História Grávida do meu ex (Cellbit) - Capítulo 20


Postado
Categorias Alan Ferreira (EDGE), Ashley Benson, Felipe "Febatista" Batista, Felipe Z. "Felps", Flavia Sayuri, Rafael "CellBit" Lange
Personagens Ashley Benson, Rafael "CellBit" Lange
Tags Ashley Benson, Cellbit, Gravidez, Rafael Lange, Youtubers
Visualizações 94
Palavras 1.333
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Ficção Adolescente, Literatura Feminina, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura❤️

Capítulo 20 - Fired


Ainda segunda

Ele termina de me contar cada detalhe daquele dia horrível, era ate lógico o que tinha dito, dava pra perceber que a transa dos dois era meio que forçada não natural, mas era como se uma pessoa chegasse pra mim e falasse que a terra é quadrada, eu pediria provas pra ela :

-Desculpa rafa, eu queria acreditar nisso, mas não tem como, isso não apaga aquela imagem terrível da minha cabeça- Falo entrando no elevador.

Ele me segue e fala :

-Eu sei que pode ser maluco o que eu te disse, pode suar como uma desculpa idiota, mas eu não queira arriscar você.

-Me arriscar ? Rafa eu podia ter tido um aborto naquele dia, você podia ter me colocado em risco.

-Eu sei, era melhor sofrer uma vez do que milhares, você não lembra quando as minhas fãs te atacavam na rua ? Imagina você grávida, eu não queria que isso acontecesse com você.

-Rafa, eu fiquei dois anos da minha vida sofrendo disso, e mesmo assim eu te amei muito, o bastante pra estar com um fruto do nosso amor dentre do meu ventre, se eu não te amasse eu nem estaria aqui agora, eu estaria na casa do João transando.

-Eu sei que a minha escolha não pode ter sido muito inteligente, mas eu quero o bem da minha filha, você não faria o mesmo por ela ? Era isso ou fazê-la nascer prematura, eu te amo mas ela é a minha filha não quero o mal dela, você acha que eu gosto de estar com a Sofia ? Nem um pouco, eu a odeio.

-É, você está certo.

Nós ficamos em silêncio até chegar no térreo, quando saímos do elevador, Rafael me dá um selinho, ele pede passagem e eu cedo, o beijo dura até sentirmos falta de ar :

-Por favor, não faz mais, não estando mais juntos, lembra ? 

-Eu sei, não estava aguentando.

-Não faz mais isso.

Eu e ele saímos do prédio e encontramos o Alex junto com a Sofia nos esperando.

Dia seguinte 

Terça-feira 

Eu estou tranquilamente digitando um relatório até ser interrompida pela secretaria da minha chefe :

-Ela quer falar com você.

-Já estou indo- Falo me levantando da cadeira.

Pra quem está curioso com o paradeiro do João, bem ele foi promovido e está trabalhando numa sede da M.A.C em Tóquio, deve estar pegando um monte de japa. Vou até a sala da minha chefe bato na porta e ouço um grito :

-Pode entrar !

Eu entro e a encontro sentada em sua enorme mesa falando com alguém no telefone, logo quando percebe a minha presença, ela desliga o telefone e fala :

-Senta-se, preciso te falar uma coisa.

-Que foi ? Eu fiz algo de errado com o meu último relatório ?- Falo sentando na cadeira em frente à ela- Desculpa, se for isso.

-Não, como sempre seu relatório estava impecável, mas eu, nem sei como te contar isso, você é a minha melhor funcionária, mas eu tenho que demitir você.

-Por que ? Eu fui a única funcionária a bater a meta, você mesma disse que eu sou sua melhor funcionária, e eu estou concorrendo à vaga de assistente.

-Eu sei, mas é por causa de você estar grávida.

-Calma aí ! Você só quer me demitir, só porque eu estou grávida ? Você não pode fazer, isso, né ? Eu sei que eu tenho que tirar licença maternidade mas se você perceber o meu trabalho desde o início da minha gravidez está cada dia melhor.

-Sinto muito, eu fiz de tudo, eu não posso te demitir mas o me chefe quer, por mim você já seria chefe do próprio cargo mas eu não posso simplesmente fazer nenhuma escolha sem o apoio deles, eles me mandaram te convencer a se demitir- Ela arruma o coque no cabelo- Mas eles querem funcionários competentes, eles estos nem aí se a funcionária tem o direito de tirar a licença maternidade, eles só querem saber da empresa crescer, eu sinto muito.

