1. Spirit Fanfics >
  2. Gravidez do Near - Meronia e Lawlight >
  3. Extra - Lua de mel (Lemon)

História Gravidez do Near - Meronia e Lawlight - Capítulo 11


Escrita por: e Nayako-Chan


Notas do Autor


Espero que vocês gostem!!!

Se você for menor de idade, não leia... Mas espere, o que estou falando? Eu também sou menor de idade.

Capítulo 11 - Extra - Lua de mel (Lemon)


Fanfic / Fanfiction Gravidez do Near - Meronia e Lawlight - Capítulo 11 - Extra - Lua de mel (Lemon)

P.O.V Nate River Keehl

Eu e o Mihael estávamos em um quarto de hotel na França para comemorarmos a nossa lua de mel.

--- Near, que tal nós transarmos agora?

--- Você é bem direto.

--- Vamos fazer isso ou não?

--- Vamos.

--- Mas você 'tá' bêbado?

--- Não. Por que toda vez que a gente transa, você me pergunta isso?

--- Só para ter certeza.

O loiro se aproxima de mim e começa a me beijar de língua e agarrar a minha bunda, enquanto isso, eu agarro os cabelos dele. Ele me deita na cama de casal e para o beijo para tirar as minhas roupas. Depois que ele tira as minhas roupas, eu tiro as dele, sendo assim, revelando um abdômen sarado.

O chocólatra enfia o próprio bilau de vinte e sete centímetros dentro de mim com cuidado para não me machucar e começa a me comer na posição de frango assado. Eu gemo de leve enquanto ele acelera os movimentos. Depois de um tempo, eu começo a receber estocadas muito mais velozes e fortes.

--- Oh, querido... AH... AH... AH...

--- Você sempre foi muito gostoso, ovelhinha.- O Mihael dá um tapão na minha bunda deixando uma marca e me fazendo dar um pequeno gemido de dor.

--- Eu AH... não AH... sou AH... gostoso, AH... nem tenho AH...  AH... abdômen sarado AH.- Digo entre gemidos.

--- Mas tem a raba gostosa.

--- Que AH... Bom AH... Que AH... Você AH... Acha... AH... Isso AH... AH...

Três minutos depois.

--- Hora de trocar de posição. Fique de quatro.

Eu obedeço ficando de quatro e ele começa a me fuder de maneira gostosa.

--- Que AH... Delícia AH... AH...- Digo entre gemidos.

--- E vai ficar melhor ainda.

O Mello começa a me dar chupões no pescoço e a me agarrar pela cintura.

--- Eu nunca AH... tive uma AH... foda tão gostosa AH... assim AH... AH... AH...

--- Mas agora, está tendo.

--- AH... AH... AH...

--- Não importa quantas vezes eu te foda, você nunca fica arrombado. O seu cu continua sempre apertado. Como isso é possível?

--- AH... AH... Nem eu AH... Sei AH... Explicar AH... AH... AH...

Quatro minutos depois.

--- Estou cansado de fazer esforço, cavalgue.- O chocólatra diz isso se deitando na cama.

Eu começo a cavalgar no membro dele.

--- Agora, não AH... está doendo AH... como antes. AH... AH...

--- Isso é muito bom.

Um minuto depois.

--- Pague-me um boquete, meu amor.

--- Claro.

O loiro tira o próprio pênis de dentro de mim e se senta na cama. Eu me ajoelho no chão e começo a lamber a cabeça do pau dele.

--- Chupe logo.

Eu começo a chupar o meu marido, e logo depois, enfio a piroca dele no fundo da minha garganta e começo a engasgar. Ele goza na minha cara, na minha garganta e na minha boca. Ao sentir o gosto da porra dele, eu gozo também. Nós encerramos os nossos atos sexuais e nos deitamos na cama. Ele me abraça por trás e me dá um selinho. Depois de alguns minutos em silêncio, nós dois pegamos no sono.

FIM!!!

NÃO CONTINUA!!!








Notas Finais


Espero que vocês tenham gostado!!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...