História Guardiões - Capítulo 4


Escrita por:


Capítulo 4 - Tzimisce


Fanfic / Fanfiction Guardiões - Capítulo 4 - Tzimisce

      após meses depois, do incidente
a acede dos filhos da noite é atacada por vampiros, e por ter pego todos de surpresa, muitos morreram, filiium protege o máximo de seus companheiros possiveis leva todos os sobreviventes, para um local escondido, porém em questão de segundos, a porta se transforma em pó, e misteriosamente a cinzas começam a se levantar, e tomar forma de algo que parece um demônio, auto com três asas e duas garras em suas costas, sua carne era podrida, e seus olhos eram sem vida, alguns de seus osso, eram expostos, um ser tão medonho, e assustador, que perecia, ter saído de um pesadelo, filiium deparado com tal ser em sua frente, não teve outra reação ao não ser, ficar completamente paralisado e aterrorizado, então ele se curva, e implora para que o ser mate ele e deixe seus amigos viverem, e em pouco tempo o ser medonho, vai tomando uma forma, mais comum, até que se revela, se ninguém menos que Orfeu, filiium confuso pergunta como é possível, então Orfeu caminha bem devagar em direção a ele se abaixa segura em seu queixo e susurra
- Eu sou o lendário tzimisce
no momento que diz isso ele sente filiium ficar trêmulo e  vê sua pele ficar pálida, e diz
- pela sua reação acho que você sabe o que é
- o que é o que: interrompe um elfo
- o tzimisce, toda geração de vampiros, tem um vampiro que erda um pouco dos poderes de vosso pai, e tem a capacidade de superar, qualquer outro vampiro: responde Orfeu.
    E em seguida, arranca a cabeça do elfo com apenas um movimento, e então filiium começa a gritar, desesperado, e com raiva, e logo Orfeu estende sua mão e diz
- Junten-se a mim ou terão o mesmo destino que ele.
   E a assim fizeram em questão de segundos todos os sobreviventes estavam ajoelhados perante, a um demônio, que após fazer todos se renderem a ele, Orfeu diz: não trabalho com traidores, e mata todos, com apenas um movimento de braço, e então joga filiium nós corpos, e diz
- Eu lhe amaldicou, a partir desse momento, todas as vezes, que dormir, se transformar em lobo, ou fechar os olhos se quer ,você se lembrara de todos seu amigos sendo mortos um por um, e não terá mais controle de suas ações.
    E desaparece em meio a escuridão da noite, assim que Orfeu sai, filiium se levanta, e começa a chorar, segura o corpo de um de seus companheiros o no memento em que fecha os olhos a cena repassa em sua mente, e se transforma em lobisomen, porém desta vez ele está descontrolado, ele se torna um animal que devora tudo e todos em sua frente, até mesmo o corpo de seus companheiros mortos,e ao recuperar a consciência, está nu preso em um jaula, e ao olhar para seu próprio corpo percebe que está cheio de sangue, então ele tenta correr até as grades porem ele cai, pois a uma corrente prendendo seu pé, e ao cair ele começa a gritar, até que um guarda orc aparece, e diz o que avia acontecido, e explica, que na noite passada filiium avia matado, centenas de cidadões de bem inclusive crianças, e que aquilo avia aberto os olhos do pai de todos, e que a partir de agora todos os lobos deveriam ser procurados, e presos, para a segurança de todos.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...