História Hard to love - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Originais
Visualizações 5
Palavras 565
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Estupro, Heterossexualidade, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 1 - Epílogo


Talvez eu só seja mais uma garota perdida com seus dezoito anos completos. Talvez eu seja apenas uma pessoa proucurando o que fazer da vida. Ou talvez eu só seja mais uma no meio de muitas outras.

  Já faz quatro meses que tento ser empregada em algo, distribui meu currículo por quase toda essa enorme cidade e nada. Nada de emprego, nada de uma chance para eu mostrar que sou capaz de ser alguém nesse mundo. Sei que não posso desistir, mas é exaustivo e frustrante acordar todos os dias e saber que o dinheiro que você juntou por anos está acabando e sua fome e cansaço só estão aumentando a cada dia.

Hoje o dia começou como os outros dias desses quatro meses. Me levantei da cama olhando ao redor e não ouvindo mais vozes ou passos pela casa, me direciono ao pequeno banheiro que fica em meu quarto e me olho no espelho reparando em meu cabelo totalmente bagunçado e minhas olheiras extremamente chamativas. Lavo meu rosto, penteio meu cabelo e escovo meus dentes. Estava com uma fome gigantesca mas como já era tarde decido deixar minha fome de lado e ir pegar meus currículos.

Estava andando pelas ruas fazia quase uma hora. O dia como sempre estava frio e com seu típico céu  acinzentado, a fome estava me consumindo, eu não conseguia parar para pensar o quão feliz eu ficaria se encontrasse uma cafeteria barata. Felizmente meu pedido foi atendido e achei uma cafeteria muito fofa e barata em uma esquina. Cheguei na porta da mesma desviando das mesas que tinham do lado de fora para os clientes. Não pude deixar de observar que  a cafeteria estava meio vazia, tinha apenas um homem sentado na mesa de dentro que era encostada na parede e uma mulher com um uma criança sentada na mesa perto da janela. Depois que fiz meu pedido me sentei em uma mesa que estava localizada em frente a um enorme quadro. Alguns minutos se passaram e a atendente trouxe meu pedido com um sorriso largo estampado em sua angelical cara e em questão de segundos dei a primeira mordida no delicioso donut e bebi um gole do meu café. Estava concentrada olhando para o pedaço que tinha sobrado de meu donut quando desvio o olhar para minha frente e vejo um cara moreno e com olhos extremamente azuis sentado na cadeira a minha frente.

- Olá moça-ele diz com um sorriso no rosto- eu ia pedir licença mas a senhorita estava tão concentrada.

- Oi, sem problemas-digo meio confusa mas com um sorriso falso.

Assim que tivemos o nosso breve diálogo ele morde seu croissant e eu como meu pequeno pedaço de donut. Se passaram poucos minutos de muito silêncio até que ele se levanta, vai até o balcão paga seu pedido e se direciona a porta sem al menos olhar para mim ou para trás. Decido fazer o mesmo pois estava ficando tarde e eu precisava terminar de entregar meus currículos.

Depois de passar em duas lojas de calçados vou para minha última esperança que era uma grande empresa. Ela estava precisando de pessoas para ajudar na limpeza, não estava muito confiante pois era uma empresa grande e famosa e a chance da vaga já estar ocupada é grande.

[...]

Assim que saí do grande edifício não estava acreditando que voltaria aqui amanhã as oito horas para começar meu novo emprego.

         

                               ***


Notas Finais


Comentem o que acharam desse primeiro capítulo :)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...