1. Spirit Fanfics >
  2. Haikyuu!!: Meu Pequeno Neko (Kuroken) >
  3. Capítulo XII; Tudo por você

História Haikyuu!!: Meu Pequeno Neko (Kuroken) - Capítulo 13


Escrita por:


Notas do Autor


FINALMENTE, sim estou lançando antes de começar oficialmente a segunda feita por que eu quero tirar uma folga pra mim de uma semana. Eu to precisando por que ando muito cansada ultimamente e essa semana desceu pra mim e quando isso acontece eu tenho muito bloqueio criativo por causa da TPM então vou tirar um tempinho pra mim.

Mas semana que vem eu volto com tudo normalzinho pra vocês e coisas novas.

Nesse capítulo eu acabei dando um spoiler do que vai acontecer na próxima fase da fanfic.

Enfim espero que gostem e tenham uma boa leitura.

Capítulo 13 - Capítulo XII; Tudo por você


Fanfic / Fanfiction Haikyuu!!: Meu Pequeno Neko (Kuroken) - Capítulo 13 - Capítulo XII; Tudo por você

Kenma estava sabendo do que havia acontecido no banheiro com hinata, e estava curiosa. MUITO curiosa. 



Viu que o ruivo havia saído junto com kageyama do banheiro e sorriu, os dois se despediram e shoyo entrou dentro de sua barraca. 



— Ai meu deus do céu, minha bunda ta doendo... - Falou se sentando no chão e terminando de ajeitar seu cabelo curto alaranjado. 



— O que tá doendo ? - Kenma apareceu na barraca de repente assustando o mais novo que deu um pulo. 



— JESUS... pelo amor de deus, não me assusta assim. - colocou sua mão sobre seu peito e suspirou aliviado. 



— Eu não sou jesus sou a kenma.. - Olhou para ele com semblante sério. - Mas me diz o que tá doendo ? 



— Minha bunda.. 



Kenma riu, na verdade, berrou, não conseguiu segurar o riso escandaloso que estava segurando fazendo com que o ruivo a olhasse com cara feia. 



— Ta engraçadinha hoje né? Ta com o patati e o patata enfiado no cu ? Ou tá com o circo de soleil todinho aí ? - Olhou pra ela com cara feia fazendo a meia loira rir mais. 



— Quem é patati e quem é patatá ? 



— Sei lá, um colega meu me mandou por mensagem e eu gostei. 



— Ai ai shoyo, um dia você me mata viu, mas enfim.. - Secou as lágrimas de seu rosto e o olhou séria, deixando o ruivo confuso. - Você usou camisinha.. ? 



— Era pra usar ? - Perguntou igual um completo idiota, fazendo kenma bater em sua própria cara. 



— Tinha sim, sua anta.. 



— Aaah, a lindona vai falar de mim agora, mas e você usou ? 



— Não.. - Falou com tranquilidade mas logo lembrou, que já havia se passado um mês, ela tinha menstruado pela primeira vez no mês passado mas sua menstruação ainda não tinha descido e pelo que estava contando estava em tempo de ovulação. - Shoyo... eu não usei camisinha. 



— E daí? - Demorou para o ruivo entender, mas quando entendeu levou as mãos até a boca a olhando em total choque. - Você tá muito na merda... 



— Pai nosso que estás no céu, eu nunca te pedi nada.. - Passou as mãos no rosto nervosa. 



— Agora chama por deus né? Mas na hora de dar não pensou nem um minuto sequer na consequência. - Cruzou os braços olhando para a loira. - Não tem como tomar pílula  ? 



— Você tá sabendo dos assuntos em garoto. 



— Eu gosto de biologia... 



— Não tem como eu tomar pílula, porque se eu não me engano é até vinte e quatro horas e a gente fez isso ontem. 



— Ai a merda já tá pronta... 



— Meu deus o que eu faço.. ? 



— Olha eu não sei, pelo o que você me disse sobre seu corpo novo, você disse estava o que mesmo? 



— Ovulando..



— Então tem uma possibilidade grande, mas se tiver sorte, pode ser que não. - Shoyo só deixou a loira mais nervosa ainda, que a essa altura estava suando frio. - Só te digo uma coisa, vai na sorte..



— Que belo conselho em shoyo. - Olhou para o ruivo irritada. - Eu só espero que isso não aconteça.. 



— Você disse que queria dar um passo na sua relação com o kuro, mas se isso acontecer não vai ser um passo… vai ser um pulo no precipício. 



— Shoyo.. você não está ajudando. 



*** 



Depois da conversa que teve com o ruivo, não pregou o olho, estava na barraca junto com kuroo. Os dois estavam dormindo juntos de um jeito muito confortável. O moreno estava com a cabeça apoiada sobre o peito da loira, que fazia carinho enquanto pensava. 



— Carinho bom.. - Sussurrou kuroo, fazendo kenma sorrir minimamente, porém ela suspirou cansada por estar pensando demais e isso deixou tetsuro preocupado. - Lindinha, o que foi ? Está tudo bem? 



— Mais ou menos.. - Kuroo se levantou para olhar para o rosto da loira. - Kuroo, eu posso te fazer uma pergunta ? 



— Claro que pode gatinha.. 



— E se eu.. engravidasse assim sabe ? O que você iria fazer ? É só uma pergunta retórica. - O lado bom, era que tetsuro era meio lerdo para esses assuntos, se não já teria percebido. 



— Eu iria cuidar de você obviamente, e da criança também. - Se deitou novamente sobre o peito da loira e abraçou fortemente. - Eu faria de tudo por você kenma.. 



— Seu gato meloso! - Colocou a mão sobre o cabelo moreno do mais alto que sorriu novamente pelo carinho. 



*** 


A viagem havia acabado, finalmente kenma iria para casa, estava completamente cansada. 


— Aah! Eu vou sentir muito a sua falta kenma.. - Abraçou a loira chorando. - Você vai me ver qualquer dia desses né? 


— Vou mandar mensagem pra você sempre que eu puder. - Olhou para shoyo sorrindo. - Mas se eu fosse você ficava aproveitando o tempo com o seu namorado novo. - Apontou para kageyama que olhava a cena emburrado, fazendo com que o ruivo ficasse levemente corado. 


— Você deveria tomar mais cuidado, isso sim hinata. - Viraram para ver quem era, e viram a figura de akaashi e de bokuto que também veio se despedir. - Eu ouvi tudo... 


— Tudinho mesmo ? - Corou fortemente.  


— Sim..


— Desculpa, akaashi-san. 


Keiji sorriu abanando a cabeça em negação e logo depois se despediu de shoyo e kenma junto com bokuto. O platinado já havia se despedido de kuroo que estava neste momento trocando farpas com daichi. 


Kenma se aproximou e puxou kuroo pela orelha. 


— Vamos lá rei das provocações, temos que ir para casa.- Virou para trás e abanou a mão em despedida para daichi e sugawara que estava próximo, sendo retribuída com o mesmo gesto pelos dois. 


Após todos se despediram e entraram nos ônibus, os ônibus saíram para voltar com todos. 


Estavam completamente cansados, principalmente kenma que estava dormindo sobre o ombro de kuroo enquanto o mesmo fazia carinho e sorria olhando para o rosto da meio loira que estava completamente tranquila. 


Depositou um beijo na testa da mais baixa e sorriu. 


— Eu faria de tudo por você kenma... 




Notas Finais


Eu não resisti e coloquei um meme br no meio da ficKkkkkkk desculpa. É que é muito bom kkkkk

Enfim, espero que tenham gostado e até semana que vem!! Vejo vcs na segunda que vem.

Boa noite 👁👄👁💕


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...