História Gravity Falls no Brasil. - Capítulo 9


Escrita por:

Postado
Categorias Gravity Falls
Personagens Bill Cipher, Candy Chiu, Dipper Pines, Gideon Gleeful, Grenda, Mabel Pines, Pacifica Northwest, Stanford "Ford" Pines, Stanley "Stan" Pines, Wendy Corduroy
Tags Gravity Falls
Visualizações 13
Palavras 1.138
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Ficção Científica, Harem, Hentai, LGBT, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Shoujo-Ai, Sobrenatural, Terror e Horror, Universo Alternativo, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Desculpe-me por não ter postado nada durante a semana, mas vou voltar a frequência de antigamente.

Capítulo 9 - Guerra Contra os Gêmeos Parte 1.


Fanfic / Fanfiction Gravity Falls no Brasil. - Capítulo 9 - Guerra Contra os Gêmeos Parte 1.

Depois de váriasa reuniões com o grupo secreto de seu pai, Gideão resolve agir para destruir a família Pinheiro. Ele e o grupo secreto conhecidos como Fraternidade Branca estavam em sua 19° reunião para decidir o futuro dos Pinheiro, o que aconteceria dalí em diante dependeria do que se resolvesse alí.

-Vocês sabem do perigo que eles são para nós? Um deles tentou me levar a força lá dentro daquela casa, por sorte eu notei a arapuca e saí daquele lugar! -disse o garoto batendo a mão na mesa.

-Você não entende nada do que está acontecendo, garoto. -disse um dos membros.

-Como assim não? -perguntou Gideão.

-Stanford Pines é sem sombra de dúvidas a pessoa mais perigosa do país, se você fizer alguma coisa para ele vai acabar na vala de alguma estrada. -respondeu outro membro.

-Nem os Noroestes são tão perigosos ou mais influentes no contrabando internacional do que o Stan, se ele se machucar o morro vai ficar tingido de vermelho. -disse o líder da sociedade.

-Estão me dizendo que não podemos fazer nada? -perguntou Gideão furioso.

-Tem uma coisa que podemos fazer, mas vai custar a vida de alguém. -respondeu o líder.

-Me diga o que podemos fazer, e seja lá quem for o infeliz que eu ver na rua vai servir como sacrifício ou sei lá do que se trata. -disse o garoto.

-Vamos usar feitiçaria contra a família Pinheiro. -disse um dos membros.

Não muito longe da casa do Gideão estava a casa de uma família de agentes funerários, eles não tinham muito convívio com os outros membros da comunidade, mas eram boas pessoas.

-Roberto, venha logo querido, a janta está pronta. -disse a senhora.

-Já vou, mãe. Mas antes vou terminar de conversar com meus amigos. -disse ele do segundo andar da casa.

-Querido, o senhor Alegre ligou hoje e perguntou se poderíamos arrumar um caixão para eles, mas não fiquei sabendo de nenhum parente ou amigo deles que tenha morrido. -disse a Sra. Valentino.

-As vezes os ricos agendam caixões antes de morrerem, não precisa ficar se preocupando com isso. -disse o Sr. Valentino.

-E aí mãe, o que tem para a janta? -perguntou Roberto se sentando à mesa.

-Tem macarrão e bife de frango, fiz daquele jeito que você e seu pai gostam. -respondeu a mãe dele.

-Opa, que ótimo, espero que não tenhamos pesadelos de tanto comer. -disse Roberto dando risadas.

Antes de se servirem, o celular do jovem começa a tocar recebendo uma ligação de um número desconhecido.

-Eu vou atender e já volto. -disse Roberto.

-Vai e não demora de não a comida esfria. -disse a mãe dele.

O número desconhecido era de um membro da Fraternidade Branca, ele mandou Roberto ir até uma quadra de esportes no dia seguinte as 16:00 horas e se não fosse, a família dele iria sofrer a causa. Roberto voltou a mesa fingindo que nada daquilo havia acontecido.

No dia seguinte, Mabel e Dipper acordaram mais cedo do que entregador de jornal, Dipper resolve então investigar a vida de seu tio-avô para ter alguma informação sobre o que o garoto tinha lhe falado semana retrasada, Mabel foi conferir seu vídeo pornô no xvideos e constatou que ele já tinha mais de 780.000 visualizações.

