1. Spirit Fanfics >
  2. Gravity Falls 3 >
  3. Chegada a Gravity Falls

História Gravity Falls 3 - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Essa história será um pouco mais pesada, tratando de muitos temas como nudez,violência, sobrenatural e muitos outros. Estejam preparados... vão precisar estar

Capítulo 1 - Chegada a Gravity Falls


Fanfic / Fanfiction Gravity Falls 3 - Capítulo 1 - Chegada a Gravity Falls

Dipper e Mabel estavam prestes a chegar em GRAVITY FALLS novamente. Dipper estava já bem mais alto com barba, e havia aprendido a tocar violão, o qual nunca andava sem, e escrever músicas baseadas em suas experiências na cidade no passado, já Mabel, havia virado cantora e viajava pelo mundo, seu principal alvo era adolescentes, e abordava temas como romance, traições e relacionamentos.

Ninguém da cidade sabia que eles estavam chegando, e isso era intencional pois queriam fazer uma surpresa. Perto da chegada Mabel vê Dipper meio tenso e pergunta:

- Oque foi irmãozinho? Parece preocupado com algo

- Não é nada Mable, só que... me pergunto como uma certa pessoa daqui está...

- Quem ? A Wendy ?

- Não... a Northwest, eu gostava dela, mas não consegui dizer a ela quando partimos.

Mabel faz um sorriso como se fosse tirar sarro dele, e é oque ela faz:

- Alguém tá apaixonado, alguém tá apaixonado...- Caçoava Mabel.

- Não me culpe..-Disse Dipper- ela era linda mas nunca havia reparado nisso.

 

Quando o ônibus para e ambos descem, eles vão caminhando em direção a cidade, mas Dipper no meio do caminho vê um lago e diz:

 

- Irmã vou ficar aqui um pouco, é um lugar que me inspira a tocar um pouco.. entende não é ?

-Claro maninho, fique a vontade vou dar uma olhada na cidade, ver se acho a Grenda e Candy. – Disse Mabel

Então Dipper tira seu violão da capa, senta-se em um pedra e olhando a paisagem em sua volta começa a tocar e cantar:

- “Vento que traz esse frio, me leve contigo para onde a luz se esconde, pra bem longe do rio... que cruzam com outros rios e levam o castigo e tormento sozinho..”. Quando escuta um barulho em uma moita e decide ir conferir.

 

Era a Pacífica, ele tinha certeza, mas ela não o reconhecerá depois de tanto tempo , e Dipper havia percebido que ela não o reconheceu, então achou melhor não contar quem era. E então perguntou a ela:

 

- Quem é você? Oque está fazendo aqui?

- N-Nada, só estava vindo pegar algumas... frutas silvestres e vi que você estava tocando e cantando... desculpe, não devia ter atrapalhado...- Pacífica estava envergonhada pois nunca havia conhecido alguém tão bonito e talentoso a esse ponto.

- Não tem problema...-Disse Dipper- oque achou da letra ? – Perguntou envergonhado...

- Era linda e tão pura... eu amei.

Quando Dipper ia revelar quem era, escutam um estrondo na cidade e gritos vindo.

- Ai meu Deus oque está acontecendo?- perguntou Pacífica assustada

- Vamos lá conferir rápido. – Disse Dipper.

Chegando lá, era um grupo de assaltantes destruindo a cidade e Dipper decide dar um fim a isso antes que causa-se mais problemas a todos, e puxou de as mochila um adaga de prata.

Pacífica ficou com medo de que ele se machuca-se e pediu para que não fosse, mas Dipper disse:

- Será rápido eu já venho, cuidado.

Mabel viu que Dipper ia parar os assaltantes e resolveu ajuda-lo a resolver o problema.

- Ei vocês seus ladrões, parem de atormentar o povo... – Disse Dipper.

- É isso mesmo seus monstros..- Acrescentou Mabel.

- E quem seriam vocês seus paspalhos nojentos..- Perguntou o ladrão

Então Dipper sorrindo disse:

- Nós somos aqueles que trouxeram paz, e resolveram todos os mistérios dessa cidade, eu sou  Dipper Pines, e ela é a minha irmã, Mabel.

Pacífica não acreditara no que ouvirá, ele estava de volta após 5 anos.

- E daí que um moleque que nem você está aqui..- O ladrão começará a tirar contra ele, os tiros pegavam de raspão, e com apenas um golpe os colocava em desmaio profundo.

Após o fim da briga Pacífica com em direção ao Dipper e diz:

- É você mesmo Dipper ?

- Sim, desculpa não ter contado... achei melhor fazer surpresa

E o abraçando com força e chorando de felicidade ela diz:

- Eu senti tanto sua falta


Notas Finais


espero que gostem


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...