirar ao sentí-lo já rígido. 

 

- A-ah, S-s/n! - sua voz rouca sai como um gemido, e logo o ouço arfar. 

 

Me arrependo e paro meus movimentos, até ser surpreendida pelas mãos enormes de Jeon tocarem minha cintura, me mexendo lentamente para frente e para trás.  

Seu membro fica cada vez mais ereto, e ao ouvi-lo gemer de olhos fechados me faz acelerar os movimentos enquanto mordo meus lábios para que o som de meus gemidos abaixem.

O garoto se levanta ficando sentado e me beija, enquanto continua movimentando  meu quadril com suas mãos.

~

O som de nossos beijos e nossa respiração alta preencheram o quarto. 

~

Depois de certo tempo assim, finalmente cansados, Jeon me faz deitar sobre seu peito, me abraçando carinhosamente após me dar um selinho.

Com isso, se passaram apenas alguns segundos, até eu dormir sentindo sua respiração doce próxima de minha orelha. 

 

 

 

 

 

 


Notas Finais


A versão em que tinha feito como rascunho, sequer era hot assim :D


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...