História Gruvia- Cold Water - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fairy Tail
Personagens Aquarius, Aries, Bickslow, Bisca Connell, Cana Alberona, Câncer, Capricórnio, Carla (Charle), Droy, Elfman Strauss, Erza Scarlet, Evergreen, Gajeel Redfox, Gildartz, Gray Fullbuster, Happy, Horologium, Jellal Fernandes, Juvia Lockser, Laxus Dreyar, Levy McGarden, Libra, Lisanna Strauss, Loki, Lucy Heartfilia, Lyon Vastia, Makarov Dreyar, Mavis Vermilion, Meredy, Mest, Mirajane Strauss, Mystogan, Natsu Dragneel, Pantherlily, Personagens Originais, Pisces, Scorpio, Silver Fullbuster, Tauros, Taurus, Ultear Milkovich, Ur, Virgo, Wendy Marvell, Zeref
Tags Gale, Gruvia, Nalu
Visualizações 65
Palavras 1.217
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Fantasia, Ficção, Ficção Adolescente, Hentai, Luta, Magia, Poesias, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Cap novo aqui, já vou logo dizendo o próximo cap não vai ser a parte dois é um cap futuro, enfim, espero que gostem

Capítulo 2 - I Can't Say I'm In Love - Parte 1


*Juvia On*

-Bem... Tudo começou quando eu nasci, o começo do inferno

-Pera, mas já?- Disse ele confuso

-Espera...-Disse lançando um olhar intimidador-Bem, segundo meus pais eu nem deveria ter nascido, eles queriam ter só um filho, aí tiveram meu irmão, mas aí foram inventar de transar sem camisinha e Tanã eu nasci

-Eles deveriam ter orgulho...-Disse ele, a olhando diretamente nos olhos

-Porque teriam? Eu sou a decepção da família, não faço nada certo, causei a morte deles todos, me culpo todos os dias, não consigo fazer nada direito e sou depressiva

-Você causou a morte deles?

-Sim, inventei de querer viajar pros Estados Unidos em intercâmbio e eles vieram me visitar no final do ano... Morreram num acidente de avião, todos os 3... Eu sou a culpada de tudo

-Você não tem culpa de nada, Juvia-Dizia, fazendo carinho em meus cabelos

-COMO VOCÊ PODE DIZER ISSO?-Disse já aos prantos

-Porque eu sei como é isso

-NÃO SABE, VOCÊ NÃO SABE COMO É SER CHAMADO DE ABORTO MAL SUCEDIDO, DE PUTA, SABER QUE SEUS PAIS MORRERAM TE ODIANDO, VOCÊ NÃO SABE

No mesmo instante ele sobe na cama, se deita ao meu lado e me abraça, fazendo carinho em mim

Juvia In: AEEEEE PORRA TO RECEBENDO CARINHO DO GRAY SAMA

Juvia out: calada

Autor: SE BEIJEM

-Gray-Sama...

-Calma, não me importo se é tudo culpa sua ou não, eu meio que te entendo, também não deveria ter nascido, logo após que nasci, minha mãe foi morta pelo meu pai, ele me enviou pra casa da minha mestra Ur, cresci com ela até ter uns 10 anos, e então a porra de um demônio matou ela-Dizia ele, já começando a chorar-Na minha frente, então comecei a vagar por aí até que consegui uma bolsa aqui e bem aqui estou eu agora... Sendo o motivo do fim da minha família

-Gray, não chore, por favor...-Disse secando suas lágrimas

-Juvia, eu contei essa história pra você pra que perceba que eu te entendo, e eu posso te ajudar, não só posso como irei te ajudar, vou te tirar dessa tristeza toda, nem que seja a última coisa que eu faça

Nessa hora... Nesse exato instante, meus olhos brilhavam, um sorriso bobo se montou em meu rosto, não conseguia dizer nada, então em agradecimento, eu o dei um selinho, logo após perceber o que eu fiz eu corei, virando o rosto

-Obrigada Gray-Sama

-Juvia, não me agradeça, gosto de ajudar as pessoas, no fundo toda pessoa tem uma salvação e eu quero ajudar tudo e todos, principalmente meus amigos, esses são os primeiros a serem ajudados, porque eles são as pessoas mais importantes que tenho agora, e você é uma delas

Autor: Vai desmaiar em 3...2...1...

Inner Juvia: EU SOU IMPORTANTE PRO GRAY SAMAAAAAA

Juvia: Desmaiada

*Gray On*

-Juvia...-eu sorri, me deitando ao seu lado, abraçando-a

A Juvia... Não esperava que ela tivesse passado por tanto, ela teve uma vida difícil... Todos tivemos, pois bem, eu vou salvá-la dessa escuridão completa, mostrar a vida pra ela com outros olhos, a farei sorrir, nem que eu morra por isso, mas eu o farei

*Time Break 18:00*

*Juvia On*

Acordo com Gray-Sama abraçado em mim, quase desmaiei novamente, ele estava acordado, fazendo sons ritimados com a boca, como se fosse uma música

-Gray-Sama​, que música é essa?

-Hm? Já acordou?

-Quanto tempo estive dormindo?

-Uns 15 minutos, mas nem parecia

-Nossa, achei que tinha dormido mais que isso

-Tô zuando,você dormiu umas 3 horas

-3 HORAS?!

