1. Spirit Fanfics >
  2. Happy Birthday, Bubu >
  3. Happy Birthday!

História Happy Birthday, Bubu - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Olá quareteners

Vamos mimar o aniversariante do dia?
Lee Taeyong é uma pessoa muito especial tanto nos palcos quanto fora deles. Mesmo não sendo o meu utt, eu tenho um carinho e uma admiração enorme por ele e, devido aos últimos acontecimentos com ele, senti a necessidade de no dia de hoje, escrever um mimozinho de aniversário para ele.
Essa one não é só minha, ela é também de toda NCTzen que também admira e ama esse garoto precioso!

Espero que gostem.

Só um recadinho:

↳ A fic é totalmente hétero! Se não gosta, não leia e deixe quem goste se divertir! Eu tenho uma markhyuck bem amorzinho no meu perfil, é só achar lá!

↳ Caso queira dar uma chance, espero que goste!



No mais, atenção sempre nas notas finais <3

Feliz Aniversário, Tae ♥

Capítulo 1 - Happy Birthday!


Fanfic / Fanfiction Happy Birthday, Bubu - Capítulo 1 - Happy Birthday!

Taeyong precisava descansar o corpo e a mente. Eram inúmeras promoções, apresentações e ainda tinha a mídia mexendo com assuntos os quais já eram para ter sido enterrados e ele não tinha culpa.

A empresa decidiu levá-lo para um resort afim de que ele pudesse descansar. E claro, eu estaria lá. Taeyong precisava de mim. Eu não poderia aproveitar o belíssimo lugar ao lado dele como um casal e ficaria trancada em seu quarto. Não podíamos arriscar mesmo sendo proibido o uso de maquinas fotográficas, mas eu não ligava! Taeyong saberia que no fim dia, eu estaria esperando por ele para relaxá-lo de todas as formas.

-Jagyia... – ele disse manhoso me puxando para perto dele numa conchinha gostosa. – Você sabe que dia é amanhã? – senti sua risada contra a minha nuca.

Taeyong só era um big boss nos palcos. Fora dele, era mega carinhoso, todo manhoso e eu, claro, na resistia a nenhum de seus aegyos.

-É claro que eu sei. – me virei para ele lhe beijando a ponta do nariz. – É seu aniversário! – sorri. – Não tive tempo de lhe comprar um presente. – fiz um pequeno bico.

-Não precisa, jagyia! Você é o meu maior presente! – ele sorriu apaixonado me deixando um beijo suave nos lábios.

-Podemos fazer algo amanhã, o que acha? – perguntei lhe deixando vários selares pelo seu rosto.

-Você quer arriscar sair deste quarto? – disse pensativo. – Sabe que, já me reconheceram aqui.

-Falo de ficarmos por aqui mesmo, o que acha? – sugeri. – Agora se quiser passar o dia fora, eu vou entender afinal, o resort tem várias atrações. No final do dia, eu estarei aqui sabe disso! – sorri.

-Topo o que você quiser. – ele sorriu. – Só quero estar com você! – me beijou novamente. – Preciso de um banho. – ele levantou da cama. – Quer vir comigo? – olhou-me sugestivo.

-Vai na frente. – e sorri. – Logo mais eu chego.

Vi quando Taeyong adentrou o banheiro e logo o barulho da água caindo era ouvido. Liguei rapidamente para a recepção do hotel e pedi para que trouxessem o jantar, bebidas e aproveitei para fazer o pedido de café da manhã... Queria mimar o meu amor do jeito que ele merecia. Em seguida, liguei para o quarto ao lado onde encontrava-se o manager e pedi para que ele tirasse Tae do quarto quando eu lhe mandasse uma mensagem. Com tudo combinado, me juntei ao meu lindo namorado para um banho.

 

O contato com a parede gelada do box me arrepiou. Um gemido arrastado saía de meus lábios, mas não pelo frio e sim, pelas estocadas fundas de Taeyong dentro de mim. Eu sabia que nosso banho não seria um simples banho. O mais alto me soltou aos poucos assim que chegamos ao nosso limite deixando um longo beijo na minha boca nos fazendo rir em seguida.

