História Grávida do meu ex (Cellbit) - Capítulo 22


Postado
Categorias Alan Ferreira (EDGE), Ashley Benson, Felipe "Febatista" Batista, Felipe Z. "Felps", Flavia Sayuri, Rafael "CellBit" Lange
Personagens Ashley Benson, Rafael "CellBit" Lange
Tags Ashley Benson, Cellbit, Gravidez, Rafael Lange, Youtubers
Visualizações 80
Palavras 976
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Ficção Adolescente, Literatura Feminina, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura❤️

Capítulo 22 - New work


Ainda terça 

Eu abro a porta e entramos, eu vou até ao sofá e ele vem logo em seguida :

-A Jessica tá em casa ?- Rafael pergunta

-Tá, deve estar trabalhando- Respondo 

-Não fica assim- Ele fala colocando seu braço em volta de mim.

Eu coloco a minha cabeça em seu peito e falo :

-Nem imaginaria que o meu pai estava vivo esse tempo todo, e nem que eu que ficaria com a empresa.

-Você vai querer assumir ?

-Sim, to sem emprego e o dinheiro que tenho um dia acaba.

-Por que você não me contou sobre isso ?

-Queria que fosse pessoal que eu fui demitida por estar grávida e considerada incompetente.

-Eu sinto muito.

-Não precisar sentir, eu tava mesmo afim de me demitir, nunca fui promovida naquela merda.

-Não fica assim, a empresa que perdeu você, uma garota genial cheia de ideias geniais pra promover produtos e criar novos produtos.

-Tudo tá sendo tão rápido, a gravidez, a gente, meu pai morrendo, traição, sendo demitida, tudo tão inesperado, por quê nada da minha vida é planejada ?

-Não dizem que tudo que é inesperado é bom.

-Isso não existe.

-Eu sei, só to querendo te consolar, vamos mudar de assunto, você precisa por um sorriso nesse rosto- Ele fala soltando o braço.

-Chocolate não vai resolver isso.

-Merda, era o plano perfeito- Ele fala me fazendo rir.

-Viu ? Eu te fiz rir, pra quem estava chorando agora pouco isso é uma evolução.

-Ótimo progresso- Falo sorrindo.

Somos interrompidos pela Jessica entrando na sala :

-Olha o meu casal favorito, como foi ?

-A gente pode conversar no meu quarto ?- Falo me levantando indo até a Jessica pegando em seu braço.

Eu a levo até o meu quarto, fecho a porta e falo :

-Me diz, por quê você ligou pro Rafael não pro Alex ?

-Por favor, eu estou te fazendo um favor, vocês são o casal mais lindo do mundo, ainda mais graças a ele você tá sorrindo agora, tá brava ?

-Não, obrigada.

-Bem, e como foi ?

-Bem meu pai, não me abandonou só se afastou de mim por causa de um câncer pra me fazer feliz.

-Meu deus que triste.

-Aí, ele quer que eu fique com a empresa da família.

-Miga, você vai assumir essa empresa, né ? Sempre foi o seu sonho ter a própria marca de maquiagem, você pode criar os produtos que sempre quis criar.

-Verdade, eu vou ver se eu consigo uma vaga pra você lá.

-Sério ? Tomara que dê certo, odeio trabalhar na M.A.C, eu não te contei ? Já arranjaram uma substituta pra você, ela é uma chata muito exibida.

-Quem mandou me demitir, né ?

-Verdade.

-Vamo voltar, to morrendo de fome.

-Vamo.

Nós saímos do quarto.

Dias depois 

Segunda-feira

-Bem, você irá com tudo que era dele, a empresa, o dinheiro, os imóveis, tudo vai ser seu- Falo o advogado do meu pai lendo o testamento- Sua mãe vai ficar com o dinheiro em uma conta separada e alguns outros imóveis, seu pai deixou específico que você assumisse a empresa no mesmo dia que lêssemos o testamento, tudo bem pra você ?

-Sim pra mim tá ótimo.

-Que ótimo, bem apenas isso. Aqui está o envelope com tudo que ele te deixou- Ele fala me dando um envelope pesado- Acabamos- Ele fala estendo a mão pra mim.

Eu pego o envelope e aperto a mão dele e falo :

-Obrigada por tudo- Falo soltando a minha mão 

-De nada

Eu saio da sala e encontro o Alex me esperando :

-É aí ?- Ele pergunta 

-Tudo bem, me dá uma carona até a empresa ?

-Sim, claro.

         (.........)

Ele estaciona o carro bem em frente à empresa e eu falo :

-Quer ir comigo ?- Pergunto tirando o meu cinto de segurança.

-Se quiser que eu vá, eu vou.

-Obrigada.

Nós saímos do carro e entramos no prédio, rapidamente seguimos até a sala da presidência :

-Meu deus, esse lugar continua o mesmo- Falo entrando na sala.

A mesma mesa aonde meu pai ficava trabalhando, até mesinha que eu brincava, ele deixou do mesmo jeitinho que tinha de quando eu era criança. 

-Deve ter sido legal passar a infância aqui.

-Aquela ali era a mesa que eu ficava brincando- Falo sentando na cadeira do meu pai.

Eu rapidamente vou até a gaveta aonde meu pai guardava os lançamentos da empresa, eu tiro alguns coisas da gaveta e coloco em cima da mesa :

-Amor eu tenho que ir, meu chefe tá chamando- Ele fala mexendo no celular- Bom trabalho- Ele fala me dando um selinho.

-Obrigada.

Ele sai da sala, e eu fico sozinha. Pego um gloss, preciso conhecer o produtos da minha marca, pego um espelho na minha bolsa e passo o gloss no meu lábio, o cheiro é horrível, parece que estou passando cola nos meus lábios. Sou interrompida por uma simpática moça :

-Oi, desculpa ter entrando sem avisar, prazer eu sou sua nova secretária- Ela fala estendo a mão.

Eu a aperto e falo :

-Tudo, eu sou a Anna.

-Pelo jeito tá testando o nosso novo gloss.

-Isso aqui é horrível, parece que passei cola nos meus lábios, isso aqui tá à venda ?- Falo limpando a minha boca com um lencinho de papel.

-Vai entrar no nosso catálogo mês que vem.

-Não, isso aqui não vai ser vendido, é um desrespeito dar pro consumidor um gloss que mais cola os lábios do que deixá-los mais bonitos.

-Quer que eu avise pra melhorar a composição do gloss ?

-Por favor, fala pra colocar mais brilho e pra fazer se grudar um lábio no outro quando passado- Falo dando o gloss pra secretaria.

-Okay- Ela fala saindo da sala.

Cara finalmente eu to tendo um emprego foda.

Dias depois 

Continua............................

 

 

 

 


Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...