-Pois é, são seis da noite agora-Pego meu celular e encaro o mesmo

18:02

-Mas que maravilha-Digo olhando fundo nos olhos do Gray-Sama (Lindos como sempre)

-Vê se não desmaia de novo- Disse ele sorrindo, retirando a camisa, literalmente, num piscar de olhos

-COMO VOCÊ FAZ ISSO?

-Isso o que?

-Tirar a camisa nessa velocidade

-Nada demais, com um pouco de treino você consegue fazer isso também

-Porque eu ia querer tirar minha camisa do nada?

Inner Juvia:EU TIRARIA SÓ PRA VOCÊ GRAY-SAMA

-Sei lá-Disse ele

-Eu não sou puta não Gray-Sama

-Pode me chamar de Gray, Juvia

-Oh... Ok Gray-Sa.. Gray

-Human...Rag N' Bone Man

-Que?

-A música

-Ah, entendi, posso te recomendar uma?

-Claro, coloca aí-Disse ele me entregando o celular

Meu Deus eu não achei que ele fosse entregar mesmo o celular, ta deixa eu pensar, já sei, vou jogar uma pequena indireta

-Tem uma banda, que eu gosto bastante de Pop Rock, o nome dela é R5...

-Nunca ouvi falar

-COMO ASSIM?!

-Nunca ouvi falar-Disse ele na maior naturalidade do mundo, olhei em seus olhos com uma cara de espanto, logo depois olhando pro celular e começando a procurar pela música no YouTube

-I... Say.... Love R5- Dizia enquanto digitava, procurando pelo vídeo que tinha a letra

-Esse aqui-Disse clicando

-I Can't Say I'm In Love?- Disse ele olhando seriamente pra mim, acho que ele captou a referência

-É, ela tem uma pegada mt foda, eu amo essa música

Inner Juvia: NÃO É SÓ A MÚSICA

-Ok, toma aí, vamos ouvir juntos-Disse ele me entregando o lado esquerdo de seu fone de ouvido... CRISTAL? COMO QUE EXISTE UM FONE DE OUVIDO DE CRISTAL?! QUERO UM!

Coloco o fone e a música começa, eu começo a balançar os meus pés, olho pro Gray-Sama e ele estava balançando a cabeça, parecia ter gostado do ritmo, no refrão o vejo imitando uma guitarra, começo a rir e ele me olha, rindo junto, parecíamos dois retardados rindo, tivemos que pausar a música pra gente não perder um segundo, quando terminamos de rir, disse

-Ô guitarra humana, para de graça e escuta a música- Disse soltando gargalhadas

-Tá,me desculpa- Ele riu, que risada sexy meu Deus, QUE HOMEM SEXY

Continuamos a escutar a música, quando acabou, nós nos entreolhamos, senti uma leve vontade de beija-lo, mas não o fiz, ele me olhou diretamente por um tempo, dizendo

-CARALHO QUE MÚSICA FODA, ESSA É A ESSÊNCIA DO POP ROCK

-Tá empolgadão-Disse, nós dois rimos

-Juvia, me mostra outras músicas dessa banda?

-Claro que mostro, Gray-Pego o celular novamente, dessa vez escolho Lightning Strikes, e foi assim a noite toda, ficamos escutando músicas do R5, ele parecia ter gostado de todas, já que pediu o nome delas, e ainda disse que a favorita dele (entre todas as outras que ele gostou) tinha sido I Can't Say I'm In Love, porque ele achou legal o estilo da música, parecendo ser algo ao vivo, palavras dele, quem sou eu pra julgar o contrário, passado um tempo vejo que ele dormiu, me deito ao seu lado, retirando nossos fones e guardando o celular dele junto aos livros em sua estante, com cuidado para não acorda-lo sem querer, então o abraço, e sussurro

-Eu te amo, Gray, queria que você percebesse isso...

E então dormimos de conchinha, melhor dizendo eu basicamente desmaiei, TÔ DORMINDO COM O GRAY-SAMAAAAAA EM MEUS BRAÇOS

ISSO É UM SONHO, ENTÃO NÃO ME ACORDEEEEE

*Time Break 6:00*

*Gray On*

Que música, sério amei ela, puta música foda, mas eu acho que ela me mostrou essa música como uma indireta, se for ela acabou de comprovar os rumores, ela está afim de mim... não acho isso ruim, só acho estranho alguém se apaixonar por mim

Acordo com Juvia abraçada em mim, me mexo com cuidado pra não acorda-la, sem sucesso

-Bom dia Gray

-Bom dia Juvia, pode ir tomar banho primeiro, vou aproveitar​ e baixar as músicas de ontem

Dito isso, ela vai tomar banho e demora o exato tempo que eu demoro pra baixar as músicas, quando ela sai, levo meu celular pro banheiro e dou play na playlist R5 criada a segundos atrás

-P-Paranoiaaaa

-Sim, Ross Lynch, canta mais aí que tá bom, tua voz é linda

Corei e respondi

-O-obrigado

Termino de tomar banho, escovo meus dentes e saio do banheiro já pronto

-Vamos?

-Vamos!- Disse ela, saindo do dormitório


Notas Finais


É isso aí gente, espero que tenham gostado, I love ya'll 💙


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...