-Poupe sua energia, yeobo... – falei risonha enquanto fechava o chuveiro e pegava meu roupão.

-Não se preocupe com isso baby... – ele riu.

Discretamente, peguei meu celular e mandei mensagem para o manager que não tardou a aparecer. Com a desculpa de que ele precisava ser visto andando pelo lugar se não poderiam desconfiar, Tae saiu do quarto me deixando um gostoso beijo.

Já sozinha no quarto, arrumei tudo como pude para receber a janta que não demorou a chegar. Um dos funcionários deixou o carrinho com todo o jantar da noite mais a bebida dentro do quarto e com uma reverência saiu. Arrumei os pratos, talheres, acendi duas velas, coloquei uma roupa mais bonita, apaguei as luzes e mandei mensagem para que o manager o trouxesse de volta.

Não esperei mais do que dez minutos quando ouvi a porta ser aberta lentamente e escutar um sonoro:

-Uau! – ouvi a porta ser trancada e ele me viu sentada na cama.

-Vamos começar as comemorações? – perguntei caminhando em sua direção.

-Você é incrível, jagyia. – ele me beijou.

-Meu Bubu merece ser mimado, não é mesmo? – e sorri.

-Eu amo quando me chama assim! – piscou os olhos.

-Vem vamos comer.

Jantamos tranquilamente. Eu ouvia alguns desabafos de Taeyong e me sentia muito grata por ele ter essa confiança em mim. O conhecia desde o debut do seu grupo e já sabia o quanto ele sofria tanto pelo hate quanto pela pressão para ser bom líder. Tae fazia um ótimo trabalho, eu tinha orgulho dele.

Acabado o jantar, nos deitamos agarradinhos na cama. Não tínhamos pressa para ir além, quando fosse para acontecer, aconteceria. Liguei a TV procurando um filme para que pudéssemos assistir quando o senti me abraçar pela cintura e deitar a cabeça em meus seios.

-Vai dormir? – eu disse divertida. – Eu falei que era para poupar energia.

-Eu estou bem disposto, mocinha! – ele riu. – Vou esperar dar meia-noite!

Só que não. Na metade do filme que eu havia escolhido, sentia a respiração pesada do meu namorado contra meu peito me fazendo rir.

-Estava bem disposto, né? – falei baixo enquanto olhava o relógio vendo o mesmo marcar meia-noite. – Feliz Aniversário, amor. – sussurrei lhe deixando um beijo nos fios rosados e dormindo junto com ele logo em seguida.

A quarta-feira do dia primeiro de julho amanheceu ensolarada quando eu abri silenciosamente a porta do quarto para pegar a bandeja de café da manhã. Fiz questão de pedir uma refeição reforçada porém saudável com frutas, biscoitinhos, sucos e um pequeno cupcake com uma velinha tudo para deixar o Tae bem e feliz!

Deixei a bandeja em cima da mesa e engatinhei pela cama até tirar o cobertor que cobria toda a sua cabeça.

-Acorda, aniversariante... – disse deixando beijinhos pelo seu rosto e ouvindo uns resmungos em respostas.

-Só mais um minutinhos... – ouvi sua voz manhosa.

-Sem minutinhos, baby... – falei me debruçando nele. – Senão, não tem presente.

-Que presente? Eu disse que não precisava com...- o calei co um beijo.

Senti as mãos de Taeyong irem para minhas costas me segurando para que não fugisse e passei a descer os beijos pelo seu pescoço escutando seus arfares rouco, sentei em seu colo, desabotei o blusão do seu pijama e passei a distribuir beijos por todo seu tronco. Desci até a barra de sua calça o deixando de boxer e comecei a tirar eu mesma meu pijama. Taeyong apenas me olhava com brilho nos olhos enquanto uma mão alisava meu tronco já exposto e a outra, o próprio membro coberto...