-Tudo bem- Ela me interrompe.

-Eu sei que é muito complicado procurar emprego grávida, mas se quiser eu os convenço a te deixar na empresa.

-Não precisa, eu me demito, você já fez demais pra mim não quero que uma pessoa se ferre por mim, seria injusto, obrigada por tudo- Eu  falo me levantando e estendo a mão.

-De nada- Ela fala apertando a minha mão- Eu tenho uma amiga na Avon que vai te adorar, sério, eu tenho o cartão dela, mesmo você estando grávida com certeza ela te contrata- Ela fala me dando um cartão.

-Obrigada.

-Boa sorte, você vai precisar.

-Muito obrigada por tudo- Falo saindo da sala.

Não acredito que acabei de 'ser demitida" por estar grávida, porra eu bati a merda da meta do mês, graças a mim esses filhos da pura tiveram uma puta campanha de lançamento na sephora, bando de filho da puta. To morrendo de raiva. 

Eu vou até a minha mesa, pego as minhas coisas, que eram a minha bolsa algumas canetas e post-it's :

-Que foi que aconteceu ?

-Bem, eu fui obrigada a me demitir por estar grávida, legal né ? Uma mulher que vai parir mais um ser humano pra esse mundo é considerada fraca e incompetente, não é eles que vai ter um ser humano saindo deles- Eu falo gritando fazendo todos da sala olharem pra mim.

-Calma miga- Eu a o interrompo 

-Como eu fico calma ? Eu acabei de ser demitida, você não sabe como eu estou me sentido, não é você que está grávida que provavelmente nunca mais vai ver uma entrevista na vida- Eu grito

-Eu sei, mas fica calma você não pode ficar nervosa.

-Não ficar nervosa ? Parece bem fácil pra quem não tem um útero e nunca vai poder engravidar na vida- Grito 

Eu pego a minha bolsa e saio com todos me olhando.

             (..........)

Fiquei quase o dia inteiro comendo sorvete e assistindo filmes horríveis mais clichês que novela mexicana, entre os filmes esta filmes aonde a mulher engravida do namorado e os dois vão ter que acostumar com a vida nova, até parece que é tão fácil, por quê não foi assim como ? 

Eu estou realmente mal por ter gritado com a Jessica daquele jeito, to tão arrependida, não deveria ter a humilhado, e ainda ter revelado o maior segredo dela, o de ser infértil :

-Oi- Fala Jessica entrando em casa- Tá assistindo o que ?

-Mil desculpas por aquilo no trabalho, sério, não queria ter feito aquilo, me perdoa a mudança de humor tá me matando.

Ela senta no meu lado, me abraça e fala :

-Tudo bem, na verdade você estava certa eu não sei como é estar grávida e de ser reprimida pela sociedade.

-Mas não era razão pra eu gritar na frente de tudo mundo.

-É, mas você estava num momento horrível, que filme é esse ?

-Josephine está grávida, nunca vi um filme tão realista sobre gravidez.

-Calma aí, você está de fralda ?- Ela fala parando de me abraçar.

-Era isso ou ficar indo de 5 e 5 segundos no banheiro.

-Foi inteligente, vai fazer o que agora ?

-Bem me sustentar partir da herança do vovô, e a única coisa que me sobra, porquê procurar um outro emprego é furada.

-Você ainda guarda esse dinheiro ?

-Guardo pra emergências, dá pra sustentar eu e o bebê por uns 6 anos.

-Nossa é tanto dinheiro assim ?

-Vovô gostava de comprar ações e jogar na loteria, nunca o conheci.

-Pelo menos ele vai ajudar você, né ?

-Sim.

-Vamos tirar desse filme ? Não aguento ouvir francês.

-Vamos- Sou interrompida pelo barulho do meu celular.

Eu corro pra pegar o meu celular, era um número de um hospital eu atendo :

Ligação on :

-Boa noite você é a Anna Oliveira ?

-Sim.

-Bem eu tenho um triste notícia, seu pai está à beira da morte.

Continua................................

 

 

 

 

 


Notas Finais


Obrigada por ter lido❤️


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...