-Mabel, você pode me acompanhar em uma jornada de investigação hoje? -perguntou Dipper segurando uma xícara de café com uma mão e na outra o diário.

-Se for algo interessante eu posso pensar no assunto. -respondeu Mabel penteando os cabelos.

-Bom, eu estou tentando descobrir sobre a vida secreta do tivô Stan, desde que aquele garoto disse que o Stan era um monstro eu fiquei obsecado em descobrir o motivo. -disse Dipper tentando convencer Mabel.

-Tá falando do garoto que você quase transou? Ele pode ter dito aquilo por causa de algum programa que pode ter feito e o tivô não o pagou, pode não ser nada de mais. -disse Mabel.

-Pode ser, mas ele ficou muito apavorado quando soube que eu era sobrinho do Stan, ele pode ser deselegante e rude muitas vezes mas não de apavorar todo mundo. -disse Dipper.

-Ou ele era maluco mesmo, afinal o que nosso tio poderia fazer de mal? -perguntou Mabel guardando a escova de cabelo.

Na parte de baixo da casa, havia um esconderijo secreto que dava passagem para 7 partes do morro, a principal delas levava até uma boca de fumo que era visitada somente por gente rica, um dos membros desse grupo secreto era Preston Noroeste, ele era um dos chefes do tráfico de armas internacional. Stan chamou então seus homens para uma reunião de emergência.

-Senhores da nossa Ordem do Sol Nascente, eu os chamei aqui para discutir sobre um caso de relevância A. -disse Stan.

-E o que seria de tão importante para classificar como categoria A? -perguntou um dos membros.

-Esse jovem. -disse ele com Soos trazendo Roberto com uma venda nos olhos. 

-Desculpe pela venda, não queria que descobrisse como e por onde entrar aqui. -disse Soos para Roberto.

-Diga-nos jovem, o que aconteceu para vir até nós? -perguntou um dos membros.

-Um grupo de pessoas está me ameaçando a mim e a minha família, eles me deram tempo até às 16:00 horas para eu ir até um armazém ou se não iriam matar minha família. -respondeu Roberto.

-E como descobriu sobre nós? -perguntou Preston Noroeste.

-Ah, tem uma placa alí fora dizendo: Sociedade do Sol Nascente, aí resolvi pedir ajuda. -respondeu Roberto.

-De quem foi a idéia de colocar uma placa lá fora? -perguntou um dos membros.

-Não foi minha. -respondeu um membro.

-Nem minha. -respondeu outro.

-Eu não sei escrever. -respondeu mais um membro.

-Bom, o que quer que faremos? -perguntou Stan.

-Quero que me ajudem a salvar minha família. -respondeu Roberto.

Na casa, Dipper e Mabel começaram a procurar por algumas pistas sobre o assunto, os dois entram no quarto do tivô Stan e revistam o lugar, mas não encontram nada.

-Eu falei Dipper, aquele menino estava doido. -disse Mabel.

-Talvez esteja certa, e eu pensando que meu tio-avô era um criminoso mundialmente procurado. -disse Dipper.

O único lugar que eles não viram foi atrás do guarda roupas menor, lá havia uma passagem secreta para o porão e era ligada aos túneis. A Sociedade do Sol Nascente decide ajudar Roberto a salvar sua família e descobrir quem ou o que era que estava para atrapalhar os planos deles.

-Mas lembre-se garoto, você terá uma dívida conosco e iremos cobrar isso um dia. -disse Preston Noroeste.

-Tudo bem, o que vamos fazer? -perguntou Roberto intrigado.

-Você vai nesse encontro que ocorrerá em 70 minutos, nossos agentes vão ficar de olho em tudo e você vai ter que fazer tudo o que esse pessoal pedir ou se não irão descobrir o seu disfarce e provavelmente vão te matar. -respondeu o subtenente da ordem secreta.

-E se eu falhar? -perguntou ele? 

-Não vai querer pensar nisso, vai por mim. -respondeu Soos.

Depois de horas se preparando para o encontro que definiria sua vida, Roberto foi para casa se arrumar e tomar o café da tarde um pouco mais cedo porque poderia ser seu último.


Notas Finais


E é desse jeito que termina o capítulo, se você gostou eu aqui fico lisonjeado e até o próximo.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...