História Hallucination - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Os Vingadores (The Avengers), Thor
Personagens Loki, Thor
Tags Guerra Infinita, Loki, Marvel, Oneshot, Sadfic, Thor, Thorki
Visualizações 150
Palavras 1.067
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), LGBT, Yaoi (Gay)
Avisos: Homossexualidade, Incesto, Spoilers
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


É minha primeira vez escrevendo algo do tipo, não me matem hehe.

Capítulo 1 - Único


When you are with me

(Quando você está comigo)

I'm free... I'm careless... I believe

(Eu sou livre...Eu sou despreocupado...Eu acredito)

Above all the others, we'll fly

(Acima de todos os outros, nós voaremos)

This brings tears to my eyes

(Isso traz lágrimas aos meus olhos)

My sacrifice

(Meu sacrifício)

[...]

Thor havia perdido sua única família, seu único amor, sua única esperança. Loki, havia sido assassinado por Thanos.

O loiro sentia-se vazio, sem nenhuma vontade de viver. Os dias já não eram mais encantadores sem os belos sorrisos do irmão, não os irônicos, os verdadeiros que conseguia arrancar nos momentos mais descontraídos deles. Loki estava melhorando, já não o tratava mais com indiferença, estava começando a se abrir e demonstrar seus sentimentos.

Sentia falta das piadas e brincadeiras que o moreno vivia fazendo consigo. Se lembrava da última travessura, foi poucos dias antes de sua morte. Loki substituiu o shampoo com cheiro de frutas vermelhas, por tinta azul. Thor tomou um susto quando saiu do banho e seus fios dourados, estavam azuis e desgrenhados.

Thor sentia falta do corpo pálido do irmão junto ao seu, num abraço singelo e quente. Eram raros os momentos em que demonstravam os afetos de tal forma, mas estavam se tornando cada vez mais frequentes após todo o acontecimento do Ragnarok.

[..]

I'm looking down now that it's over

(Estou olhando para baixo agora que tudo acabou)

Reflecting on all of my mistakes

(Refletindo sobre todos os meus erros)

I thought I found the road to somewhere

(Eu pensei que havia encontrado à estrada para algum lugar)

Somewhere in His grace

(Algum lugar na sua graça)

I cried out heaven "save me"

(Eu clamei aos céus “Me salve”)

But I'm down to one last breath

(Mas o que me restou foi um último suspiro)

And with it, let me say

(E com ele, me deixe dizer)

Let me say

(Me deixe dizer)

Hold me now

(Me segure agora)

I'm six feet from the edge and I'm thinking

(Eu estou à seis passos do precipício, e eu estou achando que)

Maybe six feet

(Talvez seis pés)

Ain't so far down

(Não sejam tão distantes assim)

I'm so far down

(Eu estou tão distante)

[...]

Às noites pareciam infinitas, o frio parecia se instalar todas as vezes que o loiro deitava, afinal já não tinha mais o corpo quente do irmão ao seu lado para ajudar à aquece-lo durante à gélida noite.

Os dias eram mais longos do que o normal. Thor já não tinha mais um passatempo como observar Loki enquanto ele praticava seus feitiços ou estava concentrado em um livro qualquer.

A vida se esvaia de seu corpo aos poucos, o loiro morria por dentro mas ele tinha que continuar à viver. Tinha que vingar o irmão e seu povo, precisava ser forte para matar Thanos. Mas onde encontraria forças? Sua fonte de energia havia morrido. Estava perdido...

- Eu só queria te ver, pelo menos mais uma vez...- Thor suspirou enquanto segurava a única coisa que havia guardado do irmão, uma de suas adagas mágicas. Loki às havia conjurado quando fora enfrentar Thanos, mas quando foi pego e asfixiado pela enorme mão do Titan, elas caíram. O loiro só conseguiu recuperar uma e a guardava consigo.

- Eu estou aqui, querido irmão.- A voz do moreninho ressoou no ouvido de Thor. – Sempre estive e sempre estarei.

- Loki? – Olhou para o lado vendo a bela figura ali. O branquelo de cabelos negros perfeitamente arrumados. O irmão estava ali. – Não... Você morreu, eu vi.

- Sim, eu morri. Mas eu também estou aqui. – E Loki levou à mão para o próprio peito, indicando o coração, logo se abaixando e colocando a mão gelada no coração de Thor.- No seu coração sentimental. – Aquele sorriso. O tão belo sorriso que Thor tanto amava. Era como o seu raio de sol num dia nublado.

- Eu ainda me juntarei à você, irmão.- Tentou tocar o corpo do irmão mas sua mão passou direto, era como um fantasma. – O Sol brilhará sobre nós dois novamente irmão, você mesmo disse isto. – E Loki realmente havia dito, pouco antes de seu destino terrível.- Iremos reinar juntos em algum lugar, ou caminhar lado à lado em Valhalla.

- Irá irmão, não se preocupe e não chore mais por mim. – E aos poucos Loki foi se afastando.- Eu te amo, querido irmão. – E o moreno simplesmente desapareceu. Thor havia tido mais uma alucinação.

- Eu...te amo... – Uma gota de sangue escorreu quando sem querer Thor abriu um pequeno corte no dedo, feito com a adaga de Loki.

O loiro levou o dedo até a boca, sugando o sangue e se levantando. Caminhou até a janela e sorriu triste. A noite estava serena, gelada e o céu só possuía uma estrela. Thor acreditava ser Loki, o observando de Valhalla e o guiando aqui na Terra. Uma lágrima escorreu.

- Sinto sua falta irmão... Se ao menos eu pudesse ter lhe contado tudo o que eu sentia. Se ao menos eu pudesse ter tocado teus lábios com o meu, por uma única vez. Se ao menos... Eu te tivesse ao meu lado novamente.- Com os olhos azuis marejados, Thor deixou um risinho tristonho escapar. Novamente estava conversando com à única estrela que podia ver no céu todas as vezes. Novamente estava imerso na tristeza de sua perda. – Irei vinga-lo e nós iremos prosperar. És uma promessa, irmão.

Permaneceu olhando para o céu por longos minutos, o frio estava começando a ficar insuportável mas sentiu algo, uma coisa que lhe fez se sentir seguro e de certa forma, deixou sua mente em paz. Foi um simples toque quente em seu ombro, mas aquele toque era único. Somente Loki o tocara daquela forma. Sabia que se virasse para trás não veria ninguém, mas naquele instante pode perceber que mesmo morto, seu irmão sempre estaria consigo. Não iria mais se sentir sozinho, quando as lágrimas caíssem se lembraria que o moreninho estaria ali para seca-las.

Thor estava protegido. Loki jamais o abandonaria. O amor que um sentia pelo outro, superava até mesmo as barreiras da morte. Seus corações estavam ligados, mesmo que um deles tivesse parado bater. Nunca deixariam de ser Thor e Loki, os filhos de Odin. Jamais seriam apenas um, o loiro e o moreno nasceram para ficarem juntos.

Os dois nasceram para se amar e seria assim pelo resto da eternidade.


Notas Finais


Então, o que acharam? Eu to bem insegura pra falar a verdade.
Gente, para quem quiser estar me acompanhando nas redes sociais, eu vou deixar meu Instagram aqui. @unicornwang_


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...