 

Eu calvagava em seu membro enquanto sentia suas mãos fortes em minha cintura me ajudando com os movimentos. Não deixei que Tae fizesse nada, não ficasse por cima, não tocasse, nada... Era seu aniversário, queria fazer tudo para ele. O toquei, o amei e conduzi nossa transa da maneira que eu queria. Com mais algumas reboladas em seu colo, Taeyong gemeu um tanto alto apertando mais forte minha cintura e se desfazendo logo em seguida. Me desfiz não muito tempo depois saindo de cima dele me aninhando em seus braços.

-Uau! - ele disse deixando um beijo em minha cabeça enquanto regulávamos a respiração. – Queria fazer aniversário todo dia só para você me acordar assim... – rimos juntos.

-Bobo! – lhe olhei. – Vamos tomar café. – levantei deixando-o na cama e peguei a bandeja levando até ele.

-Jagyia eu... – ele olhava surpreso.

-Feliz aniversário, Bubu! – exclamei deixando a bandeja em seu colo me pondo ao seu lado. – Continue com o bom trabalho sempre! – lhe beijei nos lábios. – Eu tenho orgulho de você, da pessoa que você é e eu sou muito sortuda por ter você na minha vida! Nunca deixe que comentários negativos te abalarem. Você sabe que é mais forte que tudo isso, não sabe? – o vi assentir e lhe abracei deitando minha cabeça em seu ombro. – Eu te amo. – declarei suspirando em seguida.

-Eu amo você. – ele segurou meu queixo. – Eu que sou um sortudo por ter você! – sorriu. – Esse é o melhor presente que eu poderia ganhar. – voltou a olhar para a bandeja com admiração e acendeu a vela no cupcake.

-Faça um pedido, Bubu. – bati palma feliz.

-Meu pedido já se realizou. – ele me encarou de novo com os olhos brilhando. – Eu não preciso de mais nada! – ele assoprou a vela e me beijou em seguida.

Taeyong deixou a bandeja de lado, me deitando no colchão e ficando por cima de mim logo em seguida...

Passamos o dia trancados no quarto nos amando, trocando declarações e aproveitando as últimas horas que teríamos juntos antes de Taeyong voltar para o seu grupo.

 

Apesar dos dias terem passado rápido eu estava feliz, pois finalmente estava cuidando e mimando Taeyong como ele merecia.


Notas Finais


Bem é isso... um hot fofinho e cheio do amor e mimo porque o Tae merece e eu to triste!
Espero que tenham gostado!

Seguimos na quarentena né amores?! Vamos aproveitar este momento para:

↳ Por a matéria da escola/faculdade em dia

↳ Aprender uma coreografia legal

↳ Dar views em Punch: https://www.youtube.com/watch?v=U08OSl3V4po

↳ Dar views em Ridin: https://www.youtube.com/watch?v=vofjeJvRT9c

↳ Dar views em Turn Back Time: https://www.youtube.com/watch?v=eUCVRF6hjSQ

↳ Ler minhas outras histórias: https://www.spiritfanfiction.com/perfil/_thaaais/historias

↳ E vocês sabiam que eu, a @SJNCT e @Taeyongismyutt voltamos para mais uma fic super maravilhosa juntas?

Confiram lá: https://www.spiritfanfiction.com/historia/love-talk--imagine-hot--wayv-19729899

↳ Mimos também em A Aposta, nossa primeira parceria: https://www.spiritfanfiction.com/historia/a-aposta--nct--hot-18545297

↳ E a @angeloves fez um side da nossa fic A Aposta!

Confiram lá: https://www.spiritfanfiction.com/historia/agua-com-acucar-park-jisung-19141694

NÃO ESQUEÇAM, LAVEM BEM AS MÃOS, PROTEJAM-SE E FIQUEM EM CASA!

Ouçam SEMPRE a opinião de médicos, cinestistas, agentes da saúde, infectologistas... Pessoas que REALMENTE SABEM do assunto!

Não esqueçam de usar máscaras se forem para rua! E só saiam se for realmente importante!!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...