1. Spirit Fanfics >
  2. Halo - .enidya >
  3. Bônus.

História Halo - .enidya - Capítulo 2


Escrita por:


Notas do Autor


Resolvi fazer um bônus, que na verdade, já pensei enquanto escrevia o capítulo umKKKKK.

Vai ter sobre o bilhetinho, cachorro e sla o que mais.

Capítulo 2 - Bônus.


Fanfic / Fanfiction Halo - .enidya - Capítulo 2 - Bônus.

                      Bilhetinho?


                  P.O.V  Maggie.


Havia acordado no meio da noite, me sentindo meio mal. Resolvi ir chamar Enid para conversar um pouco comigo, geralmente era Jesus quem fazia isso, mas... Enfim, fui até o trailer da mais nova e a porta estava trancada.

Nela tinha um bilhete que dizia:


MAGGIE, Acordei estranha de noite o Daryl veio falando que a Lydia foi levada. Então saímos atrás dela, mas não se preocupe, nós vamos voltar, e com a Lydia!

Ah! Você sabia que Daryl tem um cachorro? Não sei por quanto tempo dormi, nem notei o animal com a gente.

- Enid.                              =)


Terminei de ler o bilhetinho, e ri comigo mesma, só a Enid mesmo, a garota era como o alívio cômico que precisávamos.

Voltei para a cama e dormi novamente.



        Escolha um nome direito!


                  P.O.V  Daryl.


Quando estava na floresta, havia adotado um cachorro e decidi nomea-lo como Cachorro.

Não tem nada de errado, mas Lydia cismou que iria criar um nome melhor.


- NÃO EXISTE CACHORRO CHAMADO CACHORRO. - Ela disse já estressada.

- EXISTE SIM, O MEU.

- NOSSO. - Ela corrigiu.

- ENTÃO ESCOLHE UM NOME MELHOR.

- TA BEM... - Ela ficou pensativa. - Scooby?

- É sério? 

- Totó?

- Lydia, eu vou te deserdar.

- Rex?

- Céus...

- Então Scooby né?

- Vai continuar sendo cachor-.  - Daryl foi interrompido por Carl.

- Daryl, você chama de Cachorro e Lydia, você chama do que quiser, pronto, ninguém aguenta mais. - Disse e saiu, apenas. O olhei ir embora.

- Eu ainda vou cortar o cabelo do moleque.

- Deixa o cabelo dele pai.


            Respeita minha filha.


                   P.O.V  Enid.


Lydia estava na cozinha preparando algumas coisas, cheguei por trás e deixei um beijo no pescoço da mais nova, que se arrepiou. Me afastei e dei um tapa estalado na bunda da menor, que deu um pulinho.


- Respeita minha filha. - Disse Daryl aparecendo do nada, assustando nós duas.

- PAI! 


                   MEU CABELO!


                     P.O.V  Carl


Estávamos em combate, os inimigos usavam apenas espadas. Eu tinha um leve receio, porquê, 1- espadas dão medo e 2- espadas cortam cabelo facilmente.

Um dele tentou me acertar mas desviei, por fim, Henry o acertou, só faltava ele.


- Pronto, conseguimos... - Disse vitorioso.

- Ahm... - Henry murmurou me olhando assustado. - Carl.

- O que? 

- Como ele ficou da última vez que cortaram o cabelo dele? - Henry sussurrou para Daryl que acabara de aparecer.

- Uma fera. -  Respondeu Daryl.

- Meu cabelo? Que ? Como assim gente? - Disse passando a mão pelo meu cabelo, entrando em choque. - O MEU CABELO! QUEM FOI?! - Perguntei já pronto para abater o desgraçado invejoso do meu cabelo lindo.

- Carl... Já matamos ele.. - Disse Henry.

- QUEM FOI?

- Mas Carl..

- Esquece Henry, ele vai ficar assim pelas próximas horas...





Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...